A carreira de Bryan Danielson nos ringues de Wrestling quase terminou para sempre quando o lutador se retirou em Fevereiro de 2016, tendo só regressado em Março de 2018, quando foi autorizado pela equipa médica da WWE.

Entretanto, mais de três anos depois de ter feito o seu regresso aos ringues e de ter entretanto trocado a WWE pela AEW, o “American Dragon” explicou em entrevista ao WDEL os motivos que o levaram a retirar-se há uns anos.

Eu realmente pensei que estava saudável e ainda acho que estou saudável. Um dos motivos pelos quais fui forçado a me retirar não foi por causa das concussões, mas porque menti sobre isso. Tens que entender, do ponto de vista da WWE, eu lutei por eles por 6 anos, mas de repente, eles abriram esta caixa de pandora sobre “mentir sobre o seu histórico médico e agora não podemos confiar nele”.

Muito disso foi construir a confiança de volta, mas eles também estavam legitimamente a cuidar da minha saúde. Eu visitava médico após médico e fazia tudo o que pudesse para melhorar a função cerebral, para mostrar a todos que o meu cérebro estava saudável.

Também é o meu amor pelo Wrestling. Parecia que eu ainda não tinha terminado [a carreira], ainda precisava voltar. Eu também acho que ainda há muito a ser feito na pesquisa de concussões, e quando estás a ver os melhores médicos do país e eles estão a autorizar-te a fazer o que amas fazer, acho que deverias ser capaz de fazer isso.


Achas que Bryan Danielson fez bem em regressar aos ringues ou poderá ter consequências no futuro?

3 Comentários

  1. Nem eu pensei que fosse regressar aos ringues, foi uma boa mentira!

  2. El Cuebro2 semanas

    Foi muito emocionante quando vi o Bryan ter que anunciar a aposentadoria, mas também foi muito bom quando ele anunciou que estava recuperado, ainda fez muita coisa após isso e ainda deve fazer um tanto!

  3. Anónimo2 semanas

    Acho que ele deve ter ponderado bem antes de regressar ao ringues.