A WWE transmitiu esta segunda-feira mais uma edição do Raw na USA Network, a partir do Wells Fargo Center em Filadélfia, Pensilvânia, rumo ao Royal Rumble do dia 29 de Janeiro.

Resultados

– Alpha Academy (Chad Gable & Otis) venceram Raw Tag Team Champions RK-Bro (Randy Orton & Riddle)
– Apollo Crews & Dirty Dawgs (Dolph Ziggler & Robert Roode) venceram WWE United States Champion Damian Priest & Street Profits (Angelo Dawkins & Montez Ford)
– Seth Rollins venceu Big E
– Omos venceu Nick Sanders
– AJ Styles venceu Austin Theory (por desqualificação)
– Doudrop venceu Liv Morgan e Bianca Belair (Raw Women’s Championship Nº1 Contender’s Triple Threat Match)

Report

O Raw abriu com o Cedric Alexander e Shelton Benjamin a tentarem juntar-se novamente a Bobby Lashley e a MVP, mas o “All Mighty” despachou os seus antigos parceiros ainda nos bastidores.

No ringue, o WWE Champion Brock Lesnar foi o primeiro a aparecer no ringue, vindo acompanhado por Paul Heyman, mas quando ia começar a falar, foi interrompido pelo candidato principal Bobby Lashley, que veio acompanhado por MVP. O “All Mighty” explicou que é uma honra estar no ringue com a “Besta” e que se sente honrado por Brock Lesnar o ter evitado durante 20 anos.

Já Brock Lesnar explicou que durante 20 anos tem ganho títulos tanto na WWE como noutros sítios e que se eles nunca se encontraram a culpa é de Bobby Lashley, que não subiu a escada do sucesso à mesma velocidade, pois se o tivesse feito, ele já o tinha vencido e eles não estariam aqui.

Bobby Lashley afirmou que no Royal Rumble vai vencer Brock Lesnar, mas este, depois de uma piada sobre o “All Mighty”, explicou que é impossível vencê-lo, em especial quando se é uma imitação barata dele.

Depois do WWE Champion Brock Lesnar ter saído de cena, Cedric Alexander e Shelton Benjamin tentaram atacar Bobby Lashley, mas este acabou por destruir os dois ex-companheiros tanto dentro como fora do ringue.

Nos bastidores, os Raw Tag Team Champions RK-Bro estavam a conversar e antes que Riddle começasse a alucinar, Randy Orton pegou numa caneta e escreveu “Tag in Randy” e explicou-lhe que caso este se sinta perdido, para ler o que está escrito nas suas mãos e metê-lo em combate, ao contrário do que aconteceu na semana passada.

– Alpha Academy (Chad Gable & Otis) venceram Raw Tag Team Champions RK-Bro (Randy Orton & Riddle): Riddle e Chad Gable começaram o combate de forma de forma agressiva, com o “Original Bro” a entrar melhor, mas com o passar dos minutos a Alpha Academy passou para o controlo. Riddle foi aguentando a ofensiva dos seus adversários e quando conseguiu fazer o tag, Randy Orton entrou com tudo e virou o combate a favor da sua equipa e quase o venceu.

No final, a Alpha Academy conseguiu virar o combate e, no meio de alguma confusão, Otis apanhou o “The Viper” com o seu Front Slam e o duo de Chad Gable & Otis tornaram-se os novos Raw Tag Team Champions.

Nos bastidores, o WWE United States Champion Damian Priest e os Street Profits (Angelo Dawkins & Montez Ford) mostraram-se felizes por fazer equipa para darem mais uma tareia a Apollo Crews & Dirty Dawgs (Dolph Ziggler & Robert Roode).

– Apollo Crews & Dirty Dawgs (Dolph Ziggler & Robert Roode) venceram WWE United States Champion Damian Priest & Street Profits (Angelo Dawkins & Montez Ford): O trio dos Damian Priest & Street Profits entrou melhor neste Six-Man Tag Team Match, mas a equipa de Apollo Crews & Dirty Dawgs conseguiu isolar Montez Ford e assim dominaram durante alguns minutos.

Ainda assim, o carismático lutador foi aguentando a ofensiva dos seus adversários e quando fez o tag a Angelo Dawkins este usou a sua força para virar o combate do avesso. No final e depois do caos ter ficado instalado entre as seis Superstars, Dolph Ziggler mostrou toda a sua experiência e depois do Zig Zag em Angelo Dawkins, conseguiu a vitória para a sua equipa.

A seguir tivemos Seth Rollins no ringue, que explicou que está entusiasmado por causa do Royal Rumble, porque será nessa noite que vai conquistar o WWE Universal Championship. A seguir, o “Freakin” explicou que não precisou de ajuda de ninguém para conseguir este combate e que existem três certezas na vida: morte, impostos e que Seth Rollins vence Roman Reigns.

Big E interrompeu Seth Rollins e explicou que já está inscrito no Men’s Royal Rumble Match e que um dos seus maiores sonhos é vencer Seth Rollins e conquistar um título mundial na WrestleMania. O “Visionary” começou a gozar com o rival e este acabou por desafiá-lo para um combate. Depois de algumas provocações, Seth Rollins lá aceitou o desafio.

