Durante o Extreme Rules deste sábado houve um I Quit Match entre Edge e Finn Bálor, no qual o WWE Hall of Famer procurava vingar-se de todos os ataques que tem sofrido às mãos dos Judgment Day nos últimos meses.

Como é habitual em combates com esta estipulação, os dois lutadores foram-se castigando durante vários minutos para tentar obrigar o adversário a dizer “I quit”, mas apesar da ação ter decorrido por todo o lado, não tiveram sucesso.

A certa altura, Edge estava perto de vencer o combate, mas os restantes elementos dos Judgment Day apareceram para ajudar Finn Bálor, e acabaram por prender o “Rated R Superstar” com algemas às cordas do ringue.

Rey Mysterio apareceu para tentar ajudar o Hall of Famer, mas foi atacado de forma surpreendente pelo seu filho, Dominik.

Pouco depois apareceu Beth Phoenix com um kendo stick, que despachou toda a gente, até mesmo Rhea Ripley, e soltou o marido das cordas.

Parecia então que Edge tinha “caminho livre” para vencer o I Quit Match, mas os Judgment Day voltaram-se a unir e atacaram brutalmente o casal, sobretudo o “Rated R Superstar” com vários Coup de Graces.

Só que Edge continuava a recusar-se a desistir, o que levou Rhea Ripley a ameaçar aplicar um Con-Chair-To em Beth Phoenix. Com isso, o Hall of Famer cedeu e lá acabou por dizer “I quit”, perdendo o combate.

Apesar do “Rated R Superstar” ter cedido à chantagem dos Judgment Day, Rhea Ripley acabou mesmo por aplicar o Con-Chair-To na “Glamazon”.


O que achaste deste I Quit Match no Extreme Rules? Esperavas a vitória de Finn Bálor?

17 Comentários

  1. Murilo4 meses

    Ele trapaceou,usou a esposa do Edge pra superá-lo nos jogos mentais,igual ao Seth,não sabe ganhar limpo

    • Shockmaster primeiro4 meses

      Pois é, isso que se chama ser heel no wrestling

    • Devilish4 meses

      Heel né

    • Natan4 meses

      Cara, isso é o chamado a ser heel, todos eles fazem assim pra ganhar o combate

  2. Natan4 meses

    E o Dominik que foi tentar cumprimentar o Edge sendo que o último meteu chute nas partes baixas do primeiro por retaliação, será que o Dominik irá se afastar do JD e o Edge acabar retornando a ser líder da stable ?

  3. Para mim este foi o combate da noite, e estou a adorar a história entre os envolvidos, ainda há alguns combates para acontecer e a Rhea está para mim cada vez melhor, seja em ringue, gimmick, tudo!
    Já esperava a vitória do Finn e fez todo o sentido assim o ser, e espero que os JD comecem a ter outras rivalidades com outras stables e quem sabe vencer algum título.
    Estou curioso com AJ Styles, que para mim encaixava muito bem neste grupo, e não sei se sou o único mas estou farto de ver o AJ Styles fora de títulos ou de bons combates, e acho que se juntar ao Finn seria o ideal.

    • Filipe4 meses

      Ainda vamos ter um War Games match entre os dois: JD vs edge, Rey, aj styles e Beth(?)

    • Olha, isso é uma grande ideia, e AJ Styles ajudava os JD a ganharem no fim juntando-se ao grupo, bela ideia!

  4. Eugen34 meses

    Que raio aconteceu ao Rey durante o combate? O domínik deu mesmo cabo dele X)

  5. Por acaso esperava que fosse o Edge a ganhar, mas também pensei ser este o desfecho caso fosse o Edge a perder. É assim aconteceu. Pensei neste cenário, por causa do que aconteceu também no combate Roman Reigns vs Jey Uso.

  6. Bruno Fec4 meses

    Mas que bem construído, quando vi a tipologia do combate pensei sempre que Edge ia ganhar, o que levaria a enfraquecimento de Balor e os Judgment Day, assim saiu com uma grande vitória mesmo à heels lixados.

  7. Balhote4 meses

    Grande combate, storytelling muito bom numa feud que tem sido bastante interessante. O HHH deu muita legitimidade e importância aos Judgement day e por isso o resultado é perfeitamente aceitável e fez todo o sentido. Acho que a feud vai continuar com mais um combate no Crown Jewel e ainda bem porque apesar desta rivalidade já ser bastante longa acho que ainda está bastante interessante.

  8. El Cuebro4 meses

    Eu ainda acho um grande erro isso te cadeiradas na cabeça, é bem arriscado, mesmo sendo bem treinado e não efetivamente se acertando a cabeça de um rival, mas é perigoso ainda, no mais foi um combate bem bom, cheio de intromissões como imaginado, espero poder ver mais do Finn no futuro e acho que veremos mais da rivalidade de pai e filho, Edge e Beth devem dar um tempo da WWE quem sabe!

  9. Zedge4 meses

    Agora sim, com a Beth metida na equação a rivalidade caminha para o final, com a Beth para enfrentar a Ria e Rey e Edge para Priest e Domminick, falta agora o AJ para fazer o 4 man tag match contra os Judgement Day

  10. Anónimo4 meses

    Foi um ótimo combate, gostei como foi desenvolvido.