A WWE transmitiu esta terça-feira a segunda edição do NXT 2.0 na USA Network, a partir do renovado Capitol Wrestling Center em Orlando, Flórida.

Resultados

– Roderick Strong venceu NXT Cruiserweight Champion Kushida
– Kay Lee Ray venceu Amari Miller
– Dante Chen venceu Trey Baxter
– Cameron Grimes venceu Joe Gacy
– Elektra Lopez venceu Anna Scheer
– Odyssey Jones venceu Cary Millman & Darren Chiapetta (Handicap Match)
– NXT Champion Tommaso Ciampa & Bron Breakker venceram Pete Dunne & Ridge Holland

Report

O NXT abriu com um video package a lembrar tudo o que aconteceu no primeiro episódio do NXT 2.0.

Já na arena, o NXT começou com várias das novas Superstars da brand em ringue, sendo que o NXT Champion Tommaso Ciampa juntou-se aos jovens e afirmou que todo o tempo que teve de esperar valeu a pena e que tem orgulho em ser novamente o campeão da brand.

A seguir, Tommaso Ciampa falou das mudanças que estão a acontecer e mesmo com uma cor diferente, ele é NXT, os lutadores são NXT, os comentadores são NXT e os fãs são a alma do NXT, e que todos eles são NXT!

Cameron Grimes acabou por interromper o campeão e dizer que queria uma hipótese pelo título, mas foi interrompido primeiro por Joe Gacy e depois por LA Knight, tendo este último sido mandado calar por Odyssey Jones.

Pete Dunne e Ridge Holland também foram ao ringue e o “Bruiserweight” afirmou que só vê medrosos com medo de andar à pancada. Foi então que o NXT Champion deu um soco ao seu rival e tivemos uma grande brawl que foi ganha por Tommaso Ciampa e Bron Breakker, que se viram livres de Pete Dunne e Ridge Holland.

O jovem Bron Breakker pegou então no microfone e disse que o público quer ver este combate a continuar, e então desafiou Pete Dunne & Ridge Holland para um Tag Team Match.

– Roderick Strong venceu NXT Cruiserweight Champion Kushida: O início deste combate foi bastante técnico, sendo que até foi Kushida que começou por levar a melhor durante alguns minutos, e só quando Roderick Strong usou alguma agressividade é que deu luta ao NXT Cruiserweight Champion.

Kushida ia mesmo vencer o combate por submissão, mas nas costas do árbitro, Malcolm Bivens colocou o pé do seu lutador na corda. A partir daí foi uma confusão de todo o tamanho, com Malcolm Bivens a distrair o árbitro, o que abriu espaço para os Creed Brothers e Ivy Nile atacarem o japonês. Isto permitiu que Roderick Strong acertasse o seu End of Heartache e conquistasse o NXT Cruiserweight Championship.

Já depois do combate, Grayson Waller afirmou que este NXT é uma selva e que não quer ficar à espera, desafiando o NXT Cruiserweight Champion Roderick Strong para um combate, desafio esse que foi por Malcolm Bivens.

Em seguida tivemos mais um video package a promover a chegada de Tony D’Angelo ao NXT.

A seguir tivemos Josh Briggs e Brooks Jensen a explicar como começaram a sua amizade e foi tudo num bar, e que agora no NXT 2.0 estão prontos para destruir a concorrência.

– Kay Lee Ray venceu Amari Miller: A estreante entrou melhor neste combate, mas a experiência e a agressividade de Kay Lee Ray veio ao de cima e esta acabou por vencer sem problema depois da sua Gory Bomb.

Nos bastidores, Bron Beakker ia ser entrevistado, mas foi interrompido por Tommaso Ciampa. Ainda assim, o jovem mal deixou o NXT Champion falar e disse que se tiver de ir para a guerra, então que seja ao lado do “Psycho Killer”, tendo em seguida dado uma chapada amigável no braço de Tommaso Ciampa.

Em seguida e fora do Capitol Wrestling Center vimos Xyon Quinn a atacar um dos atletas do Performance Center.

