More Than Words #80 – Babyface ou Heel?

2 semanas 12

O mais difícil não é chegar ao topo, mas sim permanecer. Eu gosto bastante desta frase, aplica-se perfeitamente ao mundo competitivo do desporto e como não podia deixar de ser, ao mundo do wrestling também. Mas porquê começar o artigo com esta frase? Eu decidi começar o artigo com esta frase pois acho que esta descreve perfeitamente a situação atual de Seth Rollins. Como sabem, neste último ano, Seth Rollins tem estado envolvido em diversas polémicas no twitter, tudo porque como Top Guy que é, defende a companhia com unhas e dentes independentemente das críticas de que é alvo e tem recebido imenso ódio devido a isso. Eu pessoalmente não acho que todo esse ódio que tem recebido seja justo.

Podem olhar para a minha foto de perfil e dizer-me que estou a ser parcial, mas a meu ver, acho que Rollins apenas está a  querer defender a sua companhia e o seu trabalho como qualquer bom empregado de uma empresa o deve fazer, o problema é que não o está a fazer da forma correta. E qual é a forma correta, perguntam vocês? Eu também não sei. mas aquilo que Rollins está fazer: comparar saldos bancários e chamar à AEW de “liga menor”, não são a meu ver as opção mais acertadas, muito menos enquanto top guy. E posto isto, coloco-vos a seguinte questão: Terá Rollins estofo necessário para ser o top guy da WWE?

Eu acho que esta é a questão mais importante a levantar, acho que toda esta polémica tem a relevância que tem, devido ao facto de o Rollins ser um top guy e neste momento, talvez, a cara da companhia. Por exemplo, imaginem que era Zack Ryder no lugar de Rollins, teria esta polémica tomado as proporções que tem tomado? Eu acho que não, eu acho que todas estas polémicas tomaram estas proporções porque quem está envolvido nelas é o top guy de uma companhia. E é aí que está o problema, Seth Rollins na posição onde está, não deveria estar envolvido em polémicas destas, ou melhor, devia ter comportamentos diferentes em relação àqueles que tem e que despoletaram todas estas polémicas. Rollins tem-se revelado muito temperamental e alguém com estas características, estando no topo, tem uma grande probabilidade de não permanecer lá durante muito tempo.

É que ainda por cima, Rollins tem o azar de ser o top guy numa era em que o Twitter cada vez mais é parte integrante do wrestling. O Twitter é uma plataforma conhecida pela quantidade de ódio e negativismo que contém. pela forma como multidões de usuários insultam de forma desenfreada, qualquer pessoa cujas opiniões não convergem com as suas. Portanto, perante um ambiente destes, o melhor é comportar-se de forma serena e ponderada e aquilo que Rollins está a fazer, é cair no mesmo erro de todas as pessoas que insultam desenfreadamente e sem motivos nesta rede social, que é não pensar antes de dizer as coisas, ser impulsivo.

Como se pode ver, as redes sociais e a forma como se comporta e se interage nelas têm um papel cada vez mais importante no mundo do wrestling, especialmente quando se é um superstar de topo como é o caso do Rollins, mas como é que isso afeta o seu estatuto de top guy? Eu já referi que a forma como este interage nas redes sociais não é de todoa  mais indicada enquanto cara da companhia, mas ele continua a receber o mesmo ao final do mês e a ser tratado como top guy por Vince McMahon, portanto, como é que isso o afeta?

A questão é que mesmo que este seja visto como top guy dentro da empresa, a imagem dele enquanto wrestler aos olhos dos fãs acaba por mudar, nem que seja apenas um pouco. E muda porquê? Porque isto, parecendo que não, afeta a sua gimmick, o seu carácter enquanto wrestler. Para os fãs casuais pode ser que nada mude, mas para aqueles que acompanham regularmente e gostam de acompanhar notícias de wrestling, é muito complicado perceber se o Rollins é um babyface ou um heel. No ringue este atua de forma geral, como um face, mas a forma como este age no Twitter é a de um heel. Se isto acontecesse há uns anos atrás, por volta de 2014, quando Rollins fazia parte da Authority, não havia problema nenhum neste tipo de atitude, até acrescentava algo à personagem que Rollins estava a construir.

