WWE transmitiu este domingo, a partir do Capitol Wrestling Center em Orlando, Flórida, mais um especial da sua brand amarela, o NXT TakeOver: In Your House.

O WWE NXT TakeOver: In Your House foi transmitido na WWE Network. Subscreve aqui!

Resultados

– NXT North American Champion Bronson Reed & NXT Tag Team Champions MSK (Nash Carter & Wes Lee) venceram Legado Del Fantasma (Santos Escobar, Joaquin Wilde & Raul Mendoza) (Winner Takes All)
Xia Li venceu Mercedes Martinez
– LA Knight venceu Cameron Grimes (Million Dollar Championship Ladder Match)
– NXT Women’s Champion Raquel Gonzalez venceu Ember Moon
– NXT Champion Karrion Kross venceu Kyle O’Reilly, Adam Cole, Pete Dunne e Johnny Gargano (Fatal 5-Way)

Report

– NXT North American Champion Bronson Reed & NXT Tag Team Champions MSK (Nash Carter & Wes Lee) venceram Legado Del Fantasma (Santos Escobar, Joaquin Wilde & Raul Mendoza) (Winner Takes All): O combate Winner Takes All começou de forma bastante equilibrada, isto até Bronson Reed entrar em ringue e dominar o Legado Del Fantasma de forma fácil. O trio de campeões acabou mesmo por dominar durante vários minutos, sendo que até tivemos o “Colossal” a voar, mas o ímpeto virou quando Santos Escobar conseguiu isolar Wes Lee.

O Legado Del Fantasma dominou de forma agressiva e durante vários minutos, mas quando o NXT North American Champion voltou ao ringue, virou o combate do avesso, até que o trio liderado por Santos Escobar com alguma batota voltou a ter algum controlo. O caos estava mais que instalado, com Bronson Reed a fazer Santos Escobar atravessar uma das barreiras de protecção. No final, os MSK usaram a sua versão do Hart Attack e Bronson Reed acertou o seu Tsunami, para assim os campeões reterem os seus títulos.

– Xia Li venceu Mercedes Martinez: O combate começou bastante agressivo e de forma algo surpreendente foi Xia Li que entrou melhor, fazendo da zona lombar de Mercedes Martinez o seu alvo preferencial de ataque.

Mercedes Martinez foi sobrevivendo e tendo alguma ofensiva, em especial um Royal Butterfly Suplex, isto quando a lutadora asiática já estava a sentir algum dano na sua perna. O final foi bastante equilibrado e até parecia que Mercedes Martinez estava com algum ímpeto, mas do nada, Xia Li acertou um forte pontapé e venceu.

Já depois do combate, Xia Li tentou atacar a sua rival com uma cadeira, mas Mercedes Martinez roubou-lha e atacou a chinesa e Boa. A veterana decidiu então fazer frente a Mei Ying, mas isso provou ter sido uma má ideia, pois só com uma mão a misteriosa figura atirou Mercedes Martinez contra a barreira de separação.

A seguir tivemos Tommaso Ciampa e Timothy Thatcher a prometer que vão destruir os Grizzled Young Veterans e que eles vão perceber o quão perigosos eles são.

– LA Knight venceu Cameron Grimes (Million Dollar Championship Ladder Match): O combate pelo título do “Million Dollar Man” Ted DiBiase foi algo diferente do que é habitual, pois vimos uma luta bastante agressiva, mas com os dois lutadores a preferirem uma estratégia que não envolvesse muito risco a nível de highflying, como é habitual em ladder matches.

Com o passar dos minutos, a agressividade foi escalando e os escadotes foram começando a ser usados como armas, mas os dois lutadores demoraram a tentar subir um destes escadotes e conquistar o título. Já com o escadote de “ouro”, os dois lutadores decidiram que estavam na hora de começar a tentar vencer este Ladder Match.

No fim e depois de uma “guerra” autêntica, parecia que Cameron Grimes ia subir até à lua, mas LA Knight atirou o seu rival do topo do escadote contra um outro escadote, e ganhou tempo suficiente para vencer este combate e assim tornar-se o novo Million Dollar Champion.

Depois do combate, o “Million Dollar Man” Ted DiBiase entregou o Million Dollar Championship a LA Knight, simbolizando assim o início deste reinado.

