Frank casino

O movimento #SpeakingOut abalou o mundo do Wrestling nas últimas semanas, com dezenas de lutadores a serem acusados em casos de assédio, abuso e violência sexual. Entre os nomes envolvidos tivemos David Starr, Matt Riddle, El Ligero, Travis Banks, Jack Gallagher, Jordan Devlin, entre muitos outros.

Entretanto, segundo Jon Alba do Central Florida Sports, a WWE terá desistido da contratação de um lutador independente por causa das alegações de que esse lutador foi alvo durante este movimento #SpeakingOut. O lutador não foi identificado, mas este teria uma boa proposta do NXT, que lhe foi agora retirada.

O jornalista também reportou que a proposta era para alguém que ainda não pertencia aos quadros da WWE, pelo que seria um lutador novo a chegar à companhia, e não alguém do NXT UK ou do Performance Center.

O que é certo é que a WWE parece estar a ponderar um pouco mais as suas contratações nesta fase de pandemia do coronavírus e de rescaldo do movimento #SpeakingOut, evitando fazer grandes investimentos ou arriscar em lutadores que se possam vir a revelar problemáticos.


Quem achas que a WWE ia contratar e foi alvo de acusações no #SpeakingOut?

13 Comentários

  1. G.3 meses

    Isto do “Speaking Out” começa a cansar um bocado. É um reflexo do mundo em que vivemos. Qualquer coisa que seja lançada para as redes sociais (que andam sempre sedentas de sangue) é tida como uma verdade incontestável, sem qualquer hipótese de contraditório, com julgamento feito na hora sem hipótese de recurso.

  2. Não faço ideia de quem era,mas a WWE esteve bem em retirar a proposta.
    Mais vale não contratar já do que vir a ter problemas com esse wrestler no futuro

  3. Facebook Profile photo

    Aposto em que o push/oferta de novo contrato/investimento seria destinado ao Dream.
    Já são muitas vozes e casos a surgir contra ele, com provas à mistura. É pena porque sempre achei que ele teria um bom futuro na WWE, mas também cada qual deve de ser responsabilizado pelas próprias ações.

    • “… a WWE terá desistido da contratação de um lutador independente por causa das alegações de que esse lutador foi alvo durante este movimento #SpeakingOut.” O Dream não era independente, já estava na WWE.

    • Facebook Profile photo

      Ai, escapou-me! Peço desculpa e tens toda a razão! 😀

  4. Pedrito3 meses

    Sem dúvida que a WWE fez bem em retirar a proposta. Não fazia sentido estarem a despedir lutadores com acusações de assédio etc e ir buscar alguém nas mesmas circunstâncias!

    • Sla3 meses

      o Certo mesmo e antes de vc entrar em algum desses Wrestlings e ser casado e sempre sua mulher estar junto kkk

    • Pedrito3 meses

      Kkk

  5. Estando já na companhia e não havendo provas não deve ser prejudicado, alguém que vem de fora mesmo não tendo culpa faz mais sentido deixar a poeira baixar e se provar a sua inocência do que correr o risco de ser mais um problema

  6. El Cuebro3 meses

    Esse nome possivelmente seria o David Starr não?! Pois é até onde sei ele não tinha contrato com a WWE, mas estava “sob observação” pelo que ouvi falar.

  7. Wildemar3 meses

    Creio que seria Will Ospreay

  8. Anónimo3 meses

    Acho que a WWE fez bem em não contratar. Assim evita problemas futuros.