Sami Zayn está numa das melhores fases da sua carreira, sendo que o seu trabalho como “Great Liberator” está a dar-lhe um grande destaque no SmackDown, estando agora em rivalidade com Kevin Owens.

Em entrevista ao podcast de Renee Young, o Oral Sessions, Sami Zayn revelou que tem alguma liberdade criativa com a sua personagem.

Eu tenho alguma liberdade criativa. Eu ouvi a entrevista do Jon [Moxley] depois dele ter saído e eu percebo-o.

A frustração existe nos lutadores. Qualquer pessoa que seja minimamente criativa e quanto mais alto subir no mundo do show business, menos controlo criativo vai ter, mas também mais dinheiro vai ganhar.

Eu tenho bastante sorte, porque a maior parte das minhas ideias são usadas. Em especial nos últimos dois anos é incrível o número de ideias que tive que foram usadas.

Sami Zayn também revelou nesta entrevista que o segmento que fez com que Vince McMahon lhe desse mais hipóteses de falar ao microfone foi um combate entre Kevin Owens e Seth Rollins, em que ele foi o árbitro.

Nunca se sabe qual o segmento que vai abrir os olhos dos responsáveis da empresa. Eu penso que já estava a fazer um bom trabalho tanto no ringue como ao microfone, mas um dia fui árbitro num combate entre Kevin Owens e Seth Rollins e estava lá só a fazer o que faço sempre, e quando cheguei aos bastidores Vince McMahon estava a dizer que eu tinha o dom das palavras, quando em nem sequer tinha feito uma promo. Eles viram-me de outra forma e penso que foi aí que tiveram a ideia de me colocar como manager de Shinsuke Nakamura.


Consegues acreditar que a WWE dá liberdade criativa a Sami Zayn? Qual a tua opinião sobre a personagem do “Great Liberator”?

9 Comentários

  1. Vejo com alguma surpresa o que diz, claro que isso é bom e se mais tivessem a mesma sorte, muitos até melhorariam o seu rendimento, veja se com o Roman

  2. Pedro3 semanas

    Relegaram o Sami Zayn ao papel de manager do Shinsuke, pq nem sequer o consideram bom o suficiente para o midcard.

  3. El Cuebro3 semanas

    Interessante saber disso, seria bom que a liberdade criativa fosse mais comum na WWE, é algo que faria muito bem ao seu roster, mas acho que não é tão pra já que isso irá acontecer!

  4. Ao início achava má,mas com o tempo fui apreciando cada vez o trabalho do Sami como heel.
    Um puro entertainer.

  5. Está na melhor fase da carreira, a WWE faz muito bem em usar as ideias dele.

  6. Anónimo3 semanas

    Isso é bom, e ele tem feito um bom trabalho.

  7. Feliz por ele até porque está a fazer um excelente trabalho e percebe disso!