– Dante Chen venceu Trey Baxter: Trey Baxter entrou melhor, mas do nada Dante Chen virou o combate e venceu na sua estreia no NXT 2.0, com uma espécie de Wing Clipper.

Em seguida vimos um video package de Andre Chase na sua universidade, onde este provocou Odyssey Jones e afirmou que se este soubesse fazer um pin teria vencido o NXT Breakout Tournament. O segmento terminou com o lutador a irritar-se com um dos seus alunos.

No ringue tivemos Joe Gacy, que começou a falar das suas resoluções que tem para o NXT 2.0 e que ele é o homem que pode ajudar o NXT a ter paz.

– Cameron Grimes venceu Joe Gacy: Cameron Grimes entrou melhor, mas Joe Gacy virou o embate a favor e usou a sua maior força para dominar, mas do nada o ricaço do NXT acertou o seu Cave-In e venceu este embate.

Depois do combate terminar, Joe Gacy deu um abraço de respeito a Cameron Grimes, mas este não estava com grande vontade de aturar o adversário.

A seguir revimos imagens do casamento entre Dexter Lumis e Indi Hartwell, sendo que foi anunciado que na próxima semana iremos ver imagens da Lua de Mel dos #InDex.

Logo a seguir tivemos um video package de Von Wagner a treinar depois da sua derrota, mas com o jovem lutador a dizer que a mesma só o motiva para fazer melhor.

– Elektra Lopez venceu Anna Scheer: Elektra Lopez não quis dar azo a surpresas e usou toda a sua força para vencer este embate sem problema.

Assim que o combate terminou, Santos Escobar elogiou as características de Elektra Lopez e afirmou que esta completa o Legado Del Fantasma. A lutadora insultou B-Fab e como seria de esperar os Hit Row vieram ao ringue, com a última a atacar a sua rival pelas costas. Tivemos então uma brawl que teve de ser parada pelos outros lutadores.

No balneário, Trey Baxter estava triste por ter perdido, mas Cora Jade foi dar-lhe apoio moral e acabou a dar um beijo ao lutador, que ficou logo mais bem disposto.

Nos bastidores, a NXT Women’s Champion Raquel Gonzalez foi falar com Franky Monet e explicou que o combate pelo título feminino acontecerá na próxima semana.

O grupo da “Wera Loca” foi depois interrompido por Lash Legend, que anunciou que irá fazer a estreia do seu talk show, o Lashing Out, também na próxima semana.

– Odyssey Jones venceu Cary Millman & Darren Chiapetta (Handicap Match): Odyssey Jones fez dos seus dois adversários carne para canhão, e mesmo em desvantagem numérica, o carismático e poderoso lutador venceu este Handicap Match sem problema.

Depois do combate, Andre Chase tentou atacar Odyssey Jones, mas este destruiu a cadeira e o seu rival fugiu.

Nos bastidores, Grayson Waller foi interrompido por Carmelo Hayes e Trick Williams, que também acabaram por ser interrompidos pelo trio liderado por Mandy Rose, sendo que os dois lutadores ficaram enfeitiçados.

A seguir tivemos um video package de Ikemen Jiro, com este a mostrar todos os seus casacos.

No ringue tivemos Mandy Rose a acusar os fãs de não terem feito nada quando lhe partiram a cara e que os mesmos também não quiseram saber de Gigi Dolin e Jacy Jayne, mas que as Toxic Attraction vão dominar o NXT 2.0. Gigi Dolin e Jacy Jayne também falaram e explicaram que estão aqui para dominar e que vão destruir toda a sua concorrência.

Nos bastidores, as NXT Women’s Tag Team Champions Io Shirai e Zoey Stark foram entrevistadas e a “Genius of The Sky” fez logo questão de aceitar o desafio das Toxic Attraction, o que deixou Zoey Stark um bocado estupefacta. Persia Pirotta interrompeu as campeãs e explicou que quando a sua melhor amiga, Indi Hartwell, regressar da lua de mel, também há-de querer lutar pelos NXT Women’s Tag Team Championships.

