Match of the Week #189 – Bayley vs Sasha Banks

Com o Roadblock: End of the Line prestes a acontecer e o combate pelo Raw Women’s Championship entre Sasha Banks e Charlotte a ser anunciado como um 30-Minute Ironman Match, decidi revisitar o primeiro Ironman Match feminino, que aconteceu no NXT Takeover: Respect, entre a Bayley e a Sasha, que a WWE fez o favor de disponibilizar no Youtube (apesar de não se conseguir decidir se é Ironman ou Iron Woman).

Quando este combate foi anunciado, acho que a primeira coisa que me veio à cabeça foi “Porque é que isto está só a acontecer agora?”. Eu digo isto em relação à estipulação, que não entendo porque é que nunca foi usada em combates femininos. Algumas pessoas podem dizer que houve certas alturas na história da WWE em que se calhar não existiam as lutadoras certas para um combate que sem dúvida exige bastante dos seus intervenientes. No entanto, eu acredito que feuds como Trish Stratus vs Lita e até AJ Lee vs Kaitlyn poderiam ter beneficiado com esta estipulação, e não tenho dúvida que elas seriam capazes de dar conta da tarefa.

Será então porque ninguém na WWE acreditava que o público quisesse ver um combate feminino com uma duração tão longa? Talvez, mas quanto a isso digo que não é só o trabalho das lutadoras que entra na equação, mas a situação em que a estipulação surge, e se é bem utilizada e justificada, e não apenas lançada ao ar “porque sim”. Tanto no combate entre a Bayley e a Sasha como no combate que acontecerá no Roadblock, a estipulação é usada de maneira a marcar um ponto final firme na storyline em questão.

Neste combate, temos a nova campeã a querer mostrar que merece o título que ganhou, e a ex-campeã, que apesar de estar de saída do NXT, quer provar que Brooklyn foi uma anomalia, um momento de sorte, que nunca se vai repetir. No domingo, teremos duas atletas que constantemente se confrontaram e, após tanto tempo, tantas trocas de título e tantos combates, é necessário um combate deste género para descobrir quem realmente é a melhor.

Quando é bem feito, qualquer combate pode ser incrível, independentemente de ser disputado entre lutadores ou lutadoras. Este combate, apesar de não ser exactamente tão bom como o clássico que aconteceu em Brooklyn, prova exactamente isso.

Sobre o Autor

- Apresentador do programa SmarkDown!

3 Comentários

  1. BRUNOju. - há 10 meses

    De acordo <3

  2. KILL OWENS KILL - há 10 meses

    Lutaça. Em breve essas duas voltarão a se enfrentar no Main Roster…

  3. Rui Ribeiro - há 10 meses

    Excelente escolha Basílio. Na minha opinião o melhor combate feminino da História (embora o de Brooklyn não fique muito atrás), onde a Bayley foi uma underdog impecável e tivemos um “heel work” sensacional da Sasha! O Kevin Owens que aprenda como se põe crianças a chorar xD

Comentar

Editar avatar »