Faz login e remove a publicidade
Frank casino

A WWE transmitiu esta quarta-feira mais uma edição do NXT na USA Network, novamente em concorrência direta com o AEW Dynamite. Esta foi transmitida a partir do Performance Center e foi a primeira edição “especial” que teve alguns dos combates que estavam previstos acontecer no NXT TakeOver.

Resultados

– The Velveteen Dream venceu Bobby Fish
– Dexter Lumis venceu Jake Atlas
– Dakota Kai venceu Shotzi Blackheart, Deonna Purrazzo, Kayden Karter, Aliyah e Xia Li (Gauntlet Match)
1. Shotzi Blackheart venceu Deonna Purrazzo
2. Shotzi Blackheart venceu Xia Li
3. Shotzi Blackheart venceu Aliyah
4. Shotzi Blackheart venceu Kayden Karter
5. Dakota Kai venceu Shotzi Blackheart
KUSHIDA venceu Joaquin Wilde
– NXT North American Champion Keith Lee venceu Dominik Dijakovic e Damian Priest

Report

The Velveteen Dream venceu Bobby Fish. O NXT desta semana começou com Velveteen Dream a enfrentar Bobby Fish. “The Dream” até começou o combate de forma dominante, mas Bobby Fish conseguiu ganhar o domínio e fez da perna de Velveteen Dream um alvo.

Bobby Fish dominou o combate até bem perto do final, mas Velveteen Dream, com um Dream Valley Driver, garantiu a vitória.

Assim que o combate acabou, Velveteen Dream fez uma pequena promo onde desafiou o NXT Champion Adam Cole para defender o título contra si.

No backstage tivemos Malcolm Bivens com a sua equipa, onde o manager fez uma promo onde afirmou que os seus associados iam atrás dos NXT Tag Team Champions, os BroserWeights.

Dexter Lumis venceu Jake Atlas. Em seguida tivemos o primeiro combate de Dexter Lumis no NXT e o lutador fez questão de mostrar que não trabalha à hora, e venceu rapidamente Jake Atlas, tendo-o feito desistir com o Anaconda Vice.

Dakota Kai venceu Shotzi Blackheart, Deonna Purrazzo, Kayden Karter, Aliyah e Xia Li (Gauntlet Match). Neste Gauntlet Match estava em jogo o último lugar no Ladder Match em que se disputará o lugar de candidata principal ao NXT Women’s Championship, e que acontecerá na próxima semana.

O combate abriu com Shotzi Blackheart e Deonna Purrazzo, e a “Virtuosa” até começou de forma dominante, mas Shotzi Blackheart conseguiu ganhar ímpeto para, no final, com um Senton da terceira corda, seguir em frente.

A adversária seguinte de Shotzi Blackheart foi Xia Li.

As duas lutadoras atacaram-se uma à outra com tudo, sem nenhuma ganhar grande vantagem. No final, Xia Li falhou um pontapé e Shotzi Blackheart aproveitou para fazer desistir a lutadora chinesa com um Double Chickenwing.

Logo de seguida tivemos Aliyah, que tentou aproveitar o cansaço de Shotzi Blackheart, mas no final Aliyah desconcentrou-se ao discutir com o árbitro, o que abriu espaço a Shotzi Blackheart para acertar um Suplex e usar de novo o Double Chickenwing para continuar no combate.

Kayden Carter entrou em seguida no combate e aproveitou o cansaço de Shotzi Blackheart para dominar o início do quarto combate nesta Gauntlet.

No entanto, a tenacidade de Shotzi Blackheart ficou bem patente, pois bastou uma falha de Kayden Carter para Shotzki Blackheart aproveitar o deslize e voltar a vencer.

A última lutadora a entrar foi Dakota Kai, que aproveitou ao máximo o cansaço de Shotzi Blackheart para dominar, mas a sua adversária não deitava a toalha ao chão e continuava a dar tudo o que tinha.

