A WWE transmitiu esta quinta-feira, a partir dos estúdios da BT Sport em Londres, mais uma edição do NXT UK na WWE Network, o programa semanal dedicado à sua divisão do Reino Unido com foco em lutadores europeus.

O WWE NXT UK é transmitido na WWE Network. Subscreve aqui!

Resultados

– Blair Davenport vs Nina Samuels (No Contest)
– Jack Starz & Dave Mastiff venceram Dan Moloney & Andy Wild
– Emilia McKenzie venceu Amale
– Teoman venceu Nathan Frazer (Primeira Ronda do Heritage Cup Championship Nº1 Contender Tournament)

Report

O NXT UK começou com a promoção do combate entre Teoman e Nathan Frazer a contar para a primeira ronda do NXT UK Heritage Cup Championship Nº1 Contender Tournament, que será o main event desta noite.

– Blair Davenport vs Nina Samuels (No Contest): Como primeiro combate da noite éramos para ter um confronto entre Blair Davenport e Nina Samuels, mas a primeira atacou a segunda ainda antes do combate começar e destruiu-a fora e dentro do ringue.

Árbitros e Sid Scala apareceram para travar o ataque de Blair Davenport e auxiliar Nina Samuels, mas o segmento terminou com a lutadora inglês-neozelandesa a atacar o assistente do General Manager do NXT UK.

Depois vimos imagens do No Disqualification Shark Tank Match entre Jinny e Aoife Valkyrie que aconteceu na semana passada, que terminou com a vitória desta última, mas esta saiu do combate lesionada no joelho. A seguir e apesar da derrota, vimos uma promo de Jinny dirigida a Aoife Valkyrie, vangloriando-se de a ter lesionado.

A seguir foi transmitido uma promo dos Symbiosis (Eddie Dennis, Primate & T-Bone) em que estes informaram que falaram com o General Manager Johnny Saint e na próxima semana teremos um Six-Man Tag Team Match entre eles e a equipa de Saxon Huxley e dois parceiros à sua escolha.

– Jack Starz & Dave Mastiff venceram Dan Moloney & Andy Wild: A equipa de Jack Starz & Dave Mastiff entrou melhor no combate, muito graças à mais força deste último. No entanto, Dan Moloney e Andy Wild conseguiram isolar Jack Starz e controlar o combate por alguns minutos. Quando Dave Mastiff voltou a entrar, despachou os dois adversários sozinho e acabou por arrecadar a vitória com uma potente Cannonball.

A seguir vimos uma dança do TikTok dos NXT UK Tag Team Champions Pretty Deadly (Lewis Howley & Sam Stoker) na rua, que foram interrompidos pela Gallus (Mark & Joe Coffey), que acabaram por atirar Lewis Howley à água.

Depois foi anunciado que no NXT UK da próxima semana teremos um recap do NXT UK Championship Match do NXT TakeOver 36, entre WALTER e Ilja Dragunov, mas com informações especiais acrescentadas.

– Emilia McKenzie venceu Amale: O combate começou melhor para Emilia McKenzie, que recorreu à sua técnica para controlar a adversária. No entanto, a lutadora francesa aumentou a agressividade do combate e controlou-o por alguns minutos. Ainda assim, a britânica foi resistindo e conseguiu equilibrar o combate, sendo que as oportunidades de vitória começaram a surgir para ambas as lutadoras. No final, Emilia McKenzie surpreendeu Amale com um School Boy e venceu o combate.

Foram revistas imagens do que aconteceu no início da noite, com Blair Davenport a atacar Nina Samuels e Sid Scala, e depois foi mostrado o assistente do General Manager a ser avaliado pela equipa médica da WWE no backstage.

No backstage, Oliver Carter e Ashton Smith chegaram a acordo com Saxon Huxley para serem seus parceiros no Six-Man Tag Team Match contra os Symbiosis (Eddie Dennis, Primate & T-Bone), no NXT UK da próxima semana.

A seguir vimos um video packagepromo de Sam Gradwell e Wolfgang, que irão enfrentar-se na próxima semana num combate a contar para a primeira ronda do NXT UK Heritage Cup Championship Nº1 Contender Tournament.

– Teoman venceu Nathan Frazer (Primeira Ronda do Heritage Cup Championship Nº1 Contender Tournament): O combate começou equilibrado, mas a agressividade de Teoman fê-lo controlar por um par de minutos, focando o seu ataque no braço esquerdo de Nathan Frazer. Ainda assim, este terminou a primeira ronda por cima, graças à sua agilidade. A segunda ronda abriu com strikes e melhor para Nathan Frazer, mas depois de um Dive em Rohan Raja, foi Teoman quem controlou o combate com um ataque fora e dentro do ringue, conseguindo a primeira fall.

Teoman aproveitou a sua vantagem na terceira ronda e Nathan Frazer foi resistindo como pôde e quase conseguiu empatar, mas o tempo terminou. Só na quarta ronda é que Nathan Frazer conseguiu fazer um pin rápido em Teoman e empatar o combate, para grande irritação do seu adversário.

A quinta ronda contou com oportunidades de vitória para ambos os lutadores e Nathan Frazer ficou muito perto de avançar no torneio, mas uma distração de Rohan Raja permitiu a Teoman aplicar um Front Flip Reverse DDT e vencer o combate, avançando para a segunda ronda do NXT UK Heritage Cup Championship Nº1 Contender Tournament.


O que achaste do WWE NXT UK desta semana?

2 Comentários

  1. El Cuebro3 semanas

    Um bom show, foi uma pena ver o Carter perder, mas o Teoman é um ótimo wrestler, para mim foi a luta do show, ainda pude ver o Mastiff vencer uma, mesmo que em duplas, ele já poderia ter sido campeão antes, na divisão feminina eu gosto muito da Amale, mas a Emilia é uma competidora muito forte e forte também é a rivalidade entre a Nina e a Bea, a luta nem aconteceu, mas a Bea chegou para ser a top heel da marca, olho nela Meiko!

  2. Gostei:
    – Blair Davenport ia ter um combate com Nina Samuels, mas Davenport ataca a sua adversária antes do combate, bem como Sid Scala que tenta impedi-la. Um bom segmento que ajuda Davenport a estabelecer-se na divisão feminina do NXT UK.
    – Emilia McKenzie vs Amale. É um combate decente com ambas as mulheres a terem o destaque necessário.
    – Video package para o combate entre Wolfgang e Sam Gradwell. É um geral com packages da WWE: ótimas!
    – Nathan Frazer vs Teoman. Um ótimo combate com os últimos minutos a serem os verdadeiros destaques aqui. Ótimo trabalho por parte de ambos.

    Não Gostei:
    – Jack Starz & Dave Mastiff vs Dan Maloney & Andy Wild. O combate é longo e não tem grande coisa de destaque. É muito monótono.

    Overall: 7/10. Não foi dos melhores, mas ainda foi um bom episódio. O segmento de Davenport ajudou-a imenso, bem como o main event. Os 2 primeiros combates não são assim grande coisa.