– NXT Women’s Champion Raquel Gonzalez venceu Ember Moon: Ember Moon entrou com tudo neste combate, mas com uma pequena ajuda de Dakota Kai, a campeã virou o ímpeto a seu favor. A força de Raquel Gonzalez foi um factor de destaque neste embate, pois a campeã controlou durante vários minutos e sem problema. Ainda assim a ex-campeã foi começando a usar a sua agressividade e a equilibrar este combate, e até foi Ember Moon que teve as primeiras quase vitórias desta luta.

Perto do final, Ember Moon acertou o seu Eclipse, mas Dakota Kai sem a árbitra ver meteu o pé da sua amiga nas cordas e assim a “Big Mommy Cool” continuou na luta. De forma inesperada tivemos o regresso de Shotzi Blackheart, que fez com que Dakota Kai saísse de perto do ringue.

Com o passar dos minutos, Ember Moon foi começando a ficar frustrada por não conseguir vencer a campeã e no final, vindo do nada, Raquel Gonzalez acertou a sua Chingona Bomb e reteve o NXT Women’s Championship.

– NXT Champion Karrion Kross venceu Kyle O’Reilly, Adam Cole, Pete Dunne e Johnny Gargano (Fatal 5-Way): Este main event começou da forma esperada, com os quatro candidatos principais a tentar arrumar o campeão, mas nos primeiros minutos o controlo foi mesmo de Karrion Kross.

O domínio do campeão continuou até Kyle O’Reilly deitar o NXT Champion por terra, mas foi sol de pouca dura. Karrion Kross só ficou realmente fora de combate durante vários minutos quando Pete Dunne e Johnny Gargano o fizeram atravessar o set deste TakeOver.

Com o passar dos minutos, o caos foi ficando cada vez mais instalado, pelo menos até o campeão voltar e em menos de nada Karrion Kross voltou ao controlo desta Fatal 5-Way, mas a confusão estava instalada e as false finishes foram começando a ser cada vez mais frequentes.

Já depois do NXT Champion ter sido atirado contra a mesa de comentadores às mãos dos rivais Adam Cole e Kyle O’Reilly, os quatro lutadores perceberam que com o campeão fora de cena, tinham aqui uma hipótese de ouro para vencer, mas nenhum deles estava com vontade de arriscar e perder.

Os minutos finais foram incríveis com quase vitórias a aparecerem quase em todos os golpes que aconteciam. No final, Kyle O’Reilly tinha o seu Heel Hook aplicado em Adam Cole e parecia que ia finalmente conquistar o NXT Championship, mas Karrion Kross aplicou o seu Kross Jacket em Kyle O’Reilly, que desmaiou às mãos do campeão que assim sobreviveu a este combate.

No final do show, quando o General Manager William Regal se preparava para sair, foi interrompido por McKenzie Mitchell. Quase em lágrimas, explicou que nunca viu tanto caos durante estes 7 anos de liderança no NXT e que está na altura de uma mudança…


O que achaste deste WWE NXT TakeOver: In Your House?

26 Comentários

  1. Zoro sola2 meses

    Samara vai lutar tbm ?, achei que ela fosse ser só maneger, pra quem não entendeu eu tava falando da tia shan que parece com a mina do chamado

  2. Zoro sola2 meses

    Não finalizou o dunne, ta suave

  3. Erick Reins2 meses

    Esse main event foi o melhor combate que vi na minha vida

  4. Erick Reins2 meses

    Ranking dos combates

    5-Xia Li vs Mercedez , Combate fraco e curto so o segmento da tia chan foi interessante.
    4-Ember vs Raquel, teve bons momentos mas poderia ser melhor
    3-Six man tag team, muito bom combate, amei a quimica e a construção da luta.
    2-Eli Drake vs Trevor Lee , comecou lento mas depois me impressionou foi um combate incrivel
    1-fatal 5 way, a melhor luta que ja vi na vida , incrivel , sensacional, lindo , isso e combate 5 estrela

    Nota: 8

  5. Kay Orton2 meses

    Feliz por todos os campeões da noite.