– NXT Champion Tommaso Ciampa & Bron Breakker venceram Pete Dunne & Ridge Holland: De forma surpreendente e muito com base na força de Bron Breakker, a equipa do jovem lutador e de Tommaso Ciampa entrou melhor, mas o duo de Pete Dunne & Ridge Holland conseguiu isolar o NXT Champion e assim começar o seu domínio. Fora do ringue o “Psycho Killer” ainda tentou dar luta, mas ficou sob controlo da equipa britânica.

Pete Dunne & Ridge Holland dominaram durante vários minutos, mas o NXT Champion conseguiu sobreviver e fazer o tag a Bron Breakker, que entrou com tudo e virou o Tag Team Match do avesso. O jovem lutador quase venceu com o Steiner Recliner, mas o “Bruiserweight” sobreviveu e o seu duo até quase venceu.

Tommaso Ciampa e Pete Dunne mostraram porque são dois dos homens mais agressivos do NXT, enquanto Bron Breakker e Ridge Holland mostraram porque são dois dos mais fortes. O combate ficou bastante confuso, sendo que tivemos Kyle O’Reilly a atacar Ridge Holland nas costas do árbitro, o que abriu espaço para que o jovem lutador, com o seu Military Press Powerslam, vencesse o combate.

Assim que o combate terminou, Bron Breakker pegou no NXT Championship e ficou a olhar para o título, mas acabou por o dar a Tommaso Ciampa e os dois festejaram nos momentos finais deste episódio do NXT 2.0.


O que achaste do WWE NXT desta semana?

25 Comentários

  1. Facebook Profile photo

    Mais um excelente show, onde finalmente se vê pessoal com reais possibilidades de ter sucesso num nível superior, embora provavelmente o show vá continuar a levar hate da malta da internet porque é fixe cascar na wwe mesmo quando eles estao a fazer exatamente aquilo que pedem, que é apostar em malta jovem. E aquele odyssey jones, provavelmente seria um passo muito maior que a perna mas eu pelo menos vejo-o com uma das melhores escolhas para vencer o roman. Eu sei que ele ainda mal chegou e nem no main roster esta, mas porra, ve se pelo seu comportamento que tem o “it” factor, vai ser um babyface tremendo.

    • Calma! O odyssey vai carregar o legado do mark henry as tantas pelas suas parecencas com o world strongest man, mas tirar.o titulo ao roman é cedo de mais, deixa o se destacar ainda mais no nxt

    • Kick_Ass4 semanas

      Tirar o título ao Roman??😂 Ele nem pelo NXT Championship está a lutar quanto mais tirar ao top dog da WWE.

      Nada contra o Jones mas tens melhores lutadores com bem mais potencial do que ele.

    • Facebook Profile photo

      Eu sei que exagerei e muito, mas sinceramente eu vejo um potencial gigantesco neste gajo. E o roman com jeitinho leva o titulo ate ao proximo summerslam, portanto ele ate teria algum tempo para se preparar. Mas e muito cedo eu sei. Apenas um fantasy booking 😂.

    • David eu acredito que um dia o jones pode chegar ao topo a menos que seja um keith lee ou kross 2.0 que com o vinças arruinar talento é facil…

      Mas eu nao vejo o grandão a tirar o titulo ao reigns, embagosto de 2022 talvez ate seja nxt champ mais que isso nao, e o reigns acredito que até á wrestlemania perde o titulo talvez para um lesnar ou num money in the bank ppv…

      Mas é a minha visao sobre o futuro destes lutadores onque eu prevejo, nao o que o vai acontecer mesmo

    • Facebook Profile photo

      O Roman TEM de perder para alguem que va ser o futuro da empresa no futuro. Nao para o lesnar, balor, rock ou alguem do genero. Dai ter falado deste nome, ou ate mesmo do breakker, porque sao os dois super jovens e tem um talento e carisma gigante. E também porque sinceramente no main roster nao vejo ninguem adequado a tirar lhe o titulo.

  2. joao (diferenciado)4 semanas

    adorei esta noite de NXT. estou ansioso para ver o que vem daí. parece que esta mudança foi para melhor.

