Week Review #11 – O main event está definido!

Boas pessoal, sejam bem-vindos a mais uma edição do Week Review. À semelhança da última edição, foram os elementos do grupo Fãs de Wrestling que selecionaram os destaques de que irei falar. Nesse sentido, agradeço ao Rui Wazard, João Borges, Filipe Santos e Mauro Borges pelas sugestões.

No entanto, com uma pequena diferença! Para além de momentos positivos e de maior relevância, também falarei de momentos negativos, que não correram tão bem.

Os destaques desta semana são o booking do Universal Championship para o SummerSlam, o regresso de Chris Jericho ao Smackdown Live, o Battleground, a rivalidade de Kevin Owens e AJ Styles pelo United States Championship, o segmento entre Dean Ambrose e Seth Rollins do passado Raw e os desenvolvimentos na feud entre Bray Wyatt, Finn Bálor e Elias Samson.

O MELHOR

4 Bestas e 1 título

Numa semana mediana, o Raw surpreendeu ao juntar quatro superstars de topo da marca num combate pelo Universal Championship que, ao que tudo indica, será o main event do SummerSlam.

A rivalidade está a ser muito interessante, tem sido bem construída e o combate é um dos mais esperados para a edição deste ano do SummerSlam. Era mais que esperado que o combate se fosse tornar numa Fatal 4 Way, pelo facto de os três candidatos serem os únicos que estão a ser construídos para este momento, que se prevê de grande qualidade e um dos momentos de destaque do 30º aniversário do SummerSlam.

Quem é que não está ansioso por ver Reigns, Strowman, Joe e Lesnar no mesmo ringue?

The Ayatollah of Rock n´Rolla is back BABY!

O regresso de Chris Jericho foi o destaque surpreendente da semana. O Smackdown desiludiu com o Battleground – já falaremos disso – e o segmento de abertura na terça-feira surpreendeu com o regresso de Chris Jericho, que esteve ausente durante 2 meses, quando perdeu o título de Estados Unidos para Kevin Owens.

Espero que Jericho permaneça durante uns bons meses, porque a sua ausência faz muita falta, ainda mais tendo em conta a situação atual do Smackdown, que não é muito famosa infelizmente. Poderá apimentar a rivalidade de AJ Styles e Kevin Owens, com quem tem assuntos pendentes, ou ser lançado numa rivalidade de mid card, muito provavelmente.

O PIOR

Battleground 2017

Agora sim falarei do Battleground, o evento que o Smackdown apresentou no domingo. O card prometia bastante, e as expectativas estavam altas para alguns combates e medianas para outros.

No entanto, a WWE trocou-nos as voltas, e apresentou um evento muito pobre, a nível de qualidade das exibições e resultados. O único combate que verdadeiramente se destacou foi o de abertura, pelos títulos de Tag Team, que foi o combate da noite. De resto, as exibições foram muito fracas e os resultados variaram entre surpreendentes pela negativa ou muito previsíveis.

Resultou num evento aborrecido e foi, a meu ver, um dos piores do ano da WWE, o que não é muito positivo para o Smackdown, que ultimamente tem sido reconhecida como melhor brand.

Trocas e mais trocas

Falando de Battleground e do Smackdown, a rivalidade entre Kevin Owens e AJ Styles continua bem acesa. No Battleground, Owens venceu, mas este Smackdown, Styles levou a melhor.

Pelo que temos visto, a rivalidade tem se baseado em trocas constantes de título, o que não é muito positivo. Arrisco-me a dizer que a rivalidade está a ser estragada por esta situação.

Owens e Styles são dos melhores lutadores da WWE atualmente, e a rivalidade tem sido apimentada por combates de grande qualidade. No entanto, os pequenos pormenores fazem toda a diferença e, pessoalmente, não me está a agradar esta troca constante de um título tão prestigiado como este.

Ambrose reticente em confiar

O main event do Raw foi o Handicap Matcn entre a Miztourage e a equipa de Seth Rollins e Dean Ambrose, que se têm unido para defrontar The Miz e a Miztourage.

Rollins e Ambrose têm participado em muitos segmentos, e relembrado o tempo em que fizeram equipa nos Shield. Ambrose têm se mostrado reticente em confiar em Seth, e com toda a razão, uma vez que foi Seth quem acabou com a facção. Apesar disso, as pessoas querem ver Ambrose e Rollins juntos de novo, uma vez que não têm muito mais que fazer.

Esta situação é curiosa, e os próximos desenvolvimentos podem ser decisivos para uma possível parceria entre os dois, 3 anos após o fim dos Shield.

O alvo está marcado

A feud entre Finn Bálor, Bray Wyatt e Elias Samson têm sido um pouco confusa. Claramente, é uma situação de 2 contra 1, que coloca Bálor em desvantagem. A minha desilusão com a rivalidade é precisamente o facto de Wyatt e Bálor estarem a ser mal aproveitados, numa feud de mid card que a longo prazo não terá nenhum resultado prático.

É uma rivalidade desinteressante, que apenas beneficia Samson, por se ter estreado há pouco tempo no roster principal. Na sua essência, é uma rivalidade completamente típica de Bray Wyatt, que já estamos habituados a ver.

O que acharam desta semana? Que momentos destacam? Sintam-se à vontade para dar a vossa opinião e discutir os diversos assuntos que marcaram a semana.

Regresso para a semana! Fiquem bem!

Sobre o Autor

Foto de perfil do Facebook
- Sou escritor de wrestling, que acompanho há mais de 7 anos. Gosto particularmente de dar a minha opinião sobre os diversos assuntos, e trocar impressões sobre os vossos pontos de vista acerca da modalidade.

4 Comentários

  1. Gangrel_Rules - há 3 meses

    Não concordo no battleground, achei o main event um bom combate, não técnico mas sim violento e com um heel bastante traiçoeiro com os seus capangas, mas acredito que o facto de dizerem que foi mau combate foi devido ao khali que apenas apareceu mesmo no fim, e ate que fez sentido pois também e indiano e um monstro ex campeão, mais um truque na manga do heel Mahal, eu gostei.

  2. Rui Ribeiro - há 3 meses

    Bom artigo. Só não concordo que a situação do Ambrose e do Rollins esteja no pior da semana. Se fizerem as coisas bem feitas até pode sair daqui uma boa história. Acho que estes dois vão fazer Tag Team por uns tempos (acredito que ganhem os Títulos no SummerSlam) até que o Ambrose vire heel no Seth iniciando uma feud entre os dois.

  3. BootyOs - há 3 meses

    Ambrose e Rollins pior? lol

  4. “Espero que Jericho permaneça durante uns bons meses, porque a sua ausência faz muita falta (…)”

    Assistam masé ao combate do cormier vs jones 🙂

Comentar

Editar avatar »