    Xia vs Mercedes foi interresante pois suspeitei que a Tian Sha poderia fazer alguma coisa com alguém que não tivesse medo dela e Mercedes seria a pessoa perfeita pra isso, e finalmente esse personagem parece que vai ser usado.

    Gostei dos falsos finishers em Raquel e Ember, me da curiosidade em saber se Dakota se manterá fiel ou se ela vai atrapalhar Raquel e isso custara seu título.

    No geral 8/10 fica de bom tamanho.

  6. Best2 meses

    O que houve com a McKenzie Mitchell ?

  7. Facebook Profile photo

    Tanto spotfest, tanto false finish… ao menos o kross ainda trouxe um pouco de credibilidade ao combate

    • Ryu2 meses

      É raro não ter um Main Event assim de hoje em dia.
      E atenção gosto bastante do trabalho de todos os lutadores envolvidos

    • Carlosilva2 meses

      É, infelizmente o wrestling ‘evoluiu’ nesse caminho, também chego a um ponto a ver combates destes que só me começa a dar o riso. Os lutadores de hoje e quem trabalha os combates com eles backstage, têm de trabalhar melhor a tal psicologia no wrestling. E estou com o Ryu, digo isto mas também gosto do trabalho dos 5 envolvidos

    • Facebook Profile photo

      Eles qualidade tem todos mas este abuso de superkicks e golpes que deviam acabar um combate fazem me querer dar um murro no ecra, estao a matar o negocio.

    • Carlosilva2 meses

      Hahaha sim, não sei como, mas o Meltrez teve a capacidade de influenciar grande parte dos fãs de Wrestling a mostrar que para ele este tipo de wrestling é o melhor de sempre.

      Fico contente por ver que não sou o único a achar que isto está matar o negócio. Respeito quem idolatra pessoal como o Omega ou os Young Bucks, e apesar de admirar a capacidade atlética deles e a forma como se tornaram grandes estrelas a um nível mainstream sem passar pela WWE, não acho que o estilo se enquadre naquilo que o Wrestling deve ser

    • Facebook Profile photo

      Temos a mesma opiniao entao, e tal como disseste, ainda bem que nao estou sozinho ;). Mas claro, temos de respeitar as outras opiniões.

    • Ryu2 meses

      Subscrevo Carlos
      Acho o Kenny um atleta incrivel, mas não sou grande fã da visão dele do Wrestling.
      Das poucas coisas que gosto no Main Roster da WWE é que pelo menos a cena do Main Event não é tanto esse estilo mais spotfest, com mil e uma nearfalls.

    • Facebook Profile photo

      Verdade seja dita, depois deste últimos 5 anos, eu já não vejo o Superkick como um Finisher.

  8. Olavo Ferreira2 meses

    Preferia que Adam cole ou o kile o rilei ganhassem

  9. JOAOPEDROOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO2 meses

    Pensei que o Kross fosse perder para subir ao main roster, mas pode ser que suba após o Summerslam.

  10. Rui jesus messias2 meses

    O main event foi o combate do ano até agora

  11. TakerVanderVaart232 meses

    Bom show do NXT. Mas esperava mesmo a vitória do Grimes e não do LA Knight

  12. Facebook Profile photo

    uma questão, quem vai parar a raquel agora? a mercedez perdendo me surpreendeu… esperava a vitória dela