Mas no momento presente, isto não acrescenta nada, só torna tudo mais confuso e faz com que seja muito difícil para Rollins se estabelecer enquanto babyface. Quem é que gosta de ver um babyface que mostra arrogância? Acho que praticamente ninguém. É por isto que muitas pessoas querem que ele seja heel novamente. Não é que Rollins não consiga ser um babyface, nem é pelo booking que tem, este tem sido comparado a Reigns na altura em que este último tinha mais destaque, mas na minha opinião o booking do Reigns era bem mais forçado  A vontade de muitos fãs de o quererem ver como heel, prende-se essencialmente, na minha opinião, com a forma como age nas redes sociais.

Imaginem que quando o Stone Cold estava ainda no ativo e era um dos os superstars de topo da WWE, já existisse o Twitter. Seria agradável ver o Stone Cold a tweetar de forma muito articulada e formal, sempre sereno e pacífico com tudo e tudos? Eu acho que não, isso não eram comportamentos que o Stone Cold teria em ringue, o que se esperaria dele seria meia dúzia de palavrões e um stunner a carimbar, isso é que definia a sua personagem. As redes sociais devem ser, na maioria do possível, claro, um prolongamento daquilo que é o carácter de um wrestler em público. Com isto não estou a querer chegar as extremos, por exemplo, nãoquero que o Sami Zayn pare de defender as suas causas no Twitter, não é aí que eu quero chegar. Apenas acho que comentários como os que Rollins fez  não acresentam nada à sua personalidade e podem inclusive, como tem acontecido, acabar por prejudicá-la, passando uma imagem bastante diferente daquela que a sua personagem em ringue pretende passar.

Para concluir e voltando à pergunta que eu coloquei no início, terá Rollins o que é necessário para ser o top guy da WWE? Eu acho que até pode ter, mas neste momento não está a demonstrá-lo. A cara da companhia, que geralmente é um babyface, tem de ter um vasto leque de competências, tanto em ringue, como fora dele e uma dessas competências, que apenas apareceu recentemente, mas com uma importância cada vez maior, é a gestão das redes sociais. E nesse departamento, Rollins ainda tem muito a melhorar se quiser ser visto como um legítimo representante da companhia.

Sem querer estar a ser ofensivo, não é de todo o meu objetivo, até porque Rollins é alguém que eu admiro bastante, acho que não fazia mal nenhum este pedir uns conselhos à Becky. Não é como forma de insulto que eu estou a dizer isto, apenas acho que Becky está a fazer um trabalho exemplar na redes sociais enquanto babyface e acho que isso pode perfeitamente servir de modelo para o Rollins seguir, afinal de contas, ela é também cara da companhia.

Portanto, eu acredito que Rollins consiga ser a cara da companhia e manter-se no topo de forma indiscutível, tal como Becky está a fazer neste momento, mas para tal,  tem de haver uma personalidade estabelecida e neste momento não há. Há uma disparidade enorme entre a identidade de Rollins no ringue e nas redes sociais e se este se quiser afirmar como top guy e representar a companhia de forma legítimas aos olhos de todos, das duas uma: Ou a sua personagem sofre de facto um heel turn, como muitos propõem, ou então este muda radicalmente a sua apresentação na problemática plataforma que é o Twitter.

Obrigado a todos os que leram este artigo, espero que tenham gostado e eu volto para a semana com mais um More Than Words. Até lá, desejo-vos a todos uma boa semana.

12 Comentários

  1. Beatriz Lynch2 semanas

    Otimo artigo, acho que a melhor opção no caso seria um heel turn, mesmo que ele mude seu compartemento no twitter, acho que ja é hora de voltar a ser o “Archtect”.

    Obs: senti falta das frases nas imagens kkkk

    • Muito obrigado pelo comentário! Eu, pessoalmente não me importaria que ele continuasse como face, acho que ele é competente nesse papel, mas caso a WWE queira fazer o turn, também não fico muito incomodado, ele já nos mostrou que é um ótimo heel.

      Em relação às legendas nas imagens, eu tento meter apenas em análises dos PPV’S ou em artigos onde vejo que elas encaixem bem e este artigo não foi o caso, mas não te preocupes que não vou deixar de as meter😉.

  2. Anônimo2 semanas

    o Seth Rollins pode ser o top guy da wwe neste momento, mas a cara da wwe é a Becky Lynch, e o Roman não foi mais forçando. do que o Seth Rollis tem sido nos últimos tempos.

    • Em relação à Becky estou de acordo. Aliás, eu disse mesmo no artigo que Becky era também a cara da companhia. No que toca ao Roman, discordo. Acho que o Roman foi muito mais forçado do que Rollins está a ser atualmente. O Roman teve anos e anos a ser forçado como babyface de topo, o Rollins para além de ser mais recente, não acho que esteja a ser muito forçado.

