Frank casino

Eric Bischoff regressou à WWE em 2019 para ser o diretor executivo do SmackDown, mas manteve-se durante pouco tempo na empresa de Vince McMahon, ao contrário de Paul Heyman que ainda se mantém no cargo no Raw.

Em entrevista ao TalkSPORT e ao jornalista Alex McCarthy, Eric Bischoff explicou porque foi despedido da WWE.

Ao contrário do que muita gente pensa, eu não tive nada a ver com as negociações com a FOX. Quando eu cheguei à WWE as negociações ou já tinham terminado ou eram feitas por pessoas com cargos muito mais importantes que o meu.

Eu na WWE só falava com os executivos da FOX uma vez por semana e era somente para saber se havia algum problema que se poderia tratar ou não, e as minhas comunicações com a FOX ficavam por aí.

Eu fui contratado para supervisionar a equipa criativa, não para fazer parte da equipa criativa, e eu sou uma pessoa que se adapta facilmente e pensava que tudo ia correr bem. A verdade é que subestimei o que iria fazer e acabou por levar mais tempo do que aquele que eu esperava a adaptar-me, e acabei por não o fazer convenientemente.

Eu tinha passado os últimos quase 20 anos a trabalhar por conta própria ou a ser eu a mandar, e foi então que a minha má prestação para o papel que Vince McMahon tinha para mim fez com que eu fosse despedido. Fui eu que falhei e a culpa não é de mais ninguém sem ser minha.


Esperavas ver Eric Bischoff a admitir ser ele o culpado por ter falhado na WWE?

5 Comentários

  1. Hugo4 meses

    Bom…hoje parece ser o dia da “a Wwe é um lugar maravilhoso e a culpa é sempre dos outros nunca da Wwe”. espetaculares não é?

  2. Facebook Profile photo

    Vince’s Bitch!

  3. Penso que o Bischoff não sabia exatamente o que iria fazer no seu novo cargo e as coisas acabaram por não correr bem

  4. Anónimo4 meses

    Acho que o novo cargo foi demais para ele.

  5. Por acaso não estava à espera, portanto kudos para Eric Bischoff por ter feito “mea culpa” pelo seu fracasso.