Charlotte Flair e Randy Orton são indiscutivelmente duas das maiores Superstars da atualidade da WWE e futuros Hall of Famers, pois têm ambos carreiras fantásticas e vários títulos conquistados na empresa.

Em conversa no podcast Two Man Power Trip, Ric Flair partilhou a sua opinião sobre como a WWE olha atualmente para o seu talento e afirmou que esta está a impedir o crescimento da “Queen” e do “The Viper”, para estes não saírem da mesma.

Podes dizer a uma milha de distância se os jovens sentem ou não [o que dizem]. É muita pressão para ler algo que não sentem naturalmente no seu coração. Essa é uma grande diferença.

Poderias dizer que lutadores realmente subiram, porque estão pegaram no que lhes foi entregue para memorizar e colocaram alguma emoção nisso.

Mas isso é apenas falar genericamente hoje. Isso não vende bilhetes. Quando o The Rock voltar e lutar com o Roman [Reigns], isso vai vender bilhetes. Quando o Steve Austin voltou, isso vendeu bilhetes. É apenas um tempo diferente.

O talento é ótimo, não te enganes, há alguns grandes lutadores, [Randy] Orton, a minha filha, Sasha Banks, AJ Styles, como se houvesse uma lista de grandes, provavelmente 10 entre as duas empresas. Mas os eventos vendem-se agora tanto quanto os lutadores.

Eu não acho que eles os soltam o suficiente. Eu sei que eles querem ter a certeza de obter os anúncios certos. Todos têm que ser felizes.

É um mundo totalmente diferente, mas eu ainda amo isso. Eu apenas sinto que os lutadores que são realmente ótimos como o Randy e a minha filha são retidos, porque eles [WWE] não querem que eles cheguem tão longe.

Eles não querem que ninguém se torne The Rock novamente, que saia. Eles não querem alguém como Steve Austin, que poderia dizer: “Eu não quero fazer isto”. Antigamente, Hulk [Hogan] podia dizer sim ou não. Ele tinha esse tipo de poder.

Eu não sei se isso é saudável, mas o Vince [McMahon] não vai deixar isso acontecer novamente.


Concordas com esta opinião de Ric Flair sobre a aposta da WWE em Charlotte Flair e Randy Orton?

8 Comentários

  1. El Cuebro2 semanas

    Ele até tem razão se for ver, isso faz parte das liberdades que a WWE poderia dar um pouco mais aos seus membros dos rosters, liberdade criativa, liberdade de descanso, etc!

  2. Acho que o Ric Flair colocou alguns dos meus pensamentos de uma maneira muito explicita, da maneira que a WWE da book as suas superstars, estamos a uma longa distancia de vermos uma estrela nascer de novo. E eles proprios nao querem isso, como se viu com o caso do Punk, do Bryan, e various outros wrestlers que se tornaram over com os fas que a WWE puxou para tras

  3. Oh Ric vai mas é para a AEW ajudar o Andrade que o homem está a precisar muito de ti.

  4. PedrKo1 semana

    A WWE não quer criar estrelas, a WWE quer ser a estrela, ninguém pode ser um nome maior que a própria companhia.

    Mesmo quando lutadores conseguem ficar over sozinhos a WWE faz de tudo para os boicotar, Rusev, Damien Sandow, Zack Ryder… lutadores que conseguiram criar uma grande ligação com o público e foram propositadamente enterrados.

    • Facebook Profile photo
      Mirandelas1 semana

      Algum dia alguém como rusev ryder ou sandow se tornariam maiores que a empresa?

  5. Realmente os que estão a mais tempo tinham que ter mais liberdade criativa!

  6. Controlo de danos. A empresa quer ser o único comandante do barco, e teme que alguém pegue no leme e conduza à sua vontade, como nos tempos de outrora (Hulk Hogan, Rock, Austin, Taker, Shawn Michaels, Kane, etc). A verdade a ser dita, numa empresa se sente confortável em ter o empregado a dar ordens e exigências ao patrão, muito menos na WWE onde estão sempre milhões e milhões de dólares em jogo. Eles querem muitos John Cenas para darem o litro, vender bilhetes, e lamberem as botas.

  7. Rodrigo Nascimento1 semana

    OK Ric como se o Orton ou até mesmo a Charlotte precisassem de provar mais. Heck o Orton é um dos melhores da atualidade e sempre foi alguém que esteve no destaque logo desde o início da carreira, ele não precisa de provar a ninguém o que vale