A WWE transmitiu durante a tarde desta quarta-feira, através das suas redes sociais e WWE Network, a edição de 2020 dos Slammy Awards, que visam destacar o melhor que aconteceu este ano no Raw e SmackDown.

Esta foi uma cerimónia apresentada pelo WWE 24/7 Champion R-Truth que durou pouco mais de 1 hora. Além dele, estiveram também presentes alguns convidados, sobretudo para a entrega dos prémios, mas também outros para relembrar memórias de edições anteriores dos Slammy Awards.

Estes são então os vários vencedores dos WWE Slammy Awards 2020:

Melhor pin do WWE 24/7 Championship do Ano: Drew Gulak faz pin R-Truth vestido de empregado de limpeza (entregue durante o pre-show).

Superstar Masculina do Ano: Drew McIntyre (entregue por Shawn Michaels). Outros nomeados: Roman Reigns, Randy Orton, Braun Strowman e “The Fiend” Bray Wyatt.

Ring Gear do Ano: The New Day (entregue por Nicole “Snooki” Polizzi). Outros nomeados: Charlotte Flair, Sasha Banks, Seth Rollins, Bianca Belair, Shinsuke Nakamura e Carmella.

Regresso do Ano: Edge (entregue por Mick Foley). Outros nomeados: Roman Reigns, MVP, Goldberg e Sami Zayn.

Performance Musical do Ano: Elias (entregue por Method Man).

Rivalidade do Ano: Edge vs Randy Orton (entregue por Demi Burnett). Outros nomeados: Seth Rollins vs Família Mysterio, Drew McIntyre vs Randy Orton, Sasha Banks vs Bayley, R-Truth vs Mundo e Lana vs Mesas.

Superstar Feminina do Ano: Sasha Banks (entregue por Trish Stratus). Outras nomeadas: Asuka, Bayley, Becky Lynch e Charlotte Flair.

Breakout Star do Ano: The Street Profits (entregue por Derek Baker). Outros nomeados: Dominik Mysterio, Bianca Belair, Otis e Murphy.

Social Media Superstar do Ano: Bayley (entregue por Ryan Pappolla e Matt Camp).

Trash Talker Feminina do Ano: Lacey Evans (entregue por Ryan Pappolla e Matt Camp).

Trash Talker Masculina do Ano: Hurt Business (entregue por Ryan Pappolla e Matt Camp).

Documentário da WWE Network do Ano: The Last Ride (entregue por Kayla Braxton).

Aparição de Celebridade do Ano: Rob Gronkowski (entregue por Kayla Braxton).

Double Cross do Ano: Bayley ataca Sasha Banks (entregue por Ryan Pappolla e Matt Camp).

Árbitro do Ano: Charles Robinson (entregue por Ryan Pappolla e Matt Camp).

Momento do Ano: Despedida de Undertaker no Survivor Series (entregue por Ken Jeong). Outros nomeados: Drew McIntyre vence Brock Lesnar pelo WWE Championship na WrestleMania 36, Becky Lynch anuncia a sua gravidez no Raw de 11 de Maio, Edge regressa no Men’s Royal Rumble Match, Despedida dos New Day no SmackDown de 16 de Outubro, Roman Reigns e Paul Heyman unem-se no SmackDown de 28 de Agosto, Bayley trai Sasha Banks no SmackDown de 4 de Setembro, New Day são draftados para brands diferentes no Raw de 12 de Outubro.

Tag Team do Ano: The Street Profits (entregue por Clark Duke). Outros nomeados: Golden Role Models, Nia Jax & Shayna Baszler, The New Day e Shinsuke Nakamura & Cesaro.

Combate do Ano: Undertaker vs AJ Styles (Boneyard Match – WrestleMania 36) (entregue por Rico e Raini Rodriguez). Outros nomeados: The New Day vs The Hurt Business (Raw Tag Team Championship Match – Raw, 16 de Novembro), Edge vs Randy Orton (The Greatest Wrestling Match Ever – Backlash), Men’s Royal Rumble Match (Royal Rumble), AJ Styles vs Daniel Bryan (Intercontinental Championship Tournament Final – SmackDown, 12 de Junho), Roman Reigns vs Jey Uso (Universal Championship Hell in a Cell “I Quit” Match – Hell in a Cell), Sasha Banks vs Bayley (SmackDown Women’s Championship Hell in a Cell Match – Hell in a Cell), AJ Styles vs Sami Zayn vs Jeff Hardy (Intercontinental Championship Triple Threat Ladder Match – Clash of Champions), Drew McIntyre vs Roman Reigns (Survivor Series) e Becky Lynch vs Asuka (Royal Rumble).

Superstar do Ano: Drew McIntyre (entregue por Ric Flair). Outros nomeados: Roman Reigns, Randy Orton, Braun Strowman, “The Fiend” Bray Wyatt, Asuka, Sasha Banks, Bayley, Becky Lynch e Charlotte Flair.

Todas as reações das Superstars vencedoras podem ser vistas no seguinte vídeo:


O que achaste dos vencedores dos WWE Slammy Awards de 2020? Algum resultado que te tenha surpreendido?

21 Comentários

  1. CoffinMeme12 meses

    Tudo justissimo, so o combate do ano, achei melhor o combate do Orton com o Edge no Backlash mas o Boneyard Match tb foi mto bom.

