A TNA transmitiu esta quinta-feira mais uma edição do Impact na AXS TV, a partir do Osceola Heritage Park em Kissimmee, Florida, rumo ao No Surrender de 23 de Fevereiro.

Resultados

Frankie Kazarian venceu Jake Something
– TNA Knockout’s World Champion Jordynne Grace venceu Savannah Evans (Non-Title Match)
– TNA World Tag Team Champions ABC (Ace Austin & Chris Bey) [1] venceram Grizzled Young Vets (James Drake & Zack Gibson) [1] (Best Of 3 Series – Match 2)
– TNA Digital Media Champion Crazzy Steve venceu Rhino
– Dani Luna venceu Killer Kelly
– TNA World Champion Moose venceu KUSHIDA (Non-Title Match)

Report

Em destaque neste Impact tivemos dois Non-Title Matches, um TNA Digital Media Championship Match e ainda o segundo combate de uma Best Of 3 Series.

2 Comentários

  1. El Cuebro5 meses

    Um show com grandes combates e boa qualidade, essa segunda luta das duplas foi incrível e a terceira disputa valendo o título promete, o kickoff do show foi bom também com o Kazarian vencendo o Jake, Jordynne Grace mantendo a boa fase, Steve nessa rivalidade até interessante com o Rhino embora o título seja meio irrelevante, uma pena ver a Kelly perder, espero que ela ainda tenha boas chances no futuro, inclusive com a Masha e o main event do show foi bom demais, o Kushida entregou uma boa luta, mas o Moose está bem demais enquanto campeão, é realmente uma das caras da TNA atualmente!

  2. Começámos com Frankie Kazarian vs Jake Something que teve uma fórmula simples. Não foi exatamente grande coisa, mas cumpriu o seu trabalho. Jordynne Grace vs Savannah Evans foi um sprint, com a campeã a vencer depressa. Após o combate, a Gisele Shaw atacou as 2, o que confirma a sua separação da Savannah. Adiciona algum interesse, para ver como a Gisele se safa sozinha. ABC vs Grizzled Young Vets foi mais um excelente combate nesta Best of Three Series, com uma grande psicologia à volta do braço esquerdo do Ace Austin. O derradeiro combate no No Surrender tem todo o potencial para ser incrível, vamos ver como corre! Crazzy Steve vs Rhino foi bem meh. De seguida, temos uma promo com o AJ Francis e o Joe Hendry e eu estava absolutamente preparado para dar skip a isto porque a música do AJ Francis era má como tudo, mas depois o Joe Hendry fez um remix com a velha música do AJ Styles e eu fiquei feliz como tudo; aquela música é um banger incrível – “Get Ready to Fly” ainda é melhor que “Phenomenal”! O Joe Hendry salvou completamente isto, ótimo trabalho dele. Foi uma pena o combate entre a Dani Luna e a Killer Kelly ter durado escasso tempo porque podia ter sido bem sólido. O pós-combate deve servir para preparar uma triple threat pelos tag titles, ou pelo menos uma futura chance para Luna e Threat. KUSHIDA vs Moose foi um combate muito bem trabalho, com o japonês a focar o seu ataque no braço do Moose. No entanto, o campeão foi demasiado e conseguiu a vitória! Um ótimo final para um bom episódio de TNA.