  3. Gostei:
    – Tommaso Ciampa faz uma promo, juntamente com a presença de alguns novos lutadores. É interrompido por Cameron Grimes, Pete Dunne & Ridge Holland, que querem o título. E depois temos brawls por todo o lado. É no ring, é no backstage… Ótimo segmento para começar o show.
    – Roderick Strong vs Kushida. Um bom combate que podia ter sido melhor com mais algum tempo. Strong vence o título com ajuda dos Diamond Mine.
    – Kay Lee Ray vs Amari Miller. Ray vence esta squash, com ambas as mulheres a deixarem uma boa impressão.
    – Video package de Andre Chase a falar com alguns alunos. Ele insulta Odyssey Jones antes de um dos alunos lembrar que Jones derrotou-o no passado. Chase ficou furioso e até disse f*ck várias vezes (censorado). Eu gostei imenso disto, achei um ótimo segmento.
    – Cameron Grimes vs Joe Gacy. Squash prolongada para Cameron Grimes, mas até foi bom.
    – Promo dos Legado del Fantasma. Lopez desafia B-Fab, os Hit Row aparecem e B-Fab e Lopez envolvem-se numa brawl até serem separadas. Um bom segmento que avança bem esta storyline.
    – Odyssey Jones vs 2 Jobbers. 5ª squash da noite, com vitória de Jones. Uma boa vitória dominante.
    – Após este combate, Chase tentou atacar Jones com uma cadeira mas não funcionou, e fugiu assustado. Bom segmento que fez o Jones parecer uma besta total.
    – Promo das Toxic Attraction. Todas as mulheres têm alguns momentos no microfone. Um bom segmento com boas promos de Rose, Dolin e Jayne.
    – Bron Breakker & Tommaso Ciampa vs Pete Dunne & Ridge Holland. Um ótimo main event, com destaque para Breakker, que esteve excelente. Os faces vencem.

    Não Gostei:
    – Dante Chen vs Trey Baxter. Chen vence na sua estreia. O combate tem menos de 2 minutos e Chen só usou 1 manobra.
    – Promo de Joe Gacy. Isto foi horrível. Nada do que ele disse fez qualquer tipo de sentido.
    – Elektra Lopez vs Anna Scheer. Mais uma squash, mas esta foi bem medíocre a meu ver. Lopez com a vitória.

    Overall: 6/10. Um show dominado por squashes, mas isto é compreensível, dado que querem dar build a novas estrelas. O main event foi ótimo, especialmente Breakker e Holland. O combate de abertura precisava de mais tempo. Vamos ver o futuro.

    • Edge884 semanas

      O segmento do Chase foi realmente fantastico (fez me lembrar até um pouco o estilo que o Impact faz estes segmentos), ele assistir ao combate do Odissey e tentativa de cadeirada foi uma boa continuação.

  4. Eduardo4 semanas

    Mais um belo NXT O Bron Breaker tem um grande talento

  5. TakerVanderVaart234 semanas

    Honestamente este episódio do NXT desiludiu-me um pouco! Várias squashes (que até é compreensível para apresentar a malta nova), mas houve muita salganhada (confusão) na minha opinião. Não senti que tenha sido um programa assim tão bem “planeado”.
    Gostei mais do primeiro episódio do NXT 2.0
    Espero melhorias para a semana

  6. Mais um show bem interessante.

    O bron tem mesmo a cara do pai, eu sem saber que era filho docrick steiner quando o vi lembrei-me logo do antigo lutador da wcw

    Espero que na proxima semana tenhamos novas campeãs de duplas, nada contra a shirai e a zoey mas eu a cada dia que passa sou mais fã das toxic, a Gigi é brutal mesmo e a stable esta bem completa e sem duvida que a evolução da Mandy é enorme

    Sobre os novos lutadores acho que precisam de tempo para se darem a conhecer e se destacar, exepto o Odissey que já está destacado e o hayes, espero que neste meio o cal bloom tenha destaque o homem semana passado mostrou muito em ringue, Bron tambem já esta a ganhar muito destaque e rapidamente será um nome de peso neste novo nxt 2.0

    Ridge holand vs kyle oreylle promete mas o ex membro da undisputed tem o derradeiro match guardado com o bruiserweight futuramente (acho eu)