  13. Gostei
    – Naomi Fox a abrir o show com uma música, e Todd Pettengill a receber o público de volta. Boa forma de abrir o show.
    – MSK & Bronson Reed vs Legado Del Fantasma. Como seria de esperar, foi o caos, no bom sentido. Manobras únicas, mas algo exagerado, mas conseguiram empolgar o público e definir o ritmo do show.
    – Xia Li vs Mercedes Martínez. Num combate muito físico, ambas revelaram boa química e combinaram bem, mas falharam em fazer com que o público estivesse interessado. Xia Li conseguiu a vitória que tanto precisava.
    – Xia Li tenta atacar Mercedes com uma cadeira após o combate, mas Mercedes toma conta dela e de Bo, mas Mei Ying não estava com paciência para brincadeiras destas por parte da veterana.
    – LA Knight vs Cameron Grimes e, combates deste género são difíceis de serem bons, mas ambos fizeram um ótimo trabalho. Começou lento e com alguns erros, mas quando o público ficou (lentamente) interessado e os 2 começaram a arrancar, o combate ficou ótimo e o Cameron Grimes went to the moon! A vitória de Knight dá-lhe mais heat e mais overness para o lado de Grimes. Ótimo booking. O público podia ter sido melhor.
    – Ember Moon vs Raquel González. Raquel fez o papel heel na perfeição, Dakota Kai fez o papel de heel cobarde também muito bem. O regresso de Shotzi era previsível, mas o público gostou disso e ficaram mais interessados. Ember sai bem apesar da derrota e a Raquel pareceu uma besta.
    – Fatal-5-Way correu como esperado. Reversals, counters, kick outs, mas tudo muito bem feito. O público morto magoou o combate em certos momentos, especialmente o fim, mas a ação in-ring foi tão boa que te esqueceste do público. O fim foi muito bem feito, com O’Reilly a ter a chance de impedir Kross de fazer Cole desistir, mas ficou quieto, custando o título a si próprio em troca da dor do seu ex-amigo.
    – William Regal está a ir embora da arena. Com lágrimas nos olhos, acredita que o NXT tem que mudar o seu líder. Ótima forma de terminar o show

    Overall: 7/10. Pontuação fraca devido ao público morto e um card fraco comparado a anteriores. Mas, ao menos, tudo aqui foi, no mínimo, bom, mas espera-se mais do NXT e tudo, até ao main event, não foi da qualidade a que nos habituaram. Mas o show acabou com um cliffhanger que certamente gerará interesse.

  14. Bom Takeover
    – Bronson Reed & MSK vs Legado Del Fantasma
    Bom combate que deu para animar bastante
    – Xia Li vs Mercedes Martinez
    Boa vitória para a Xia Li
    – LA Knight vs Cameron Grimes
    Pela história estar a ser mais construída focada no Grimes pensei que ele ia sair vencedor, mas também é bom para o LA Knight, bom combate
    – Raquel Gonzalez vs Ember Moon
    As 4 envolvidas fizeram muito bem os seus papéis, foi um bom combate
    – Karrion Kross vs Kyle O’Reilly vs Adam Cole vs Pete Dunne vs Johnny Gargano
    Não é o meu estilo de luta preferido, mas olhando para a proposta do combate foi muito bom e o final com o Regal deixou tudo interessante

  15. Anónimo2 meses

    Bom Takeover. Destaco os combates Bronson Reed eMSK contra Legado Del Fantasma, e o main event, foram bons.

  16. TakeOver sólido, como sempre. Fora dos ringues, destaco o angle após o combate entre Xia Li e Mercedes Martinez (finalmente Mei Ying a agir significativamente), o botch de Beth Phoenix a dizer que Kushida iria defender o título norte-americano na próxima terça-feira (é o cruiserweight title loool) e o cliffhanger mesmo a terminar o show, sendo que elegeria como melhor embate da noite o main event (foi mesmo brutal).

  17. BRRM2 meses

    Bom Takeover.

    Stark & Sarray vs Aliyah & Kamea – combate razoável, as senhoras da Robert Stone Brand ainda têm um bom caminho a percorrer tho

    Reed & MSK vs Legado del Fantasma – como se esperava, combate com um ritmo frenético, ótimo para começar o evento em si.

    Li vs Martinez – bom combate, duro e bem trabalhado

    Knight vs Grimes – não foi dos ladder matches mais memoráveis que já vi, mas não deixou de ser um combate agradável assim com estilo mais old school e com menos spam de spots do que costuma acontecer nos tempos atuais

    Gonzalez vs Moon – combate bem nice. A divisão feminina do NXT é realmente mesmo muito boa.

    Fatal 5 Way – ótimo combate. Houve muitos finishers e tal, é certo, mas pessoalmente acho que faz sentido que num combate com 5 gajos cada um deles se ponha a fazer moves de alto impacto à maluca de modo a tentar aproveitar ao máximo o tempo que os outros estão no chão, ainda para mais se um desses “outros” for o Kross que estava a dominar tudo. Por falar nisso, não sei o quão correto terá sido apresentar o atual campeão como estando num patamar tão acima de 4 top guys da brand mas vamos ver…