Frank casino

Tessa Blanchard saiu do Impact Wrestling durante o passado mês de Junho, enquanto era a Impact Wrestling World Champion. O contrato da lutadora com a empresa terminava a 30 de Junho, mas os responsáveis na empresa ainda tentaram que Tessa Blanchard trabalhasse até ao Slammiversary que aconteceu este sábado.

Depois de se saber que Tessa Blanchard se recusava a enviar promos suas para que pudessem ser transmitidas nos programas televisivos, conhecem-se agora mais detalhes sobre a saída de Tessa Blanchard do Impact Wrestling, mesmo sendo na altura a Impact Wrestling World Champion.

Segundo o criador de títulos Dan Beltzer, Tessa Blanchard exigiu que o Impact Wrestling lhe pagasse cerca de 150 mil dólares para ela devolver o Impact Wrestling World Championship. Como seria de esperar, este pedido foi recusado e então o Impact Wrestling mandou fazer novos títulos. Dan Beltzer teve acesso a essa informação, sobre este pedido de Tessa Blanchard à promotora.

Dan Beltzer também afirmou que o TNA World Championship que Moose usa é uma réplica do título original e foi comprado no Paquistão. Provavelmente uma medida para contenção de custos.

Estas afirmações de Dan Beltzer não podem ser 100% confirmadas, mas o criador de títulos tem uma excelente reputação no mundo do Wrestling, pelo que mesmo que o valor possa não estar totalmente correcto, é bem provável que Tessa Blanchard tenha exigido um valor avultado para devolver o título.


Com todas as controvérsias que Tessa Blanchard está ligada, pensas que algum dia a lutadora irá pisar os ringues da WWE?

18 Comentários

  1. Estas pessoas não merecem que ninguém confie nelas

  2. Hugo2 meses

    Bom…..
    Verdade seja dita isto não abona nada a favor dela,pelo contrário só vai dificultar a entrada dela noutra promotora.
    Mas por outro lado também é algo facil de ultrapassar,basta colocar uma cláusula de devolução de título obrigatória em caso de saida da promotora enquanto ainda campeã.
    Mas lá está é uma situação que lhe mancha o carácter.

    • Essa cláusula é boa. As grandes companhias dos EUA e não só, deveriam fazer isso.

    • Hugo2 meses

      Bom….
      O mais certo é se não o fazem têm aqui um exemplo para o começar a fazer.

    • simaop12 meses

      Pode ser que vá para a AEW com o pai por perto, pode ser que ande nos eixos…

  3. Nidoran♂2 meses

    Miúda mimada

  4. The modern day Shawn Michaels.

  5. Rocky Marciano2 meses

    Se for verdade, praticamente roubou o título, e isso com certeza pega mal pra ela, claro se os boatos da wwe querer contratar ela for verdade, não ficaria nada supreso, até porque estamos falando da wwe, agora empresas independentes ou grandes como stardom ou wxw eu duvido muito querer contratar ela.

  6. Ela é que devia pagar á Impact. Não vejo que faça muita diferença numa possível contratação de outra promotora.

  7. Má conduta por parte da Tessa,assim se percebe porque se teve de lhe retirar o título e despedi-la

  8. Enfim. Esta notícia só confirma a mentalidade e caráter da Tessa. Até quero ver se ela vai para a WWE ou AEW. Quando for e se for para uma das companhias, não me admirava nada se estivessem “sempre” a controlar o que ela faz e diz.

    • simaop12 meses

      Com o pai por perto na AEW seria fácil mr.brodie kkkkk

  9. João da Cena2 meses

    É mais do que óbvio que ela fez de tudo para ser despedida

  10. Fico surpreso deles terem dado o cinturão verdadeiro para ela e não um réplica, como a WWE faz.

    • Anónimo2 meses

      Confiaram demasiado nela, agora já devem ter aprendido bem a lição.

  11. Anónimo2 meses

    Ela ao ter esse tipo de atitudes não vai muito longe na carreira, não é nada profissional.