Este domingo, num live event da WWE, Jamie Noble fez o seu esperado regresso aos ringues para fazer o último combate da carreira na sua terra natal.

Foi no main event do show em Charleston, West Virginia, que Jamie Noble juntou-se a Braun Strowman e aos Brawling Brutes (Butch & Ridge Holland) para enfrentar a Bloodline (Jey Uso, Jimmy Uso, Sami Zayn & Solo Sikoa).

Este Eight-Man Tag Team Match resultou na vitória para a equipa de Jamie Noble, que tem trabalhado na empresa como produtor e não competia desde Junho de 2015, quando lutou acompanhado por Seth Rollins e Joey Mercury.

Jamie Noble é conhecido por ter feito parte da J&J Security, que era uma dupla com Joey Mercury, que ajudava o antigo campeão mundial Seth Rollins.

O final do combate ocorreu quando Jamie Noble aplicou o seu Gibson Driver (uma versão do Tiger Driver) em Sami Zayn.

Apesar da derrota, o “Honorary Uce” reagiu a este momento e mostrou-se honrado por poder ter feito parte do último combate da carreira do veterano.

Uma noite emocionante. Sinto-me humilde e honrado por ter tido o privilégio de dividir o ringue com Jamie Noble esta noite na sua luta final. Muito poucos realmente sabem o quanto Jamie contribuiu para esta indústria. Uma das grandes mentes deste negócio e um herói desconhecido na WWE. Grato.

Este foi o tweet de Sami Zayn:


O que achaste dos últimos momentos de Jamie Noble dentro dos ringues?

3 Comentários

  1. El Cuebro2 meses

    É bom ver o Jamie de volta e finalmente tendo sua aposentadoria, se não me engano o Mercury já teve algo assim esses tempos, mas fora da WWE e agora a vez do Noble, bem legal ver a família dele ali e que o time dele venceu!

  2. Grande Noble! É ótimo vê lo nos rings

  3. Ricardo Freakin'Braz2 meses

    Eu acho que este último combate podia uma tag team match com o Seth Rollins