Há cerca de três anos, depois de ter conquistado uma medalha de ouro nos Jogos Olímpicos, Gable Steveson assinou contrato de desenvolvimento com a WWE.

No entanto, o lutador olímpico não alcançou na WWE o mesmo sucesso que obteve fora desta, e acabou por ser despedido na semana passada.

Na mais recente edição do Wrestling Observer Radio, Dave Meltzer revelou a razão para a WWE ter decidido despedir Gable Steveson.

O jornalista afirmou que o salário do campeão olímpico era bastante elevado, e ele não era bom o suficiente para justificar esse valor, e por isso a WWE decidiu terminar o seu contrato.

O único combate de Gable Steveson aconteceu no NXT Great American Bash do ano passado, contra Baron Corbin, um combate que não foi bem recebido pelos fãs.


Esperavas que fosse esta a razão do despedimento de Gable Steveson?

9 Comentários

  1. Não faz falta! Sem carisma! E ainda por cima jogando dinheiro pelo ralo que poderia resultar numa contratação de muito mais valor! E o Edge que poderia ter feito muito mais se foi… Porque não queriam pagar-lhe o que valia; esse gajo ficou na companhia 3 anos sem acrescentar em nada.

    • The Last Outlaw1 mês

      Concordo plenamente com você.

    • Eo Caso1 mês

      Aposto que o “pouco” que o Edge recebia era no mínimo dezenas de vezes mais do que o “muito” que esse cara aí recebia.

    • Eo Caso1 mês

      é relativo

    • Concordo e assino por baixo. Nem sempre um wrestler de calibre olímpico dá um bom pro wrestler, ou todos os fãs de wrestling saberiam quem é o Matt Ghaffari, por exemplo. O Kurt Angle era um workhorse, e o mesmo pode ser dito sobre o Gable, os dois exemplos positivos. Boa viagem, e talvez ainda vá a tempo de uma carreira na UFC.

  2. El Cuebro1 mês

    Demoraram para perceber isso hein, foi um grande erro terem investido nele, não apenas por dinheiro, mas também pelo tempo e ações gastos para tentar promovê-lo, mas ele nunca evoluiu, ele é um atleta de olympic wrestling e não do pro-wrestling, a “fórmula Kurt Angle” não acontece sempre e o Gable não é um exemplo disso, que ele tenha sucesso como decidir continuar, quem sabe sendo novamente campeão olímpico e mundial!

  3. Esperava e acho que fizeram bem em despedi-lo. Que tenha sucesso naquilo que realmente sabe fazer.

  4. Fizeram o melhor!