WWE NXT Deadline (09/12/2023)

Axiom venceu Nathan Frazer (Kickoff)

O combate começou num ritmo bastante alto e foi Axiom que levou a melhor nos minutos iniciais, até que Nathan Frazer de forma algo batoteira virou o ímpeto a seu favor.

Nathan Frazer dominou durante alguns minutos, mas o mascarado nunca se deu por vencido e quando conseguiu aumentar a velocidade, equilibrou novamente o ímpeto deste embate.

Nos minutos seguintes os dois foram usando cada vez mais a sua agilidade e agressividade e com isso foram ficando cada vez mais perto da vitória. No final, Axiom ganhou vantagem depois de um Spanish Fly da terceira corda e conquistou a vitória com o Golden Ratio.

10 Comentários

  1. Natan4 meses

    Acabou para o Dominik kkkkkkk feliz pelo Dragon Lee ser campeão North American

  2. Jomi4 meses

    Péssimo o show, na minha opinião. Reitero: se você não for Carmelo Hayes, Trick Williams ou Wes Lee, você nunca terá chance no roster do Nxt

    • Natan4 meses

      Carmelo e Trick foram os que menos gostei, já o restante gostei, inclusive o retorno da Cora Jade e a vitória do Dragon Lee

    • Fala ae Jomi, o q realmente você tem contra esses 3, ainda q o Wes nem apareceu
      Fala aí, quero se tem coragem

    • Wwe world4 meses

      Obviamente Antônio é racista só pode

    • tosse4 meses

      vocês e a cena da cor de pele

      cresçam.

  3. Bruno4 meses

    Deu-me a entender que o Dragon Lee pode ter-se lesionado no joelho. Espero que seja algo leve

  4. Gonçalo Camacho4 meses

    Que Show este, muito bom, os combates foram decentes, principalmente o Iron Survivor masculino, muita ação, spots espetaculares, valeu a pena. O main event fantástico, tenho pena do Baron Corbin acho que tem um potencial enorme, mas está difícil ganhar um título principal, não tirando mérito ao Ilja Dragunov que é excelente.
    De resto as storylines estão a ficar interessantes, mais concretamente a do Carmelo e do Trick, sempre pensei que fosse o Trick a “trair”o Carmelo, mas afinal vai ser o contrário.
    Curioso para ver se a superstar que vai participar no US tournament é o Bron Breaker, diria que sim, está muito bem e pronto para o Main Roster.

    De destacar também o Punk a deixar no ar se vai para o NXT ou não. Na minha opinião foi um excelente show este.

  5. Axiom vs Frazer, um combate muito bom com um ritmo elevadíssimo, como seria de esperar. E digo-vos já: o facto que, na minha opinião, o 2º melhor combate do evento foi no kick-off diz algo sobre o evento que se seguiu. Passamos então para o Deadline em si: CM Punk apareceu para dar mais alegrias à malta e fazer tease a uma ida para o NXT que nunca irá acontecer. Ah, e para fazer um vídeo super fofo com a Cora Jade (que finalmente voltou) nos bastidores. Dragon Lee vs Dominik foi divertido e exibiu bem o Dragon Lee, que conquista o seu bem merecido 1º título na WWE. A Iron Survivor feminina foi bem feita, com todas as mulheres a terem a sua chance de brilhar. Já estava confirmado que a Tiffany é um talento especial e, a este ponto, está mais que preparada para o main roster. A sua exibição aqui foi brutal. A vencedora foi a pessoa correta e gostei da Blair a conseguir o pinfall nos momentos finais e depois a queimar tempo correndo à volta do ring. Hayes vs King foi, facilmente, o combate mais fraco do show, apesar de ainda ser bom. Tal como o próprio Lexis King disse, isto era só para ele aparecer no PPV. E depois tivemos a Iron Survivor masculina – o combate é muito bom durante o seu tempo, com Dijak e Tyler Bate a serem os grandes destaques. Adorei a forma como o Breakker entrou e conseguiu logo 3 falls num piscar de olhos, outro lutador que está mais que preparado para o main roster (tal como o Tyler Bate). E é a este ponto que digo que esta Iron Survivor é um dos meus candidatos a melhor combate do ano. Porque? Por causa dos últimos 2 minutos: Bate, Dijak e Breakker empatados a 3, Briggs com 2 e Trick com 0. E, após uns primeiros 30 segundos caóticos com a barricada a partir-se e a mesa também, o Trick Williams consegue 3 roll-ups surpresa e, a faltar 10 segundos, o Trick já atingiu as 3 falls! Breakker vai para um spear, Trick acerta uma knee e consegue a 4ª fall e vence! Os últimos 2 minutos deste combate são absolutamente entusiasmantes e são executados na perfeição! Excelente trabalho da parte de todos. Roxanne vs Kiana James foi uma ótima steel cage, sendo que o final foi um bocado meh, com aquela rapariga que nem conhecia. Dragunov vs Corbin cumpriu como mais uma defesa de título para o Dragunov, que é absolutamente incrível e não tenho elogios suficientes no meu vocabulário para o descrever. Em geral, achei um ótimo PPV mas longe da qualidade, por exemplo, do No Mercy. Recomendo-vos absolutamente a assistirem à Iron Survivor masculina e talvez ao combate do kick-off. O resto, apesar de ser bom, podia ter sido muito melhor.

  6. Anónimo4 meses

    Um bom PPV no geral, destaco a aparição do Punk e Men´s Iron Survivor.