Mick Foley, para além de ser uma das grandes lendas do Wrestling, sempre foi apontado por muitos dentro da indústria como uma das melhores pessoas no mundo do Wrestling.

Em entrevista ao podcast de Renee Young e Miesha Tate, o Hall of Famer relembrou uma situação em que teve de defender Stacy Keibler, tendo afirmado a seguir que a WWE paga mal às suas Superstars femininas.

Desde que conheço Jonathan Coachman, só por uma vez me “zanguei” com ele. Ele estava a denegrir o bom nome da Stacy Keibler, e tudo porque ela não queria voltar à WWE e queria fazer outras coisas.

Por isso tive de lhe fazer uma promo, a explicar que ao contrário dos homens, as mulheres não tinham as suas viagens e hotéis pagos, não recebiam dinheiro para alugar carros e assim.

Esperava-se que elas fossem grandes embaixadoras da empresa. Esperava-se que elas estivessem sempre com bom aspeto enquanto viajavam pelo mundo. E no final, depois dos impostos, elas não recebiam o dinheiro que mereciam.


Acreditas que neste momento a WWE já paga às suas lutadoras o que elas merecem?

7 Comentários

  1. El Cuebro4 semanas

    Talvez isso aconteça até hoje, com a WWE nada é de se duvidar, mas infelizmente isso é uma realidade em muitos lugares e é algo muito injusto, todo mundo deve ter o mesmo tratamento e direitos!

  2. É uma vergonha isto acontecer com uma companhia do tamanho da wwe

  3. Eduardo Guimarães4 semanas

    muito bom ver uma lenda como o Mick Foley sempre defendendo os direitos das mulheres, coisas que outros veteranos da indústria deveriam buscar aprender e também ajudar a igualar as diferenças de gênero no wrestling

  4. Atualmente devem receber bem melhor, as do NXT é que não devem receber lá muito!