Cedric Alexander está agora em destaque no Raw desde que se juntou aos Hurt Business, que tem sido um dos pontos altos da WWE neste ano de 2020.

Depois de alguns anos do 205 Live e a seguir a ter andado quase esquecido no Raw, Cedric Alexander em entrevista ao talkSPORT criticou a WWE pelo booking dos Cruiserweights na empresa.

Sim, às vezes, isso de não ter planos para os cruiserweights é algo que acontece e tudo porque existe a percepção que nós cruiserweights somos pessoas pequenas.

Eu neste momento peso 95kg e sou do mesmo tamanho de quase todos os lutadores do balneário, exceto alguns dos gigantes, óbvio. Eu de forma alguma sou uma pessoa pequena, alguém com 95kg não pode ser visto como uma pessoa pequena. Não é porque não tenho um peso enorme, que não consigo aleijar alguém, basta pensar na UFC, Jon Jones luta na categoria de 93kg e é um monstro.

Para mim o peso não significa nada, mas é a percepção que existe nas pessoas. Basta olhar para Rey Mysterio, que é um dos melhores de sempre, e ele é alguém que está bem longe de ter 90kg sequer.

Quando és bom, és bom e o tamanho não tem nada haver com isso. Daniel Bryan é outro exemplo de como quando és talentoso, o tamanho que tens não interessa.


Concordas com estas críticas de Cedric Alexander à WWE por acharem que os cruiserweights são demasiado pequenos?

15 Comentários

  1. Bruno Fec4 meses

    Seth Rollins, Daniel Bryan, AJ Styles, Sami Zayn…alguns dos mais talentosos daquele balneário não me parece que fujam muito dos 95kg

    • E com exceção do Sami todos ja foram campeões mundiais. Mas não dá para todos os cruiserweights serem campeões ou serem dominantes. E se todos forem underdogs, então ja não há motivo para haver underdogs. É uma questão realmente complexa o booking dos cruiserweight na WWE. Na verdade, o booking de todos os lutadores na wwe, com a exceção de alguns, é algo complicado. A coisa ta feia para todos!

  2. Eu pergunto é porque é que ainda existe o programa 205 live e a propria divisão de cruiserweights

    • Talvez porque fazem um tipo de luta diferente e o Vince pode não querer isso no MR e daí separa, mas concordo que pelo menos o programa 205 live devia acabar.

    • Facebook Profile photo

      Kkkkkk mesmo já não se fazem Cruisers como o Hurricane kkkkkk

    • Doughc4 meses

      Devia o title ficar de vez no NXT e acabar com o 205 (que teve sua boa fase).

  3. El Cuebro4 meses

    Eu sempre pensei que não deveria haver uma divisão por peso na WWE, aliás no pro wrestling, que é uma modalidade onde todos lutam contra todos pois o espetáculo permite, muito diferente do MMA onde isso não é tão possível, o Cedric está certo que os cruiserweights poderiam lutar com qualquer outro lutador, aliás isso acontece na NJPW onde os tidos como Jr. Heavyweights lutam contra qualquer outro lutador do roster!

  4. Ultimo cruiser que a WWE apostou num show principal foi o Neville depois disto só desperdiçou

    • E “apostou” bem mais ou menos né, porque fora o título cruiserweight e do NXT, ele não venceu mais nada… Uma disputa aqui ou ali, mas nada que fosse levado a sério.

  5. O peso não interessa, há lutadores magros e outros gordinhos que são muito bons no ringue!

  6. Falou muito bem.

  7. Bea Ospreay4 meses

    Espero que ele continue a ser pushado.

  8. Anónimo4 meses

    A WWE nunca ligou muito ao 205 essa é a verdade. Concordo com o Cedric, o talento não se mede por altura ou peso.

  9. Eu acho que a com exceção de alguns, os Cruiserweights realmente a divisão tem que estar separadoa dos demais, acredito que tenha sim diferença. É só parar pra pensar, da divisão de hoje, quem ali tem talento o suficiente, que tenha os requisitos para ter um punsh para ser levado lá pra cima no Roster?
    Santos Escobar
    Swerve?
    Quem mais? Acho que um Main Eventer faz muito mais que sposts e aquelas coisas todas… Claro que eu por eu achar que ele tem que star numa divisão separada, isso não significa que eu não ache que mereçam destaque, a forma que a divisão está é totalmente ridícula.