No final de 2021, Jon Moxley afastou-se dos ringues e foi para um programa de reabilitação para tratar do seu vício de álcool.

No podcast da sua esposa Renee Young, o lutador da AEW revelou que a sua terapeuta queria que ele se retirasse do Wrestling.

Suores noturnos, pesadelos malucos, os meus químicos estão todos desequilibrados, mudanças de humor estranhas.

Digamos que não tem sido fácil. A parte de não beber é fácil. Não tenho nenhum desejo de beber. Não consigo sequer imaginar beber neste momento. Não ter bebido foi fácil. Já tinha tentado deixar de beber durante muito tempo.

Lidar com todos os efeitos posteriores e com o que acontece fisicamente quando o corpo passa por esta metamorfose, e tentar manter o equilíbrio, não tem sido fácil.

Estou na televisão nacional enquanto estou a passar por estes problemas e estou à frente de toda a gente. Muitas pessoas na minha posição teriam ficado em reabilitação por muito mais tempo. Eu poderia ter ficado escondido muito mais tempo do que estive.

A minha terapeuta, disse-me logo para eu me reformar. Ela disse: “Começa uma escola de Wrestling. Treina alguns miúdos. Sabe qual é o problema? Tens de sair de lá”. Mas eu não acho que o problema seja o Wrestling.

Já sobre o seu regresso aos ringues, o “Purveyor of Violence” afirmou que se sentiu estranho nas primeiras semanas e só depois do combate contra Bryan Danielson no Revolution se começou a sentir normal.


Pensas que a terapeuta deu um bom conselho a Jon Moxley?

9 Comentários

  1. Como dizia o John Cena: ” Never Give Up ”
    Foi um mau conselho da parte da terapeuta porque não tou a imaginar o Jon Moxley a ensinar putos a fazerem golpes e fazerem finishers e por aí fora!
    Espero que o Jon Moxley continue por mais alguns anos nos ringues a lutar porque penso que lutar para ele, é a melhor sensação para ele devido aos problemas que ele tem tido…

  2. CoffinMeme6 dias

    para mim o Mox apenas se deveria retirar se tivesse alguma lesão grave pk tirando isso, o Wrestling corre-lhe nas veias e é sempre bom ve-lo neste desporto.

  3. El Cuebro6 dias

    Eu discordo com a terapeuta e ainda bem que o Jon continuou no pro-wrestling, imagino que a modalidade seja uma boa terapia para todos e todas que escolheram fazê-la, sei que é sempre bom de assistir e agora ele pode ser quem sabe o campeão novamente depois de ter passado por grandes obstáculos!

  4. Anónimo5 dias

    É bom ver que o Moxley continua no Wrestling. E se ele sente que continuar lhe faz bem, ainda bem.

  5. Percebo o que a Terapeuta disse, mas o Mox vive o wrestling! E ainda tem tanto para nos dar, e tanta para fazer em ring!
    Acho que é algo que ele ama e ao mesmo tempo um escape para ele

  6. Essa trapeuta não precebe nada…

  7. Alexandre5 dias

    vai fazer terapia com feminista, esperava que conselho? Ela sabe que o cara ama o wrestling e que isso é o que traz o sustento de sua família. Aí qual conselho ela dá? Abandone o wrestling! Se ele fizesse isso talvez se afundasse de vez no vício. BITCH!!

  8. O Moxley luta até à morte se for preciso!