Frank casino

Durante a sua entrevista a Corey Graves no podcast do comentador da WWE, o After The Bell, Seth Rollins falou de um dos temas do momento, o documentário sobre Undertaker que está a ser transmitido na WWE Network, “Undertaker: The Last Ride” (subscrever aqui).

O “Monday Night Messiah” afirmou que, na sua opinião, a personagem de Undertaker nos dias de hoje dificilmente funcionaria, isto se fosse introduzida só agora.

Sobre o documentário, tenho de admirar o timing da escolha do Undertaker. É que este documentário veio na altura certa da sua carreira.

Se eu com 12 anos visse este documentário, tinha arruinado a personagem do Undertaker para mim.

Mas nós não tivemos isso durante o auge da sua carreira, temos sim agora já perto do final, além de que até por causa do documentário acredito que uma personagem como a do Undertaker não funcionaria nos dias de hoje.

Este tipo de personagens mais sobrenaturais não funcionam em 2020, só Bray Wyatt consegue ter algum sucesso com este tipo de personagem nos dias que correm.


Concordas com as declarações de Seth Rollins sobre uma personagem como a de Undertaker não funcionar nos dias de hoje? E estás a gostar de ver o documentário “Undertaker: The Last Ride”?

32 Comentários

  1. Se o Bray Wyatt funciona porque outros não podem? Olhem o Aleister Black para mim funcionaria na perfeição

    • Hugo4 meses

      Bom….já disseste tudo,por isso já não digo nada. Não …..tenho de dizer …..só a personagem dele é que funciona os outros não,é por isso que a gimmick dele está tão bem cotada hoje em dia….💀

    • O Aleister Black é sobrenatural?

    • No NXT o Aleister era sobrenatural, já que o mesmo disse que a entrada dele surgir do inferno, mas no main roster ele é só satanista.

    • Bem o Wesley já respondeu por isso só digo que bem bookado para isso será um sucesso, já o disse para mim tem tudo para ser o próximo Undertaker

    • Facebook Profile photo

      E concordam que o Black conseguia retirar mais que o Bray nesse tipo de “poderes”?

    • Porque não Bruno, é uma questão de apostarem nele para isso e acredito que sim

  2. As vezes mais vale tar calado

  3. Miguell _Legend-14 meses

    Concordo com o Seth Rollins, hoje em dia qualquer personagem sobrenatural dificilmente funciona. Nem o próprio Bray Wyatt posso dizer que funciona como seria suposto funcionar, este nunca se consolidou no main event e quando ganhou o WWE championship foi apenas um campeão de transição e todos sabíamos o que ia acontecer na Wrestlemania 33 e este ano perdeu o título numa forma muito tosca desvalorizando a tua “outra face”. O Undertaker funcionou muito bem na época dele e é uma verdadeira lenda, mas temos de nos localizar temporalmente e enfrentar a realidade de que nem todas as personagens dos anos 80 e 90 iriam funcionar em pleno 2020. Mas podemos mesmo assim considerar a personagem deadman à frente do seu tempo, mas não ao ponto de funcionar tão bem nos dias de hoje como funcionou há 30 anos atrás.

    • Hugo4 meses

      Bom….Miguell eu gostava de saber que personagem você acha que funciona bem nos dias de hoje…..vá lá pensar 1 bocadinho e depois diga.

    • Miguell _Legend-14 meses

      Não preciso de pensar digo-te já, (até porque quem pensa demasiado é porque não está seguro do que diz). O próprio Seth Rollins resulta, a Becky resulta, Brock Lesnar resulta ( podem todos queixar se que ele luta pouco mas quando a música dele toca tudo se levanta das cadeiras com os pelos em pé). Lutadores mais antigos cujos as personagens iriam resultar seriam, Randy Orton, Triple H, Shaw Michaels , entre outros. Só alguns nomes cujos as suas personagens se adaptariam tanto há 20 anos como agora. Undertaker para resultar em pleno 2020 seria algo que iria exigir um trabalho bem mais difícil no sentido de booking e execução no entanto, não digo que fosse impossível mas era improvável, mudam-se os gostos, mudam-se as vontades.

    • Anónimo4 meses

      O senhor respondeu o Hugo de uma maneira excelente.

