ROH Supercard of Honor (05/04/2024)

– Premiere Athletes (Ari Daivari, Josh Woods & Tony Nese) venceram Adam Priest, Rhett Titus & Tony Deppen (Zero Hour)

– The Beast Mortos (Black Taurus) venceu Blake Christian (Zero Hour)

Depois do combate, Komander e Alex Abrahantes apareceram na rampa e o mascarado saudou The Beast Mortos.

Caprice Coleman entrevistou Kyle Fletcher antes do seu combate contra Lee Johnson pelo ROH World Television Championship. O campeão gabou-se de estar invicto na ROH e prometeu manter o título esta noite.

– Cole Karter & Griff Garrison venceram Spanish Announce Project (Angelico & Serpentico) (Zero Hour)

No final, Griff Garrison tirou a máscara a Serpentico, o que permitiu a Cole Karter fazer um roll-up para a vitória.

– Mariah May venceu Momo Kohgo (Zero Hour)

– ROH World Television Champion Kyle Fletcher venceu Lee Johnson

– Empress Nexus Venus (Maika & Mina Shirakawa) & Mei Seira venceram Queen’s Quest (AZM & Saya Kamitani) & Tam Nakano

Mariah May apareceu após o combate e abraçou Mina Shirakawa. Ela ainda abriu uma garrafa de champanhe e brindou com as três lutadoras vencedoras.

– ROH World Tag Team Champions Undisputed Kingdom (Matt Taven & Mike Bennett) venceram The Infantry (Carlie Bravo & Shawn Dean)

Durante o combate, Wardlow aplicou uma Powerbomb em Shawn Dean enquanto o árbitro estava no chão. Mike Bennett aproveitou para arrecadar a vitória.

– Billie Starkz venceu Queen Aminata (por decisão do árbitro) (Final do ROH Women’s World Television Championship Tournament)

Billie Starkz enganou toda a gente ao fingir uma lesão, para apanhar Queen Aminata num Rear Naked Choke, e tornar-se a primeira ROH Women’s World Television Champion.

Action Andretti e os Top Flight (Darius & Dante Martin) foram entrevistados nos bastidores antes dos últimos enfrentarem os FTR (Dax Harwood & Cash Wheeler) no Collision deste sábado, e prometeram vencer o combate.

Os Bullet Club Gold (Jay White, Austin & Colten Gunn) vieram ao ringue e lançaram um open challenge pelos ROH Six-Man Tag Team Championships, que foi respondido por Alex Zayne, Lance Archer e Minoru Suzuki.

– ROH World Six-Man Tag Team Champions Bullet Club Gold (Jay White, Austin & Colten Gunn) venceram Monstersauce (Alex Zayne & Lance Archer) & Minoru Suzuki

Depois do combate, Jay White se autodenominou o melhor equipa de três lutadores do Wrestling, mas foram interrompidos pelos The Acclaimed (Billy Gunn, Max Caster e Anthony Bowens). As duas equipas envolveram-se numa brawl, antes do “Switchblade” aplicar o Blade Runner em Anthony Bowens.

Nos bastidores, o ROH World Television Champion Kyle Fletcher deixou uma mensagem a Lee Johnson. Já este, respondeu pouco depois.

– Dalton Castle venceu Johnny TV (Fight Without Honor Match)

Paul Walter Hauser apareceu mascarado de The Boys para ajudar Dalton Castle. Este acabou por garantir a vitória após aplicar o Bat-A-Rang em Johnny TV.

– ROH Women’s World Champion Athena venceu Hikaru Shida

– Mark Briscoe venceu ROH World Champion Eddie Kingston

Depois do combate, vários amigos e familiares de Mark Briscoe subiram ao ringue para festejar a grande conquista.


O que achaste deste ROH Supercard of Honor?

6 Comentários

  1. Mark Smith4 meses

    Essa compra da ROH pelo TK foi uma grande furada.

    Ninguém liga pra isso. Repercussão zero. E o card desse PPV foi péssimo.

    • tosse4 meses

      sim, uma das razões porque desprezamos aew…fazer isto ao roh
      que nojo

    • Graças a isso ele teve direito ao selo “ALL IN”, que bela furada não?

      Mas sendo justo, entendi o que quis dizer. E concordo até, isso aqui podia estar na programação e ser meio que um NXT, porém é muito pro Tony fazer e claramente não tem conseguido lidar.

  2. 13 cm4 meses

    As mulheres estão carregando a ROH nas costas. Grande noite para o Wrestling femino.

    Athena vs Shida lutão, Athena continua seu reinado lendário

    Billie e Aminata entregaram demais, as duas tem um futuro enorme pela frente

    A luta da Stardom foi bem divertida, e quanto mais gente conhecer a Stardom melhor, e foi muito legal, ver a Mariah e a Mina juntas de novo.

    Kyle vs Lee – bom combate, Kyle é outro que tem um futuro enorme

    Eddie vs Mark – foi muito emocionante, desde as entradas, eles souberam muito bem com conduzir a luta, e se a pessoa não se emocianar com o final, esta morta por dentro, essa sim é uma história que eu torci para ser finalizada.

    As lutas de Tag e de Trios, achei bem fracas, e ainda sofrem pelo fato dos campeões mau aparecerem na ROH, e não ter nenhuma história para ajudar a segurar essas lutas.

    No geral o saldo foi bem positivo, a pessoa tem que ter uma vida bem infeliz para estar mais preocupada em fazer Hate, do que aproveitar o evento.

    • Tosse4 meses

      Para quem já acompanha e gosta de roh,custa muito ver a marca a ser assim tratada de forma tao desprezível

  3. El Cuebro4 meses

    Muita coisa já foi dita aqui e concordo, por mais que até vejamos bons combates em nível, a ROH hoje em dia é um poço de aleatoriedade, nada mais é do uma versão um pouco melhor do que os anteriores Darks da AEW, não há boas e profundas storylines ou personagens relativamente consolidados, há lutadores e lutadoras de muito talento, mas não há um significado ou um bom caminho definido, espero que ainda tenha salvação, porque o legado da empresa é muito diferente do presente da empresa, eu diria que os grandes destaques do Supercard foram as últimas 3 lutas, Hikaru e Athena fizeram algo muito bom, resultado merecido, mas confesso que queria ver a Shida campeã, grande vitória do Dalton frente ao Johnny, para mim a grande surpresa da noite e gostei muito do main event, talvez dê para destacar a vitória da Billie também, a luta dos Premiere Athletes e da Mariah também!