Frank casino

A WWE transmitiu esta quarta-feira mais uma edição do NXT na USA Network, a partir do agora chamado Capitol Wrestling Center, a caminho do Halloween Havoc do final do mês e em concorrência direta com o AEW Dynamite.

Resultados

– Undisputed ERA (Roderick Strong & Bobby Fish) venceram Oney Lorcan & Danny Burch (NXT Tag Team Championship Nº1 Contender’s Match)
– Jake Atlas venceu Ashante “Thee” Adonis
– Johnny Gargano venceu Austin Theory
– Candice LeRae venceu Shotzi Blackheart (NXT Women’s Championship Nº1 Contender’s Match)
– Toni Storm venceu Aliyah
– Imperium (Marcel Barthel & Fabian Aichner) venceram Drake Maverick & Killian Dain
– NXT North American Champion Damian Priest venceu Dexter Lumis

Report

O NXT abriu com 3 dos 4 elementos dos Undisputed ERA, faltando Adam Cole, tendo Kyle O’Reilly dito que se eles tivessem metido as mãos em Ridge Holland ele estaria agora no mesmo hospital onde acabou por ir. O ex-candidato principal ao NXT Championship disse também que a segunda vinda da profecia da Undisputed ERA começa neste NXT.

– Undisputed ERA (Roderick Strong & Bobby Fish) venceram Oney Lorcan & Danny Burch (NXT Tag Team Championship Nº1 Contender’s Match): A dupla de Oney Lorcan & Danny Burch controlou o combate de abertura deste NXT durante alguns minutos, mas a Undisputed ERA conseguiu inverter o ímpeto e dominar durante mais tempo.

Quando Danny Burch entrou em ringue o ímpeto do combate virou novamente, o que nos levou a uns minutos finais muito equilibrados. No final, a Undisputed ERA conseguiu a vitória e assim são os novos candidatos principais aos NXT Tag Team Championships.

A seguir tivemos a entrevistadora Mackenzie Mitchell a falar sobre a situação da operação ao maxilar do NXT Champion Finn Bálor. O lutador irlandês continua a recuperar e, para já, não lhe será retirado o título.

Logo a seguir tivemos Ember Moon num video package a falar da sua lesão, da sua recuperação e de como quer conquistar o NXT Women’s Championship.

– Jake Atlas venceu Ashante “Thee” Adonis: O combate foi bastante equilibrado desde o início e quando parecia que Ashante Adonis ia começar a ter o ímpeto do seu lado, Joaquin Wilde e Raul Mendonza apareceram para distrair. Jake Atlas aproveitou e venceu o combate um small package.

Assim que o combate terminou, Joaquin Wilde e Raul Mendonza atacaram Ashante Adonis, mas Jake Atlas auxiliou aquele que tinha sido o seu adversário.

A seguir, o NXT Cruiserweight Champion Santos Escobar veio para atacar o duo de Ashante Adonis e Jake Atlas, mas “Swerve” Scott apareceu para equilibrar as contas.

Em seguida, nos bastidores, Johnny Gargano e Candice LeRae foram entrevistados com a “Poison Pixie” a afirmar-se como a campeã sem título. Já Johnny Gargano mostrou-se irritado por Dexter Lumis ter uma hipótese pelo título, isto antes de afirmar que vai ensinar uma lição de Wrestling a Austin Theory.

– Johnny Gargano venceu Austin Theory: Johnny Gargano deu uma tareia a Austin Theory durante vários minutos, mas o jovem lutador, a muito custo, conseguiu inverter o ímpeto a seu favor.

Depois de alguns minutos de domínio, “Johnny Wrestling” virou o combate a seu favor e acabou por vencer com o seu Slingshot DDT.

No backstage, Raquel González desafiou Rhea Ripley para um combate, mas a “Nightmare” apareceu e desafiou-a para o NXT Halloween Havoc. As duas lutadoras envolveram se tiveram de ser separadas.

Depois foi transmitido um vídeo em que Tommaso Ciampa lembrou que Velveteen Dream interferiu no seu combate da semana passada e que não o deveria ter feito, deixando uma ameaça ao lutador.

– Candice LeRae venceu Shotzi Blackheart (NXT Women’s Championship Nº1 Contender’s Match): Candice LeRae dominou este combate quase desde o primeiro minuto, mas já se sabe que Shotzi Blackheart nunca desiste e a pouco ortodoxa lutadora equilibrou esta contenda.

