Reality Check #16 – The Road to WrestleMania Begins

Boas pessoal, o meu nome é Luís Correia e sejam bem-vindos a mais uma edição do Reality Check aqui no Wrestling.PT.

Nesta edição decidi de falar sobre a Wrestlemania 34, visto que já tivemos o último PPV de 2017 e o próximo será o Royal Rumble, onde o caminho para o maior PPV do ano se irá iniciar e todos os planos começarão a ser realmente definidos.

E sem mais hesitações começo precisamente por falar do combate que foi anunciado na passada edição do Raw em que Stephanie McMahon revelou que pela primeira vez na história iremos ter um Royal Rumble Match feminino. Ainda não foi confirmado o número de participantes mas o que sabemos é que a vencedora irá ter uma oportunidade pelo Women’s Championship da brand em que se encontra na Wrestlemania. Este combate é sem dúvida uma oportunidade para vermos várias atletas do NXT a aparecerem no Main Roster e a ganharem alguma experiência no que toca a combates com um maior cargo de importância como este vai ser, além de ser outra forma de todas as lutadoras do Raw e do SmackDown poderem participar no PPV.

Acredito plenamente que iremos ter a presença de algumas estrelas do NXT entre elas a Iconic Duo que são duas das atletas que mais aprecio na brand de desenvolvimento na WWE e consigo vê-las a subir ao Main Roster em 2018 e nada melhor que o Royal Rumble para fazerem a sua estreia. Para além disso também se fala do regresso de antigas lutadoras como Beth Phoenix, Trish Stratus e Torrie Wilson de forma a animar mais o combate e podermos ver um pouco mais de diversidade, nada melhor que velhas conhecidas para aumentar ainda mais o interesse pelo combate que será histórico visto ser a primeira vez que vai acontecer.

No que toca à vencedora do Royal Rumble Match ainda não me debrucei muito sobre o assunto mas acredito que são muitas as hipóteses e praticamente qualquer uma das participantes pode sair vencedora pois nunca sabemos o que nos espera por parte dos criativos da WWE no que toca à divisão feminina. Pessoalmente gostaria de ver Asuka a sair vencedora para poder enfrentar a Raw Women’s Champion em Abril do próximo ano e conquistar o título na sua primeira Wrestlemania, o que a iria estabelece-la ainda mais como a mulher mais dominante no Main Roster atualmente e como uma das melhores atletas femininas que já passou pela empresa.

Falando agora dos títulos do Mid Card tenho de começar por falar sobre o United States Championship visto que foi o único título que mudou de mãos no Clash of Champions e dessa forma pode ser aquele em que teremos mais incertezas no que toca ao seu futuro visto o que aconteceu na passada edição do SmackDown. Como vimos Dolph Ziggler abandonou o título em pleno ringue e deixou em aberto qual será o seu futuro na WWE e o futuro do título, mas acredito que tudo fará parte da storyline e na próxima semana veremos Ziggler de volta com o cinturão aos ombros e a então restabelecer a sua rivalidade com Baron Corbin de forma a este ter a sua merecida desforra pelo título.

Apesar disso não creio que até à Wrestlemania iremos ter Dolph Ziggler com o título e gostaria então de ver um combate entre Baron Corbin e Bobby Roode de forma a este último conseguir conquistar o seu primeiro título no Main Roster e ter o seu Wrestlemania Moment. Visto que o “Lone Wolf” já teve o seu grande momento quando venceu o André The Giant Memorial Battle Royal em 2016, parece-me correto dar então a oportunidade a Roode de poder sair vitorioso no maior PPV do ano e conquistar o United States Championship pela primeira vez na sua célebre carreira como wrestler.

Já o Intercontinental Championship tenho praticamente a certeza que até à Wrestlemania Roman Reigns irá perder o título visto que como todos sabemos irá enfrentar Brock Lesnar pelo Universal Championship no Main Event da noite. Parece-me que o nome mais credível neste momento para tirar o título ao “The Big Dog” seria Samoa Joe visto que este já demonstrou diversas vezes as suas intenções no que toca ao Intercontinental Title e já me parece estar na hora de conseguir conquistar o seu primeiro título no Main Roster de modo a mostrar a sua qualidade e prevalência em relação a muitos outros que se encontram no Roster do Raw.

Mas não me importaria de ver o regresso de The Miz num futuro próximo de modo a ter a sua desforra pelo título e a conquista-lo de forma a que some cada vez mais reinados como Intercontinental Champion e quebrar o recorde de Chris Jericho e torna-se o lutador com o maior número de reinados na história do título. Se não for o “A-Lister”, acredito que nomes como Finn Bálor, Matt Hardy ou Bray Wyatt possam a ter uma chance pelo cinturão nos próximos meses para entrarem no maior evento do ano como campeões, se bem que acredito que a rivalidade entre Hardy e Wyatt é para durar dado o trabalho árduo que ambos estão a dedicar a esta feud.

