Toni Storm saiu da WWE em Dezembro de 2021, tendo assinado pela AEW logo que a sua cláusula de não competição terminou.

Em entrevista ao Busted Open Radio, Toni Storm afirmou que sente que a WWE não é um sítio para si.

Fiquei dois anos e meio sem ir a casa. Isto depois de ter ido para Inglaterra, durante cerca de sete ou oito anos. Depois, tenha em conta a quantidade de negatividade que se ouve sobre a WWE e podem acrescentar isso. Não estou a dizer que tenho um problema com a WWE, de todo. Na verdade, estou muito grata pelo tempo em que lá estive. Aprendi bastante, mas o fim não foi bom.

Aconteceu uma coisa e eu fui-me embora. Senti que estava a ter uma experiência fora-do-corpo. Alguma vez perdeste o juízo? Foi mais ou menos isso que aconteceu. O stress de não ver a família há anos e tantas coisas avassaladoras a acontecerem ao mesmo tempo. Passei-me e fui para casa. Desde então tenho sido mais feliz.

Houve um momento em que percebi que não era para mim. Por muito que o tivesse romantizado em criança e pensado que era o meu sonho e que o tinha de realizar, apercebi-me que talvez aquilo não fosse o lugar para mim. Quem sou eu para ocupar o lugar de outra pessoa que realmente quer estar ali? Isso não é justo. Vou continuar a ser a lutadora. Tive muitos anos de carreira antes da WWE e adorei.

Quão mau pode ser voltar a fazer o que gosto? Não valia mesmo a pena ir mais longe. Eu não parti em más condições, apenas se tornou abundantemente claro que não era o lugar para mim. Amo e respeito todas as mulheres de lá, são espantosas, trabalhadoras, e inspiram-me. Mas ali não era o meu lugar.


Pensas que Toni Storm vai ter mais sucesso na AEW do que na WWE?

12 Comentários

  1. The Name3 meses

    A thumbnail não engana, não era mesmo para ela, coitada…
    Espero que na aew tenha melhor sorte e que esteja bem psicologicamente!

  2. Piripaca3 meses

    Devem ter sido as tartes q Charlotte mandou lhe estragou a sua subida ao main roster

    • Ricardo3 meses

      Ela antes de sair ia literalmente lutar contra a Charlotte pelo título.

    • Piripaca3 meses

      Eu per é o mas numa semana tá a lutar pelo título e o resto é o que se sabe, basta ver todas as lutadoras excepto as 4 horsemen e mais uma ou outra

  3. BigMando3 meses

    Com todo o respeito, mas ela deveria saber que trabalhar na WWE não permite passar muito tempo fora de casa já que andam de cidade em cidade e de show em show. E principalmente ela que é da Austrália que ainda é bastante longe dos EUA. Poderá ser que seja mais feliz na AEW mas a nível de competitividade, a AEW não tem tanta em relação à WWE.

    • Anónimo3 meses

      Concordo.

    • The Name3 meses

      É verdade, a wwe também demorou anos para ter uma divisão feminina boa e competitiva, a aew ainda está muito longe disso, já esteve pior e agora está um pouco melhor, mas ainda têm de melhorar muito.

  4. El Cuebro3 meses

    Realmente a WWE quase não tem pausas ou folgas, é muito difícil conciliar a vida fora de lá com a vida dentro da empresa, você sente a pressão uma hora e como a empresa está hoje em dia está mais difícil ainda, porque ninguém está salvo, um dia você está lá brilhando e no outro eles te demitem sem olhar, como foi para Bray, Braun, etc, espero que ela possa ir muito longe na AEW e claro que ela possa ter uma certa liberdade para curtir a família e amigos!

  5. ??3 meses

    É uma pena.

  6. Alexandre3 meses

    e tem um louco por aí que ainda volta pra um lugar desse…

  7. Facebook Profile photo

    Faz-me lembrar os suplentes das equipas… Vão para um clube mais fraco, aí sim já é possível não comer banco!
    Se é que me entendem

  8. Então se não é sítio, o melhor é sair como fez!