Porém, uma distração do árbitro foi o suficiente para Raquel Gonzalez atacar Shotzi Blackheart e depois Dakota Kai aproveitar as sobras para, com o seu Go To Kick, vencer esta Gauntlet. Assim, Dakota Kai ganhou o lugar no Ladder Match que definirá a próxima candidata principal ao NXT Women’s Championship.

Logo em seguida foi nos mostradas imagens da rivalidade entre a NXT Women’s Champion Rhea Ripley e Charlotte Flair, que se enfrentarão este fim de semana na WrestleMania 36.

Kushida venceu Joaquin Wilde. Kushida e Joaquin Wilde começaram o combate de forma bastante técnica e rápida, algo que favoreceu a Superstar japonesa.

Joaquin Wilde ainda conseguiu ter alguma ofensiva, mas KUSHIDA venceu o combate depois de um Armbar. No final do combate, apesar de forma tensa, os dois lutadores cumprimentaram-se.

Já na zona do estacionamento, McKenzie Mitchell tentou entrevistar Joaquin Wilde, mas este raptado por dois mascarados.

NXT North American Champion Keith Lee venceu Dominik Dijakovic e Damian Priest. No main event tivemos o combate pelo NXT North American Championship, onde três dos lutadores mais possantes do roster do NXT se enfrentaram, e desde cedo se percebeu que nenhum dos três iria conseguir vencer o combate de forma rápida.

Durante alguns momentos viu-se trabalho de equipa, em especial por parte de Dominik Dijakovic e Damian Priest, para tentar deixar Keith Lee fora do combate.

Porém, o NXT North American Champion continuava na luta e usava os seus adversários como arma de arremesso.

Perto do final, os três lutadores quase venceram, mas uma ida para fora do ringue por parte de Damian Priest para ir buscar o seu cassetete foi decisiva, pois quando Dominik Djiakovic tentou o Feast your Eyes em Damian Priest, este acertou-lhe no joelho.

Keith Lee aproveitou o momento e com um Pounce atirou Damian Priest para fora do ringue, para depois com o seu Big Bang Catastrophe em Dominik Dijakovic vencer o combate e assim reter o NXT North American Championship.


O que achaste do WWE NXT desta semana?

10 Comentários

  1. Hugo2 meses

    Bom….nem bom….nem mau….razoável,mas o gauntlet match foi 1 bom combate fazendo jus ao rooster femenino e o que dizer do combate pelo titulo,só que a wwe tem em Lee uma superstar com grande potencial.

  2. Gabriel2 meses

    Alguém sabe pq no wwe 2k20 o nome do finisher do lee é Ground zero?

  3. Antonio2 meses

    A divisão feminina do NXT é de deixar inveja em qualquer companhia.

    Que divisão foda👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽

    • Anónimo2 meses

      Sem dúvida alguma que são uma excelente divisão!

  4. Foi um episódio do NXT decente, sendo que acertei em todos os resultados 😜
    Gostei da performance de Shotzi Blackheart na Gauntlet Match (foi a MVP/Iron Woman) e o main event foi muito bom (pena não ter tido público, de facto).

  5. Anónimo2 meses

    Gostei do show, o main event foi um excelente combate.

  6. El Cuebro2 meses

    Um bom episódio do NXT em minha opinião, uma pena a Shotzi não ter vencido, ela sem dúvida foi a melhor do episódio inteiro, luta interessante a do Kushida contra o DJZ, uma pena ver o Z perdendo novamente, luta interessante do Lumis/Shaw contra o Atlas, foi a primeira luta do Atlas que eu vi em minha vida, é um wrestler de qualidade, quanto ao Shaw bem forte, mas precisa de um finisher melhor, mesmo a submissão, grande triple threat no main event, os gigantes do NXT em confronto, mas por que estava o logo do TakeOver Tampa na hora da luta?

    • Showstealer2 meses

      Creio que o logo significava que este combate era suposto ter acontecido no TakeOver.

    • El Cuebro2 meses

      Faz sentido, acho que aos poucos esses combates vão saindo né, como por exemplo a ladder match feminina, o combate de Ciampa e Gargano e também Adam Cole e Dream pelo NXT Title.