Apesar de todo o sucesso que a All Elite Wrestling tem tido, Tony Khan é alguém que dá poucas entrevistas e nunca tem problemas em falar a verdade, mesmo que isso implique fazer alguma crítica aos seus programas.

No podcast de Chris Jericho, Tony Khan revelou que o segmento que menos gostou na história da All Elite Wrestling envolveu o próprio “Demo God” e Matt Hardy.

Essa foi uma ideia tua. Esse foi o tipo de coisas que tentei fazer cada vez menos este ano. Esse é um bom exemplo.

Essa era uma ideia que sempre tive céptico em fazê-la, mas convenci-me a fazermos o segmento e não o deveria ter feito. Isto não é nada contra ti ou contra a ideia, mas a forma como foi executada e a forma como falámos da ideia, eu sentia que não ia funcionar.

Esse é um exemplo perfeito de algumas coisas que eu não fiz durante este ano. Nós cometemos vários erros, mas eu tentei cortar esses erros.

Este é um exemplo perfeito de algo que eu gostava que não tivesse sido feito, mas a culpa é minha. Se eu realmente acreditasse que não deveria ter sido feito, deveria tê-lo dito.

A tua ideia era boa, mas a forma como tivemos tão pouco tempo para a executar, não ficou bem. Foi complicado. Tínhamos pouco staff por causa da pandemia e estávamos a tentar fazer coisas engraçadas.

Eu penso que todos ficaram contentes por haver Wrestling e nós por norma não fazemos esse tipo de coisas nos nossos programas.

Para quem não se lembra, Tony Khan está a falar do segmento onde Matt Hardy se foi teletransportando por toda a arena enquanto fazia uma promo com Chris Jericho, sendo que foi logo num dos primeiros programas que a All Elite Wrestling fez sem público.

Já no prisma contrário, Tony Khan revelou que a história que mais gostou de escrever foi a que envolveu a estreia de Sting na All Elite Wrestling.


Pensas que Tony Khan, enquanto patrão da All Elite Wrestling, não deveria fazer estas críticas de forma tão aberta?

15 Comentários

  1. Victor WWE1 mês

    Se é pra falar o Tony fala logo ele não é um tio Vince 2.0, mas pensei que ele tinha gostado do segmento entre o Hardy e o Jericho como algumas pessoas gostaram.

  2. Ethan Parker1 mês

    Acho que esse segmento nem foi tão ruim, ele foi até bem executado pra uma empresa que estava a menos de um ano nos negócios e teve a má sorte de encarar uma pandemia. Acho que tiveram segmentos muito piores, como alguns desse arco patético que é o do Miro, Kip e os Best Friends/Orange Cassidy

    • Acho isso de “a empresa está a menos de um ano nos negócios” absolutamente nada a ver… Até porque a AEW contratou gente muito preparada para montar cada show e fazer qualquer tipo de coisa acontecer. Muitas dessas pessoas fizeram isso a anos atrás na própria WWE, então não veja motivo desse esteriótipo.

    • Just my opinion1 mês

      Eu gosto da storyline entre os Best Friends e Kip Sabian/Miro, é uma storyline simples de mid card para o show e o provável combate Orange Cassidy vs Miro no Revolution vai ser espetacular. Preferias que os wrestlers do roster da AEW estivessem fora da TV só porque a história não é sobre nenhum título?

    • Victor WWE1 mês

      Assim que acabar essa storyline eu queria que o Orange Cassidy fosse atrás do título do Brian Cage e quem sabe conquistar, ia ser muito foda.

    • Ethan Parker4 semanas

      Flavio Jr. Acho que me expressei mau, não me referi ao sentido de ser uma empresa menor que as outras, mas sim de estar a pouco tempo no mercado, e não ter tido tempo suficiente para se preparar pra um ocasião como essa, ninguém esperava que fosse necessário fechar tudo, eles tiveram que mudar planos, criar novas histórias e etc…, todas as empresas passaram por isso também, mas acho que diferente da AEW, essas outras já haviam se preparado e tinham planos B pra isso

  3. Hugo1 mês

    Bom…
    Acho que lhe fica muito bem esta sua frontalidade e critica ao seu próprio trabalho.
    Algo que contrasta com o outro tipo e a sua maneira de fazer as coisas.

  4. El Cuebro1 mês

    E afinal o Broken Matt Hardy nem rendeu nada na AEW e nem está mais na Elite hoje em dia!

  5. Rolf1 mês

    Nem desgostei, achei um Segmento original e engraçado.
    Na minha opinião o segmento do casamento é que foi realmente mau, mas são opiniões!

  6. Se está a vontade não vejo qual o mal.
    Se acha que o segmento em questão não correu bem só tem é de dizer

  7. The Phenomenal One1 mês

    Um grande líder sabe reconhecer seus erros e acertos e é isso que Tony Khan está fazendo, pelo que não acho que ele deveria parar de criticar alguns segmentos de seus programas, muito pelo contrário, o que é bom é para ser elogiado e o que é ruim é para ser criticado, e quanto ao segmento que ele falou, eu ainda não acompanhava a AEW, portanto não posso falar nada sobre isso.

  8. Ele está no seu direito de gostar ou não das coisas que faz!

  9. Não vi o podcast, mas deduzo que estavam a falar de forma aberta, por isso não vejo problema. Quanto ao segmento da estreia do Sting, foi realmente muito bom.

  10. Anónimo4 semanas

    O segmento não foi lá muito bom. Quanto a questão, não vejo mal em admitir que não gostou do segmento.

  11. Alexandre4 semanas

    enquanto ele não fizer segmentos de wrestlers atirando “bolas de fogo” na cara de outros está tudo bem, mwuhahahahaah.