    Teremos ikemen jiro com algum push??? Gostava disso, o homem para alem de ser top em ringue é super carismático o quexme rio com ele e os seus blazers fenomenais xd

    Questoes que coloco, que é dos Thian Sha??? Apos o debut da mei nunca mais se viram, a xia li devera estar prestes a pisar os ringues do main roster…

    Os carecas?? Nada sobre eles o que continuo a prever as suas saidas com muita pena minha, duvido que vão para o main roster mas…

    Ember moon??? Evaporou??? Já se sabe que nao esta lesionada acho estranho no nxt andar encostada e sem planos, possivel saida ou nova subida??

  7. Kick_Ass4 semanas

    Episódio razoável, o cenário ainda não me atrai como o do antigo NXT mas veremos no que vai dar a longo prazo.

    Dá para ver que a WWE vai apostar forte em 3 nomes:
    – Bron Breakker, que me parece um bom lutador com muito potencial, apesar de ter um nome e gear horríveis…
    – Von Wagner, fiquei satisfeito do que vi dele no combate do show anterior mas ainda está muito genérico.
    – Xyon Quinn que dos 3 para mim é o que está melhor preparado para ter sucesso imediato.

    Já agora… apesar de o Carmelo Hayes não ser um big guy espero que não desistam dele, tem muito potencial, para mim é um diamante em bruto.

    • Odissey jones vai ser das caras da brand tambem

      O quinn quem é?? Nem estou a ver kkk

      Na womens division a nova stable das.toxic irao e espero que dominem, acho que tem tudo pada serem exelentes e memoraveis

    • Facebook Profile photo

      Acho que é aquele gajo da segmento no estacionamento, onde esta a ser educado para umas raparigas e aparece um gajo qualquer e ele depois manda o contra a porta. Tambem gostei muito dele, bom acting e tem um look fantástico.

    • Nao sabia, obrigado

    • Edge884 semanas

      Concordo com a cena do Carmelo Hayes, ainda hoje pensei exatamente a mesma coisa

    • Kick_Ass4 semanas

      Ele já tinha derrotado o Boa na sua estreia, para um big guy mexe-se muito bem.
      Dá uma vista de olhos nos combates dele, tb lutou no 205.

  8. vasectomia salvadora4 semanas

    só 1 comentário aleatório passando: esse nxt tá muito colorido.

  9. El Cuebro4 semanas

    Foi um bom show, ainda está difícil acostumar com o cenário novo e a falta do amarelo e preto, mas quem sabe no futuro, temos bons nomes em destaque, novos aparecendo que ainda precisam de mais maturação, acho que logo veremos Bronson, Cal Bloom, Xyon e Odyssey comandando a divisão masculina e do lado feminino a Toxic Attraction, talvez a Taya, Kay também e outros bons nomes! No mais que porcaria fizeram com o personagem do Joe Gacy? Estava melhor como começou lá, não como o Joey Ryan terminou a carreira no Impact! E Briggs e Buchanan dois bar brawlers, sério?! No mais alguém mais reparou que o Buchanan estava vestido muito parecido com o Dean Ambrose nos tempos de WWE?!

  10. Edge884 semanas

    Belo show, só tive tempo de ver agora e não desiludiu . Tenho andado afastado de ver shows completos, mas com este nxt 2.0 decidi começar a ver desde o primeiro episodio , até agora tenho adorado.

    • Edge884 semanas

      Breaker, Ridge Holland e Odyssey Jones parecem me ter um potencial fantástico, os dois primeiros estiveram muito bem no main event

    • O ridge holand já é uma cara conhecida desde o ano passado, era lutador do nxt uk e depois passou para os usa teve apenas alguns squatchs matches e lesionou-se regressou á coisa de 2 meses como heel e tem estado impecavel

  11. Anónimo4 semanas

    Bom NXT. Destaco o combate pelo título CW e o main event, foram bons.

  12. Apesar de algumas coisas com pouco significado, foi mais um episódio bastante entretido.
    Pessoalmente gostei do segmento inicial, do NXT Cruiserweight Championship Match entre Kushida e Roderick Strong, e do main event.