Faz login e reduz a publicidade

WWE quer expandir para mais países

Nas últimas semanas têm surgido relatos de que a WWE está numa grande fase de investimento e que quer continuar a expandir para muitos outros países e mercados. A aposta em países como a Arábia Saudita, Índia, Japão ou até mesmo o Reino Unido como um todo tem sido evidente, mas a companhia não deverá parar por aqui.

A companhia de Vince McMahon, com um grande apoio do COO Triple H, tem estabelecido enormes parcerias com federações independentes de todo o mundo e tem contratado grandes lutadores por onde quer que passa. Estes lutadores têm integrado sobretudo o NXT, mas alguns deles também poderão ir diretamente para o main-roster.

Com uma programação cada vez maior e com contratos milionários já fechados com estações televisivas (FOX), a WWE tem feito contratos mais duradouros e com maiores garantias com alguns dos seus novos lutadores, mas também com os quais tem renovado contrato recentemente. A empresa quer garantir alguns dos lutadores por vários anos e deixar de fazer alguns contratos tão curtos.

Segundo várias informações, a WWE quer seguir a linha do NXT UK e abrir Performances Centers em muitos outros países. A Alemanha, Arábia Saudita ou China poderão ser alguns deles. Ao que consta, a companhia já terá um acordo com a wXw (a maior federação alemã) e tem tentado ao máximo contratar a maior estrela da companhia, WALTER. O mesmo método já foi utilizado no Reino Unido, onde tem parcerias com a ICW e a PROGRESS Wrestling e às quais já foi buscar vários lutadores para o NXT e NXT UK.

Parece que o investimento em vários territórios internacionais é mesmo para continuar e não se sabe até que ponto esta medida da maior companhia mundial vai afectar outras federações como a Ring of Honor ou a New Japan Pro Wrestling. Se nos lembrarmos da vontade da companhia em colocar um conteúdo ainda mais diversificado na sua WWE Network, parece que a mesma quer “monopolizar” o Wrestling mundial.

O que acham destas medidas e estratégia da WWE?

26 Comentários

  1. Gonçalo Ramalho há 2 semanas

    Podem expandi-se para Portugal e organizar um PPV cá em Portugal
    Por exemplo Survivor Series ou Money in the Bank em Portugal.

  2. No Way Jose há 2 semanas

    Podia montar alguma coisa no Brasil

  3. wesley há 2 semanas

    Geralmente não sou favorável ao monopólio, mas gosto dessa ideia da WWE, pois poderia gerar uma grande variedade na WWE Network

  4. Qualquer dia a WWE expande em Portugal e possivelmente formará parceria com APW ou CTW ou então WP. Quem sabe…

  5. Kauê Silva há 2 semanas

    Se isso acontecer mesmo teremos coisas boas e ruins, mas tudo isso é a busca pelos novos talentos, patrocínio e audiência não é, então um viva a competição através do mundo e que a WWE se torne internacional de vez!!

  6. Kick_Ass há 2 semanas

    O que acham destas medidas e estratégia da WWE?

    É excelente para a WWE, e é uma grande manobra para expandir o seu produto e ainda quem sabe sacar aí uns wrestlers desconhecidos e talentosos que possam valer a pena. A WWE tendo dinheiro pode aventurar-se nestes caminhos por isso faz muito bem!
    Haver se chegam a Portugal ahaha….. Luís Salvador ainda vais receber uma proposta para um tryout no Performance Center.

  7. Facebook Profile photo

    Uma parceria com o WP em Portugal, era de valor. 😛

  8. Facebook Profile photo
    Codebreaker há 2 semanas

    Ótima notícia, sei que estamos mt longe de termos uma parceria aqui no Brasil, mas já é um início.

    • Kick_Ass há 1 semana

      Não sei não… visto a entrada recente de 3 brasileiros no NXT pode ser um começo.

    • Facebook Profile photo
      Codebreaker há 1 semana

      Não é não amigo. Acredito que eles tenham o Brasil como alvo em potencial sim por conta da população, mas o westriling aqui ainda não tem muita expressão. Talvez quando esta realidade mudar, ai sim poderemos ter essa idéia mais fundamentada.

    • Brian Uriah há 1 semana

      Aqui o povo é complicado… eles chamam aqui o wrestling de “coisa de viado purque tem um monti di homi que fica si peganu e fazenu movimentu istranhu sendu qui é tudu falsu aqui e uéficê so qui é baum” é assim que agrande maioria dos brasileiros em relação a WWE… dá desgosto até.

    • Kick_Ass há 1 semana

      Acredito… em Portugal a opinião não foge muito disso, o típico o wrestling é falso… eles nem acertam uns nos outros…. o UFC é que é! lá tudo é real…. e coisas do género. Muitos nunca perderam 10min do seu rico tempo em ver um combate de qualidade e criticam porque os outros também o fazem. São as chamadas ovelhas porque seguem sempre o pastor…

      Eles nunca virão foi um combate stiff no wrestling que depois até lhes caía o queixo.

    • Brian Uriah há 1 semana

      É como eu expliquei para um com essa opinião que acha que o UFC e mais perigoso que o wrestling só mostrei um vídeo do Shane da epoca passada dele pulando dos pilares e dele pulando do topo da cela do hell in a cell e perguntei “e agora qual e mais perigoso”?

    • Kick_Ass há 6 dias

      É como digo as ovelhas seguem o pastor… se um diz que é assim outro repete e por aí fora.
      Mentalidade que não presta….

  9. Nickson há 2 semanas

    Triple H e sua equipe sabem o que faz, mas seria bom se o HHH tivesse o controle total dos talentos no main roster também, tenho certeza que seriam melhor aproveitados, tendo como modelo esse maravilhoso trabalho que ele faz no NXT, que principalmente nos TakeOvers nunca decepcionam os fãs.

  10. david há 1 semana

    em relação a esta noticia faz bem porque uma empresa so cresce quando abre horizontes e não os fecha

  11. Brie_Mode há 1 semana

    Que um dia eles se expandam para Portugal e o Brasil imaginem quantos fãs querem entrar na WWE que expandam pro Brasil e Portugal nem que seja daqui a 5 ou 1’0 anos tem que expandir

  12. Facebook Profile photo
    Lucas Borges há 1 semana

    E O BRASIL HEIN HHH

  13. MSKOMMANDER-YOUTUBE há 1 semana

    SIGA PRO PT

Comentar