Paul Wight (Big Show) ter assinado pela All Elite Wrestling foi algo bastante surpreendente, e depois de muitos terem falado pelo “gigante”, foi agora o próprio que em entrevista no podcast de Renee Young explicou porque saiu da WWE.

O “gigante” afirmou que estava bastante frustrado com a WWE e então decidiu sair e assinar pela AEW.

Foi tudo muito rápido, em 48 horas a minha decisão estava tomada. Eu estava frustrado a nível criativo. Já tinha tido várias conversas com Paul Heyman, Bruce Prichard e até Vince McMahon.

Eu tive alguns problemas com a minha anca há alguns anos, e tu sabes como são as coisas, se sais de cena por uns tempos, é muito difícil para eles deixarem te voltar ao ringue, por mais talentoso que sejas. Mas para mim foi frustrante, porque estava a fazer dinheiro e a trabalhar uma vez com o Drew McIntyre, ou então antes a fazer equipa com o Kevin Owens e Samoa Joe e eu sentia que precisava de mais. Nunca fui pessoa de ficar no banco. Eu não vou ficar sentado em casa a receber o meu dinheiro como se fosse uma princesa. Eu gosto de trabalhar para merecer o meu dinheiro. Eu estive 18 anos na WWE sem nunca falhar uma tour. Eu adoro fazer o que faço.

Não conseguir fazer nada a nível criativo foi a minha maior decepção. Eu conheço Vince McMahon há muitos anos e sei que ele quando fica focado em algo, é difícil ser aquela peça da máquina que está a fazer barulho. Se não estás nos programas televisivos, ninguém se vai lembrar de ti. E isso torna-se frustrante, tal como é frustrante bater à porta de Vince McMahon. Eles tentaram usar-me noutras posições e queriam basicamente retirar-me, eu fiz logo questão de dizer que não queria isso. Agora tive a oportunidade de fazer outra coisa e aproveitei essa oportunidade.

Falei com Vince McMahon e Kevin Dunn e ninguém está zangado. No dia em que assinei, Vince McMahon ligou-me a desejar sorte e a dizer que eu era o maior nome da AEW e que estava feliz por eu ter assinado com eles. A WWE fez muito por mim para eu agora os enterrar numa entrevista. Isto é só relacionado com negócios.


Percebes as razões de Paul Wight para querer sair da WWE?

12 Comentários

  1. Mesmo no.final desta entrevista ele.famar bem do.vince e de certa forma da wwe a verdade é que vai um pouco contra as palavras que o proprio vig show disse semana passada ou á 2 já não me recordo da data.

    No entanto é triste para mim ver o big show noutra empresa depois de todos estes anos, pensei que iria ficar ligado a wwe para sempre e como gamer nao o ter no proximo jogo vai ser estranho, alguem qie está sempre em todos e alguem.com quem eu jogo até

  2. Se não estava feliz fez bem em sair.
    Eu pessoalmente não estou muito interessado no Paul Wight e no que vai fazer daqui para a frente,mas irei estar atento.

  3. El Cuebro1 mês

    Ele não é o único frustrado lá, mas enfim, bom que ele vai adicionar muita experiência à AEW, vai ajudar muito os lutadores mais novos, mas confesso que vê-lo lutando não é algo que me chame a atenção, ele sempre teve problemas sérios de mobilidade no ringue e agora não faria muito bem à ele!

  4. O que mais será que ele queria? É bom lembrar que ele teve muito destaque por vamos lá, 15 anos? Venceu títulos, feuds memoráveis, enfim…
    Acho que se não estava feliz, tinha que sair mesmo, agora dizer qualquer coisa relacionada a sua utilização? Não concordo.

  5. Facebook Profile photo

    Frustrado é uma palavra forte de quem esteve lá quase 25 anos a ganhar quase tudo. Se fosse o Aleister a falar ainda entendia. Nem na AEW o vejo ser World Champion (No More BS) kkk

  6. Nuno Gatinho1 mês

    Percebo, apesar de sua idade avançada e dificuldade em ringue, ele é experiente no negócio e poderia ajudar os mais jovens na WWE, mas como Vince McMahon não quis, o melhor foi ele assinar com a AEW.

  7. Se não estava contente fez bem em sair da WWE, melhores sucessos para ele, mas é verdade que não será a mesma coisa!

  8. Vitor Oliveira1 mês

    Big show >>>>> Paul Wight

  9. Alberto1 mês

    Big Show the Giant legend forever.