Virando-me agora para a divisão de Tag Team que como já falei em artigos anteriores encontra-se bastante bem tanto no Raw como no SmackDown e se todo o potencial desta divisão for aproveitado devidamente nos próximos meses poderemos ver grandes coisas a acontecer na Wrestlemania. Atualmente temos Sheamus e Cesaro como Raw Tag Team Champions e não ficaria surpreendido se estes se mantivessem assim até ao maior PPV do ano de forma a defenderem os títulos contra os Revival, Heath Slater & Rhyno ou os The Club ou mesmo, quem sabe, as três equipas ao mesmo tempo. Tudo menos contra Seth Rollins & Dean Ambrose, apesar dos excelentes combates que estes conseguiram contra os The Bar nos últimos meses, chegou a hora de dar oportunidade às outras equipas que se encontram na brand vermelha de combaterem pelos títulos.

No que toca aos SmackDown Tag Team Titles que se encontram atualmente com os Usos não me surpreenderia se até à Wrestlemania visse-mos uma mudança de título, se calhar até mesmo no Royal Rumble ou já nas próximas edições do SmackDown. A equipa que atualmente se encontra numa melhor posição para conquistar os títulos nos próximos tempos são sem dúvida alguma Shelton Benjamin & Chad Gable que têm demonstrado conseguir trabalhar bem como equipa e parece-me que um reinado como campeões lhes iria fazer bastante bem, se bem que gostaria muito de ver Aiden English & Rusev com os cinturões num futuro próximo dada a sua popularidade e notória qualidade como equipa.

Sem dúvida alguma que um dos combates que mais aguardamos ansiosamente para ver na próxima edição da Wrestlemania é entre AJ Styles e Shinsuke Nakamura, aqueles que são provavelmente os dois maiores talentos no SmackDown atualmente. O facto de Styles ter conseguido conquistar recentemente o WWE Championship veio a aumentar ainda mais as probabilidades deste combate poder acontecer em Abril do próximo ano e se tal se suceder apenas teremos de agradecer à WWE e a Vince McMahon por isso pois nada melhor que ver duas das maiores estrelas da empresa a combater pelo título máximo da WWE no maior palco de todos.

A meu ver até à Wrestlemania AJ Styles irá continuar como WWE Champion sendo que a minha maior dúvida para já é com quem este irá rivalizar até lá visto que não temos a menor ideia de qual será o seu adversário no Royal Rumble mas parece-me que nas próximas semanas iremos ficar desde já a saber. Gostaria de ver Kevin Owens e Sami Zayn a terem uma oportunidade pelo título de forma a recompensa-los pelo trabalho que têm feito nos últimos meses em toda a storyline que os envolve com Shane McMahon, não ficaria surpreendido que Daniel Bryan anunciasse que como prémio pelo que têm demonstrado nas últimas semanas lhes desse uma oportunidade pelo WWE Title no próximo dia 28 de Janeiro. Pois isto de outra forma também irritaria Shane McMahon de modo a que então a sua feud com Daniel Bryan se intensifique para vermos um confronto entre ambos na Wrestlemania, o que todos nós adoraríamos que se sucedesse.

Não consigo ver sinceramente outros nomes para combater pelo WWE Champion num futuro próximo sem ser os dois que referi. Penso que um combate com Randy Orton não seria interessante dada a qualidade do último reinado do “The Viper” como campeão e porque se encontra face atualmente, tal como a forma como este conquistou o título e o perdeu rapidamente para Jinder Mahal em Maio e também não vejo o atleta indiano a ter outra desforra pelo título, se bem que não ficava surpreendido visto que Orton teve duas oportunidades de reconquistar o título num espaço de mês e meio. Nomes como Baron Corbin e Bobby Roode ainda não se encontram prontos para terem um combate desta dimensão num PPV como o Royal Rumble.

E chegamos então ao combate que temos praticamente 100% de certeza que se irá suceder dada a intensidade dos rumores à volta dele nos últimos meses e conhecendo as ideias de Vince McMahon e o que este perspectiva para o futuro da WWE. Sinceramente não me importo que assim o seja visto que não gosto de Brock Lesnar como campeão devido ao facto de ter um contrato de part-timer e isso não ser nada benéfico quando se tem o supostamente título mais importante do Raw como é o Universal Championship, mas há quem goste e não podemos fazer nada quanto a isso.

