O último ano do NXT foi bastante diferente, com a WWE a mudar a política da brand e a virar-se quase a 100% para lutadores sem grande experiência e com grande parte do seu treino feito no Performance Center.

Em entrevista ao My San Antonio, o responsável pelo NXT, Shawn Michaels, abordou a política de contratações do NXT.

Ainda estamos a querer contratar lutadores com experiência e que já lutaram em empresas independentes, ou estiveram no Japão ou em outras empresas. Isto é algo que o NXT continuará a fazer no futuro. Nada está fora de questão. Queremos continuar a encontrar pessoas que sejam tão apaixonadas pelo produto da WWE como nós.

Muitas pessoas não são boas quando começam a fazer algo. Aprendem com o tempo e chegam lá. E é isso que estamos a fazer aqui. Já lidei com boa e má imprensa, com os altos e baixos, mas estes são jovens inexperientes que foram atirados para uma situação difícil e desafiante e fizeram um bom trabalho.

Estou extremamente orgulhoso deles e de todas as pessoas que trabalham comigo. O que conseguimos aqui no último ano é, na minha opinião, nada menos do que um milagre.


Pensas que esta é a política correcta de contratações do NXT?

2 Comentários

  1. El Cuebro2 meses

    É bom saber que a WWE irá mesclar lutadores indys com iniciantes no NXT novamente, eu gosto muito disso, são boas trocas de experiências para ambos os lados e deixam o o show melhor, ainda mais com as boas ideias dos caras que são o HBK e o Hunter!

  2. Natan2 meses

    Isso vai ser muito bom, aí assim os indies poderão ajudar mais no desenvolvimento com os atletas não expedientes em wrestling, os DX estão começando a fazer um ótimo trabalho