  3. Showstealer2 semanas

    Excelente análise à situação atual de Seth Rollins. Enquanto igualmente fã de Rollins, gostava que ele se tornasse heel novamente para ganhar aquele factor especial que lhe pode dar momentum mas se continuar como face também fará um papel razoável.

    • Concordo perfeitamente Showstealer, mas como heel acho que Rollins mostra muito mais caráter e personalidade, e principalmente conseguiria continuar a atuar como atua nas redes sociais porque tal como está no artigo talvez ligue à sua personagem

    • Showstealer2 semanas

      Nem mais, Cfrp. Completamente de acordo!

    • Obrigado pelo comentário. Caso o Rollins continue o mesmo comportamento no Twitterr.aí faz todo o sentido o seu heel turn ou mesmo que não continue, se calhar a sua personagem está mesmo a precisar de um heel turn para renovar, se isso lhe der momentum, como tu disseste. enquanto fã de Rollins, sou completamente a favor, apenas não acho que seja algo urgente ou estritamente necessário fazer.

  4. Eu gosto do Seth Rollins, mas acho que a personagem está num momento em que está bastante confusa, sinceramente ele na WWE é Face agora se parece Face? Ele parece qualquer coisa… ainda não se sabe é o quê.. Porque fez no último RAW uma promo à Face, cumprimentou o Humberto no fim do combate, mas depois tem comportamentos de Heel do tipo invadir e incendiar a FireFly Fun House, por vezes fala com alguma arrogância à bem pouco tempo estava a ser intrevistado no backstage e a meio da pergunta tira o mic acaba a pergunta e dá a resposta mostrando que se está a ca*** para a entrevistadora e quer é dizer o que ele quer e despachar-se, no HIAC o árbitro pediu-lhe para parar por causa do Wyatt e ele mesmo assim espetou-lhe uma marretada na cabeça e no fim quando o mesmo ainda estava a ser colocado na maca ainda lá foi falar com ele totalmente furioso… fala como um Heel nas redes sociais… Mas no fundo nós sabemos que ele é Face… isto é estranho… acho que não é só o que se passou nas redes sociais acho que os últimos shows têm baralhado um bocado as coisas

    • Tens toda a razão Bruno. Realmente não é só as redes sociais, o Rollins por vezes tem certos comportamentos nos quais demonstra uma certa arrogância e tal como eu referi no artigo, acho que ninguém gosta de ver um babyface agir. com arrogância. Há, de facto, uma espécie de indefinição na sua personagem, uma espécie de mistura de características que não combinam umas com as outras e constroem uma personalidade muito confusa e assim é difícil ficar investido, por mais talento que o Rollins tenha.

    • Eu acho que ele até consegue ser um bom Top Guy mas mais ao estilo do Stone Cold

  5. Gabriel2 semanas

    OLHA, SETH ROLLINS É MEU WRESTLER FAVORITO DE TODOS OS TEMPO. EU ACHO O CARA COMPLETO, TEM INFINITOS MOVES, VERSATILIDADE, AGILIDADE, FORÇA, COMPETENCIA. QUANDO TEM Q FAZER UMA GRANDE MATCH ELE CONSEGUE ENTREGAR UMA GRANDE MATCH. ELE FAZ ÓTIMAS PROMOS INTERPRETA BEM, QUANDO ERA HEEL SABIA FAZER A GENTE ODIÁ-LO PELO PERSONAGEM Q TINHA, ELE ENTREGAVA AQUILO MAS SABIA FAZER A GENTE AMA-LO PELO TALENTO, COMPETÊNCIA E ENTREGA DENTRO DO RINGUE. SEJA EM COMBATE OU EM PROMOS E SEGUIMENTOS. PRA MIM HJ ELE É O MELHOR WRESTLER DO MUNDO. E AGORA FALANDO DO ARTIGO EM SI, MINHA OPINIÃO É A SEGUINTE, ELE PODE E TEM Q SER O CARA DA EMPRESA, COMO SETH ROLLINS ELE É IMPECÁVEL. MAS ELE COMO COLBY DANIEL LOPEZ TEM ESTRAGADO ISSO. ENTÃO DAS PORTAS DA EMPRESA PRA DENTRO ELE É QUEM TEM Q SER E É IMPECÁVEL EM SEU TRABALHO, MAS DA EMPRESA PRA FORA ELE ESTA PÉSSIMO E DEIXANDO A DESEJAR.

Comentar