Se este combate acontecer mesmo então que vejamos Roman Reigns a conquistar o Universal Title pois mais tarde ou mais cedo este seria um cenário que iríamos ver dada a intensa aposta que Vince tem no “The Big Dog” em se tornar a cara principal da empresa para os próximos anos. Caso vejamos tal vitória a acontecer por parte de Roman gostaria bastante de ver uma nova rivalidade com Braun Strowman mas desta feita para que o “The Monster Among Men” consiga finalmente conquistar um título na WWE como já mostrou diversas vezes merecer e quem sabe partir para um reinado de grande qualidade de forma a recompensa-lo pelo excelente trabalho que tem feito neste ano de 2017.

É excusado dizer que até à Wrestlemania 34 não veremos Brock Lesnar a perder o Universal Championship e que no Royal Rumble a inserção de Kane no combate apenas serve para este poder sofrer o pinfall de forma a que Braun Strowman não pareça fraco e perca a credibilidade que necessita para num futuro próximo volte a ter um combate pelo título mais importante do Raw. Apesar da previsibilidade do vencedor gostaria de ver uma Triple Threat de grande qualidade e que os 3 atletas mostrem o porquê de estarem a lutar por um título tão importante num dos eventos mais importantes do ano e que não estão apenas lá para cumprir calendário.

E tu,

  • Que combates gostarias mais de ver a acontecer na Wrestlemania 34?
  • Acreditas que até ao maior PPV do ano irão acontecer várias mudanças de títulos?
  • Quem achas que irá sair vencedor do Royal Rumble Match Masculino?
  • Quais são as tuas expectativas em relação ao Royal Rumble Match Feminino?

Até para a semana. Fiquem bem e um Feliz Natal!

2 Comentários

  1. vince russo2 anos

    nakamura uma das maiores estrelas da companhia? ele nem uma promo sabe fazer

  2. Rodrigo2 anos

    AJ Styles vs Shinsuke Nakamura – WWE Championship
    Brock Lesnar vs Roman Reigns – Universal Championship
    Acho que estes combates se vão realizar, com Nakamura a vencer o Rumble match e o Roman a vencer um Elimination Chamber match de n#1 contender ao título, visto que o Brock não deverá aparecer no PPV

    Outros combates
    Samoa Joe (c) vs Finn Balor – IC Championship
    Ladder Match pelo Cruiserweight Championship, Itami a entrar como campeão?
    Seth Rollins vs Dean Ambrose, caso o Ambrose regresse a tempo
    Asuka vs Ronda Rousey, se a Ronda se estrear a tempo do Rumble match então gostava que ela e a Asuka se eliminassem uma à outra e assim termos uma “surpresa” como vencedora, pois estas são as duas favoritas

    Falando em Women’s Rumble, com Asuka e Ronda eliminadas, não sei quem venceria, não vejo ninguém no Raw que acho que venceria, todas tiveram a sua oportunidade individual frente à Alexa, tirando a Nia, a Dana Brooke e a Alicia Fox, mas estas duas não têm credibilidade para vencer um combate tão importante e a Nia está na storyline com o Enzo por isso também não deve vencer. Ninguém da Absolution deve vencer também. No SmackDown só vejo a Naomi e a Becky como possíveis vencedoras e pessoalmente escolheria a Becky.

    Assim,
    Charlotte vs Becky – SD Women’s Championship
    Raw Women’s Championship tenho muitas dúvidas, mas provavelmente iria envolver duas destas: Alexa, Sasha, Bayley, Mickie, Paige e Nia (?) ou então todas elas.

    8 combates aqui, com a Andre the Giant Memorial Battle Royal faz 9, faltando combates por títulos (US e Tag Teams) e nomes muito importantes (Roode, Corbin, Owens, Zayn, Ziggler, Mahal, Usos, New Day, Gable & Benjamin, Rusev & English, até os Bludgeon Brothers que vão ver o seu estatuto aumentado nas próximas semanas, todos estes só do SmackDown; Wyatt, Matt Hardy e Jeff caso regresse a tempo, The Bar, Revival, Gallows & Anderson, Kane, Jordan)

    Daniel Bryan vs Shane McMahon, caso o Bryan seja autorizado a combater, caso não então sinceramente não sei onde esta rivalidade vai levar
    John Cena vs Undertaker, desenvolvida provavelmente na Raw de 25° aniversário onde ambos vão estar presentes
    Braun Strowman vs HHH, o ego do Triple H não o vai deixar de fora do evento

    Curioso para ver como a WWE vai colocar todos os nomes que eu referi no card (nomes que para eles são importantes e não simplesmente para colocar na battle royal, tirando as tag teams, como até vimos na WM33 os Usos como campeões na battle royal, e outros mal utilizados como Ziggler)

Comentar