Durante os últimos anos a WWE tem imposto aos lutadores que despede o cumprimento de uma cláusula de não competição de 30 ou 90 dias, impedindo-os assim de assinar e lutar por outra empresa durante esse tempo.

Numa recente conferência do presidente norte-americano Joe Biden, este abordou este tipo de cláusulas contratuais que impendem a competição e concorrência entre empresas, considerando-as de ridículas.

Fiz um discurso em 2018, onde falei sobre as cláusulas de não concorrência/competição que existiam, achei absolutamente ridículo o quão prevalentes eram em todas as empresas.

Pelo menos uma em cada três empresas exige que os seus funcionários assinem um acordo de não concorrência/competição. Estes não são apenas os executivos bem pagos. Estudos recentes descobriram que um em cada cinco trabalhadores sem formação universitária está sujeito a acordos de não concorrência/competição.

Pense numa funcionária de uma empresa de 26 anos, ela é uma excelente trabalhadora, mas não está a ser tratada da maneira certa. Ela é mal paga, preterida por promoções. O concorrente do outro lado da rua sabe disso e quer contratá-la com um salário mais alto, mas ela não pode fazer isso. A sua empresa ameaça uma ação legal por causa de uma cláusula de não concorrência/competição que ela teve que assinar para ser contratada em primeiro lugar. Ela não pode pagar a um advogado para ajudar, então ela está presa.

Imagine que você está no lugar dela, você se sentiria impotente, desrespeitado, intimidado, preso. Isso não está certo. Os trabalhadores devem ser livres para aceitar outro emprego se alguém o oferecer. Se o seu empregador quiser mantê-lo, ele deve fazer com que valha a pena para você ficar.


O que achas destas declarações de Joe Biden? Conseguirá ele impedir que a WWE e outras empresas utilizem este tipo de cláusulas contratuais?

15 Comentários

  1. L26MC3 semanas

    Não concordo que os lutadores sejam livres para escolherem outra empresa enquanto estão com contrato. Tudo é negócio, se fosse assim andava tudo a trocar de empresa mês a mês e as empresas saiam sempre lesadas, ainda por mais no wrestling que existem certas storylines que duram meses.

    Sou a favor de haver trocas e compras de lutadores, com os lutadores a terem cláusulas de rescisão, um pouco à imagem do futebol.

    De resto só punha a cláusula de 90 dias para 1 mês no máximo, assim dava para a empresa e o lutador pensarem no seu futuro.

  2. Hugo3 semanas

    Bom…..
    Até o seu presidente o acha sr. McMahon,até o presidente.
    Mas agora também a sério,acho que se houver uma conversa entre os dois,sempre se poderá fazer alguma coisa. Mas é claro que seria uma conversa off the record,com as devidas contrapartidas bem conversadas.
    Pois eu acho que o presidente Joe não tem poder para se intrometer diretamente numa empresa privada. Dai é que tudo têm de ser feito off the record,por isso haja boa vontade e a litle bit of the bubly,que a coisa resolve-se

  3. Guilherme Moscovich3 semanas

    Errado ele não tá.

  4. El Cuebro3 semanas

    Não sou nada a favor da cláusula dos 90 dias, mas entendo o que ela significa, só acho esse tanto de tempo exagerado, podia ser somente 1 mês, estaria bom demais assim, ajudaria muito os atletas a não ficar muito tempo numa pausa e proporcionaria ótimas surpresas!

  5. Rocky Marciano3 semanas

    O pior é que ainda a empresa paga para um lutador que não vai ser usado por 2 meses , no final tanto a empresa como o lutador saem prejudicados e lutador fica preso numa empresa que não vai utiliza-lo e principalmente que muitos lutadores dependem do merchandising para ganhar uma grana extra.

  6. Preguiça de por nome3 semanas

    O bosta querendo falar de outra merda!
    Bide n tem moral nenhuma pra falar
    Bostao!

  7. No caso da WWE os 3 meses não são pagos? Tinha ideia de que sim.

    Seja como for, acho a cláusula ridícula. No máximo um mês.

    • Kay Orton3 semanas

      Penso igual e na WWE acredito que vc é pago pra não lutar nesses 90 dias. De 1 até 2 meses pra pessoa se estabilizar novamente já estaria ótimo. Até pq imagina o caso do Aleister Black que ficou sumido por meses, ele iria completar 1 ano afastado dos ringues se tivesse 90 dias é ridículo e só atrasa a vida dele.

    • Sim, são pagos.

  8. Anónimo3 semanas

    Escolher outra empresa enquanto têm contrato com outra não acho isso bem. Mas não acho que seja preciso haver cláusulas de não competição de 90 dias, acho que de 30 chega.

  9. Penso que os 30 dias de cláusula já são suficientes!