O nosso YouTube está de volta. Subscreve!
Frank casino

O mundo do Wrestling ficou em “choque” quando Goldberg foi anunciado em Maio de 2016 como bónus do WWE 2K17, deixando antever o que viria a acontecer meses mais tarde, com o Hall of Famer a regressar aos ringues.

Depois da sua saída algo atribulada da WWE em 2004, após o combate contra Brock Lesnar na WrestleMania XX, muitos fãs deixaram de acreditar que algum dia voltariam a ver Goldberg nos ringues da WWE. Ele e Brock Lesnar disseram adeus à WWE na mesma altura, mas ambos acabaram por regressar.

Entretanto e em conversa com “Stone Cold” Steve Austin numa recente edição do Broken Skull Sessions, Goldberg revelou que foi Paul Heyman a pessoa responsável por o trazer de volta à WWE e que tornou esse regresso possível. O ex-campeão mundial e uma das principais caras da WCW disse o seguinte:

Se não fosse o Paul Heyman, o meu regresso não teria acontecido. Não estou a dizer que foi ele quem me ligou, mas criativamente isso foi parte do acordo. Existem pessoas que te conhecem e pessoas que não te conhecem. Temos de saber o que funciona e executar de imediato. Não existe possibilidade de testar e errar. Sempre confiei nele ao longo da minha carreira.

Goldberg regressou aos ringues da WWE no Survivor Series de 2016, onde derrotou Brock Lesnar em minuto e meio. Mais tarde acabou por enfrentar Kevin Owens no Fastlane de 2017 e conquistar o WWE Universal Championship, que viria a perder para Brock Lesnar na WrestleMania 33.

Mais recentemente, Goldberg acabou por ficar marcado por um episódio menos feliz, quando juntamente com Undertaker protagonizou um terrível combate no WWE Super Showdown na Arábia Saudita, redimindo-se semanas depois com um “combate” contra Dolph Ziggler no SummerSlam.

Não se sabe se Goldberg voltará a lutar pela WWE num futuro próximo, mas pelo menos teve oportunidade de regressar e acrescentar outros pequenos capítulos à sua carreira, que de outra forma teria acabado há 16 anos.


Achas que a WWE fez bem em trazer Goldberg de volta em 2016?

6 Comentários

  1. Hugo2 meses

    Sim mas claro que sim,agora se o lutador podia ter sido aproveitado de outra maneira,claro que podia,o combate contra o undertaker foi mais que uma mancha na carreira dele foi 1 derrame completo. E o undertaker tambem saiu queimado no meio disto tudo.

  2. José Nuno2 meses

    Se o CM Punk voltar, tambem certamente terá uma certa influencia do Paul Heyman

  3. Showstealer2 meses

    Foi uma boa decisão, acho que Goldberg não poderia encerrar a sua passagem pela WWE depois daquele combate contra Brock Lesnar em 2004 e por isso ainda bem que regressou em 2016.