    • Facebook Profile photo
      Sasha sit on my face4 meses

      Bem respondido Miguel

  4. Discordo. O “The Fiend” é das melhores coisas dos últimos 4/5 anos na WWE. Tanto funciona que penso que o “The Fiend” era Top Seller em merchandise quando o acabou o ano de 2019. Algo que não ajuda em nada o “The Fiend” é ter combates Hell in a Cell a acabar em DQ e ser derrotado por part-timers 50+ com 2 moves e em 3 minutos

  5. JOAOPEDROOOOO4 meses

    Eu percebo o que disse o Rollins. Neste momento, a pessoa tem de ter um character mais natural e realista porque não é normal uma pessoa ter algo a ver com o sobrenatural e depois meter fotos no Instagram como uma pessoa normal.
    Para além disso, coisas dessas iam logo ser postas em causa hoje em dia porque a sociedade critica tudo o que se faz.

  6. Cm punk20004 meses

    Seth é um bom heel exatamente porque às vezes fala asneiras demais e sem sentido.

  7. Percebo o que Seth Rollins quis dizer em termos de realismo, mas acho que o argumento dele é discutível.
    Se é verdade que fica mais difícil manter o kayfabe com estas personagens over the top, também o é que há ainda bons exemplos hoje em dia de gímmicks que resultam por si só (“The Fiend”, desde logo).

    • PedrKo4 meses

      Não concordo Jorge.
      O Fiend por si só não resulta, tanto é que vemos mais vezes o Bray que o Fiend.
      Como é que decorre um combate do Fiend? Como no hell in a Cell? Assim ninguém lhe ganha, então luta o Bray para “poder” perder.
      Se virmos bem as coisas funciona como o Demon Balor.

    • PedrKo, concordo com o que insinuaste sobre o booking (apesar de se formos a ver, Bray Wyatt já derrotou The Miz no TLC do ano passado e a sua personagem sobrenatural perdeu contra Goldberg na Arábia Saudita) mas quando falei no “The Fiend” era no sentido de ser apresentado como algo “verdadeiro” aos olhos dos fãs (que acreditam realmente nele e ficam investidos). No entanto, para mim é um tema que dá “para os 2 lados da moeda”.

  8. L26MC4 meses

    O Taker jamais funcionária nos dias de hoje, se usasse redes sociais, eu quando era mais novo e nos inícios da adolescência deixava-me levar muito com a história de ele realmente ser morto vivo e mesmo quando ganhei noção da realidade, o Taker era um personagem que metia bastante respeito.
    O Wyatt só funciona porque têm dupla personalidade, e acaba por todas as semanas aparecer das duas formas para o público.

  9. PedrKo4 meses

    Tendo a concordar com o Rollins, numa personagem destas o kayfabe é fundamental, dar entrevistas todas as semanas e ir para as redes sociais postar fotos do dia a dia não resulta.
    Além de que em termos de booking ia ser uma carga de trabalhos.

  10. Acho que e mais complicado ter uma gimmick deste género mas não e de todo impossível.
    Basta ter um bom booking e não ser demasiado exposto(Ex:Fiend)
    O Kayfabe ja esta bastante fragilizado em relaçao a antigamente mas ainda é possivel funcionar

  11. Anónimo4 meses

    Entendo perfeitamente o ponto de vista do Seth Rollins e concordo com ele. Acho que nos dias de hoje, com tanto acesso a net e redes sociais, fica difícil manter o kayfabe, mas também não acho que seja impossível. Pode resultar com algumas personagem como com outras já não.

  12. Algoritmo4 meses

    Funcionas tu e todos aqueles que trabalham para a WWE

    Não é por acaso que este é o pior produto de sempre apresentado pela WWE!

    É porque funciona bem, sem dúvida

  13. Marcelo4 meses

    Seth Rollins do jeito que ele está não vai tão longe quando ele estava sozinho foi campeão mundial agora que ele faz merdas e quer falar do Undertaker

  14. Carlos4 meses

    Se ele não funcionária nós tempos de hoje então porque a WWE ainda ganha muito dinheiro com ele?? E renovou o contrato mais longo da história com ele..??
    Os superstars de hoje e que não chegam nem as pés do que tinham na Era da atitude..
    Audiências fracas, feuds mau trabalhadas, qualquer 1 ganha o título, Campeões que somem e só aparecem quando quer.
    Chega a ser patético algums superstar que seguram os títulos hoje em dia.
    E a minha mera opinião.