O combate acabou por ser bastante equilibrado, com as duas lutadoras a quase vencerem por várias vezes. Quando parecia que Shotzi Blackheart se encaminhava para ser a candidata principal ao NXT Women’s Championship, Indie Hartwell fora do ringue entregou uma soqueira a Candice LeRae, que não teve problemas em usá-la e assim garantir o seu combate contra Io Shirai.

– Toni Storm venceu Aliyah: Toni Storm dominou quase desde o início, apesar de alguma luta de Aliyah. No final, como seria de esperar, com o seu Storm Zero, a lutadora australiana venceu este combate de regresso ao NXT.

A seguir o General Manager William Regal foi entrevistado para falar dos combates que irão acontecer no Halloween Havoc, até que foi interrompido por Xia Li, que pediu um combate na próxima semana.

– Imperium (Marcel Barthel & Fabian Aichner) venceram Drake Maverick & Killian Dain: Killian Dain ainda fez uso da sua força para dominar o combate, mas Drake Maverick acabou por deitar tudo a perder, e maior experiência dos Imperium foi fatal para a estranha equipa dos britânicos. No final, os Imperium venceram o combate.

Assim que terminou, os Ever Rise vieram atacar Drake Maverick, mas Killian Dain atacou os dois lutadores.

– NXT North American Champion Damian Priest venceu Dexter Lumis: O main event deste NXT foi equilibrado desde o início, com nenhum dos lutadores a conseguir impor a sua força. Os strikes de Damian Priest ainda lhe deram alguma vantagem, mas o estilo pouco ortodoxo de Dexter Lumis foi sempre um problema para o campeão.

No final, os dois lutadores até recorreram a submissões para tentar vencer o combate e chegou mesmo a parecer que iríamos ter novo campeão, só que uma interferência de Cameron Grimes a atacar Dexter Lumis nas costas do árbitro, abriu espaço para que o “Archer of Infamy” vencesse o combate e retivesse o NXT North American Championship.

No entanto, o episódio acabou da pior maneira para o campeão, pois levou com uma cadeirada nas costas, cortesia de Johnny Gargano.

Só que nem Johnny Gargano nem Candice LeRae se iriam sair a rir do NXT, pois William Regal ao lado da host do Halloween Havoc, Shotzi Blackheart, anunciaram que os dois combates que estes terão no especial da brand amarela irão ter estipulações extremas determinadas por uma roda da “sorte”.


O que achaste do WWE NXT desta semana?

16 Comentários

  1. Tribal chief1 semana

    Priest ganhou mas n descredibilizou o seu madruga, um combate fatal 4 way entre cameron,lumis,gargano e priest seria epico melhor do que so gargano contra priest

  2. Tribal chief1 semana

    Shotzi host do hallowen havoc como assim ?

  3. Tribal chief1 semana

    Breakin news sinto que kross vai retorna no take over 32,tem uma foto no instagram dele com uma camisa dizendo times up tick tock com a legenda: Eles não saberão quando, eles nao vao saber onde. A unica coisa que eles tem a certeza é que esta a chegar e nao ha nada que eles possam fazer em relação a isso obtenha a camisa para quando o TIME vier

    • Isso nao quer dizer que seja já

    • Anónimo1 semana

      Ele pode simplesmente estar a criar expectativas, e não dar em nada. Ele teve de deixar o título vago, logo a lesão foi séria, penso que ainda vai demorar mais um bocado a retornar.

  4. Spin the Weel, Make A Deal de volta!

    Vamos!!!

  5. Foi um show interessante por parte do NXT, com algumas histórias a serem retomadas (algumas das quais não concordo, como o facto de termos reedições de combates do último TakeOver daqui a duas semanas) e outras a terem alguns desenvolvimentos.
    Gostei bastante do combate que opôs Bobby Fish & Roderick Strong a Oney Lorcan & Danny Burch, Johnny Gargano x Austin Theory também foi entertaining, Candice LeRae x Shotzi Blackheart (esta tem evoluído muitíssimo recentemente) talvez tenha sido o combate da noite e o main event viu-se bem e conteve imenso equilíbrio até Cameron Grimes aparecer.

  6. Facebook Profile photo

    Gostei mais de ver o nxt do o dynamite da aew esta semana.

  7. Facebook Profile photo

    Quarta feira de bom Wrestling!
    8.0 do Bruno Meltzer Messiah

  8. Anónimo1 semana

    Mais um bom NXT, com bons combates.