  2. Sem ser os prémios entregues pela malta do The Bump, que não faço ideia do que sejam só não concordo com dois. A de luta do ano dava a Roman Reigns vs Jey Uso e lutadora do ano dava á Bayley. No entanto apesar de não estar nomeada dava a rivalidade do ano a Roman vs Jey também, mas deram á que considero 2° melhor.

  3. Anonimo12 meses

    Acho que a superstar feminina do ano devia ter sido a Bayley, de resto os outros foram justos e dentro do normal.

  4. Apenas mudava o da rivalidade do ano e breakout star, de resto, justo…

  5. Johnny Lutz12 meses

    Mulher do ano é discutível, acho que Bayley merecia mais mas ok.

  6. Não concordo com alguns vencedores, mas não foram mal entregues. Surpreendeu-me que o Roman Reigns vs Jey Uso não tenham sido nomeados para rivalidade do ano e até acho que deviam ter vencido, mas Edge vs Randy Orton também foi uma boa rivalidade. Acho que a Bayley devia ter sido a Superstar Feminina do Ano. O combate do ano, apesar ter gostado do Boneyard Match, na minha opinião acho que o Men’s Royal Rumble Match foi melhor, por tudo o que aconteceu naquele combate. De resto, concordo com tudo.

  7. Sousa12 meses

    Sasha mereceu sim,pelas lutas,lutou na três Brands e ganhou,além de ganhar os títulos do main roster e outra a bayley so foi relevante dps que o título de TAG pois seu reinado antes de se juntar com a sasha ficou melhor!

    • Mas é aí onde mora o detalhe: sem Bayley, o face-turn de Banks não teria funcionado. E a Bayley foi campeã praticamente o ano todo, e se foi campeã no RAW ou de duplas, deve a Bayley também.

  8. Rivalidade do ano eu teria dado para Wyatt vs Strowman (que é muito underrated) ou para Edge vs Orton.

    Superstar feminina é indiscutível que a Bayley merecia ter vencido o prêmio, apesar de 2020 ter sido o melhor ano da Sasha desde 2016.

    Combate do ano eu teria dado para Styles vs Hardy vs Zayn, Styles vs Bryan ou para Edge vs Orton, mas a homenagem é muito justa ao Undertaker, e foi o melhor combate cinematográfico mesmo.

    De resto é isso aí mesmo, nada a questionar.

  9. The Phenomenal One12 meses

    Achei a maioria dos prêmios justos, mas alguns eu trocaria como Tag Team do ano, que eu daria para as Golden Role Models, o combate do ano eu daria para AJ Styles x Daniel Bryan ou Edge x Randy Orton, e acho que só.

  10. Bea Ospreay12 meses

    Acho que era pra Bayley ter ganho, mas o numero de conquistas deve ter pesado, pois a Bayley foi SD e Tag Team Champion no ano, enquanto a Sasha Banks foi Raw, SD (vencendo a Bayley) sendo atual campeã, e o tag team tittle.

    • Bea Ospreay12 meses

      Mas em quesito de trabalho de personagem, promos e etc a Bayley foi bem melhor.

  11. Vanderleia12 meses

    Eu fiquei feliz que o drew mcintyre , Seth Rollins , Sasha banks , Becky Lynch , Edge , Undertaker …. 👏👏👏👏 A todos

  12. Facebook Profile photo

    Sasha mereceu sim, vou citar aqui só “algumas” coisas eles fez e conquistou esse ano:
    • Womens TAG Team
    • RAW Womens Champions
    • Double Champions
    • Se tornou a mulher com mais reinados do RAW
    • Primeira mulher a ganhar título de Tag e RAW ao mesmo tempo
    • Se tornou a mulher com mais lutas em Hell in a Cell
    • Se tornou Grand Slam e Triple Cownd
    • Se tornou a Primeira mulher a ganhar todos os títulos do Main roster em 1 ano
    • Ajudou a amiga no reinado INTEIRO
    • Mulher que fez mais combates acima de 4.0 estrelas esse ano
    • Conseguiu fazer combate bom, com a Carmella.

    • Facebook Profile photo

      Uma observação, a Sasha já se tinha tornado a mulher com mais lutas em Hell in a Cell no ano passado contra a Becky. Este ano ela apenas continuou e aumentou esse numero.

  13. Breakout Star eu daria ao Jey Uso, nem sei como é que ele não está nomeado. Um bacano que passou do tag team wrestling para o título Universal, com combates e uma rivalidade que foram espectaculares, por mim é mais que vencedor do Breakout Star of the Year.

    Match of the Year estou contente com o resultado, mas se fosse eu, e atenção, é apenas uma opinião pessoal: Daria o Match of the Year Award ao AJ vs Bryan no Smackdown pelo IC title. Foi dos unicos combates que sem publico (e sem Thunderdome) me conseguiu agarrar e electrizar como se estivesse numa arena cheia de fãs. E fez o título IC ser importante numa altura em que o seu prestigio estava em baixo (e o reinado do AJ foi muito bom também).

  14. Anónimo12 meses

    Não concordo com alguns dos vencedores. Por exemplo, a Bayley é que devia ter sido a susperstar feminina do ano, mas na parte masculina concordo totalmente, foi bem entregue ao Drew.

  15. Não concordo muito com os Slammy Awards, combate do ano foi o do Edge vs Orton!

  16. Em geral os prémios foram bem atribuídos.

  17. Estou de acordo com a maioria dos vencedores. Pessoalmente votaria em Bayley para Superstar Feminina do Ano e em AJ Styles vs Daniel Bryan para Combate do Ano mas essas coisas, geralmente, são subjetivas.