A saída de Chris Jericho da WWE e ida do lutador para a All Elite Wrestling pode ter causado algum mau estar na empresa de Vince McMahon, ou pelo menos este não quererá que os fãs da sua empresa se lembrem daquele que foi o primeiro campeão mundial da empresa concorrente.

Segundo Dave Meltzer na Wrestling Observer Newsletter, a WWE tem o termo Codebreaker banido e por isso os comentadores não podem usar esse termo quando uma Superstar, como Asuka ou Ricochet, aplica o golpe.

Este assunto foi novamente a público depois da Raw Women’s Champion ter aplicado um Codebreaker no programa da semana passada e os comentadores da brand vermelha não terem referido o nome do golpe.

A alternativa que os comentadores da WWE atualmente têm é chamar-lhe um Double Knee Facebreaker ou algo do género, de forma a evitar promover Chris Jericho através do nome do golpe que este tornou célebre.


O que achas desta situação da WWE banir o termo “Codebreaker”?

6 Comentários

  1. Faz sentido, já sabemos como isto funciona.

  2. Fizeram bem, assim estavam só a promover a marca do Chris Jericho!

  3. CoffinMeme2 meses

    O do Ricochet já lhe chamavam de Recoil portanto não tou a ver qual a cena de o referirem, mesmo sendo uma especie de codebreaker. O da Asuka é que não tinha nome predefinido.

  4. Rooben2 meses

    Nao vejo qual é o mal
    Um golpe é um golpe , nao é por mudarem o nome que os fãs se vao esquecer de quem o popularizou.
    Nesse caso teem de mudar o nome ao Twist of Fate do Jeff Hardy , Discus Clothesline da Natalya (Brodie Lee usa o mesmo) etc

  5. Kay Orton2 meses

    Facebreaker muito melhor, é de entender o pq não querem, negócios são negócios e quem não gostou, paciência

  6. Anónimo2 meses

    Faz sentido, não vejo nenhum problema nisso.