– Seth Rollins venceu Big E: O combate entre estes dois começou a 100 à hora e foi Big E que acabou por entrar melhor, dominando o “Visionary” durante alguns minutos. Ainda assim, este conseguiu virar o combate a seu favor e controlou o ex-campeão durante algum tempo.

Seth Rollins dominou, mas acabou por perder o controlo quando Big E colocou a sua força em jogo e virou o combate com vários suplexes. Os minutos finais desta contenda foram de um grande equilíbrio, com os dois lutadores a quase vencerem por várias vezes.

Contudo, no final, Seth Rollins conseguiu meter uma mudança acima e depois de duas grandes cotoveladas e um Stomp arrecadou a vitória neste embate.

A seguir tivemos Nikki ASH e Rhea Ripley a serem entrevistadas no ringue, e a escocesa desafiou as WWE Women’s Tag Team Champions para um combate na Royal Rumble, mas a “Nightmare” não pareceu muito feliz com isto.

Nikki ASH mostrou-se insegura, e quando começou a insultar Rhea Ripley, esta explicou que queria continuar a ser sua amiga. As duas lá se abraçaram e parecia que íamos ter uma separação amigável, mas de forma inesperada, Nikki ASH atacou a ex-companheira e finalizou dizendo que “quase super-heróis não precisam de amigos”.

Nos bastidores, Reggie estava a conversar com a WWE 24/ Champion Dana Brooke e pressentiu que o título estava em perigo, e realmente estava, com R-Truth, Akira Tozawa e Tamina a tentarem tirar o título a Dana Brooke. Enquanto escapavam, Reggie foi contra Omos e não fosse Dana Brooke, a noite teria acabado ainda pior para o acrobata.

– Omos venceu Nick Sanders: Omos destruiu o seu adversário sem problema e com um Double Hand Chokeslam venceu este combate.

Em seguida tivemos uma edição do Cutting Edge que teve Beth Phoenix como convidada, e o “Rated R Superstar” fez vários elogios à sua esposa, antes de mostrar um video package com os melhores momentos da sua carreira.

Beth Phoenix não perdeu tempo a insultar Maryse e The Miz e prometer que no Royal Rumble os vão calar de vez. Porém, o casal rival interrompeu e o “A-Lister” começou a insultar Edge, antes de mostrar um video package sobre a beleza de Maryse e a força dos dois enquanto casal.

Edge explicou que ele e a sua mulher respeitam todo o trabalho que Maryse fez na sua carreira, mas Beth Phoenix explicou que a vai destruir. Já The Miz, estava com tudo, a dizer que a sua mulher vai destruir a “Glamazon” e estava ansioso para que Maryse dissesse o que ia fazer, mas esta foi-se embora e deixou o seu marido sozinho.

O segmento terminou com Beth Phoenix a dizer que se Edge não o apanhar primeiro, ela também não terá problemas em destruir The Miz no grande evento de 29 de Janeiro.

Nos bastidores, Austin Theory foi entrevistado e explicou que sabe que AJ Styles é um futuro Hall of Famer e que ele é fenomenal, mas que hoje é diferente e vai provar mais uma vez que Vince McMahon deve continuar a apostar nele.

– AJ Styles venceu Austin Theory (por desqualificação): Austin Theory entrou com tudo neste combate e dominou AJ Styles desde cedo, mas este começou a equilibrar. Os minutos finais foram então equilibrados, mas quando parecia que íamos ter um Phenomenal Forearm, Grayson Waller apareceu e atacou AJ Styles, fazendo com que o combate terminasse por desqualificação.

Assim que o combate terminou, o australiano tentou continuar o ataque, mas AJ Styles virou a brawl a seu favor e colocou o lutador do NXT em fuga.

Nos bastidores, Grayson Waller foi entrevistado e de forma apressada explicou que no NXT desta terça-feira irá vencer AJ Styles e mostrar o “Grayson Waller Effect”.

De seguida tivemos imagens de Alexa Bliss num consultório de um psicólogo, mas a lutadora acabou por perder a cabeça quando reviu imagens da destruição de Lilly às mãos de Charlotte Flair e entrou em despesa quando destruiu o consultório.

De regresso ao ringue tivemos a Raw Women’s Champion Becky Lynch, que até elogiou as três potencial candidatas principais, mas que todas elas estão a lutar para que um dia possam contar aos seus netos que perderam para “Big Time Becks” no Royal Rumble.

– Doudrop venceu Liv Morgan e Bianca Belair (Raw Women’s Championship Nº1 Contender’s Triple Threat Match): O main event começou de forma caótica, mas Doudrop impôs todo o seu poderio e dominou de forma algo inesperada durante vários minutos. Ainda assim, Liv Morgan e Bianca Belair começaram a dar luta com o passar do tempo.

Nos minutos finais, as três lutadoras quase venceram por várias vezes e parecia que a vitória ia sorrir a Bianca Belair depois desta acertar o KOD em Liv Morgan, mas acabou por ser atacada por Becky Lynch. As duas acabaram por lutar fora do ringue, e dentro deste Doudrop aproveitou para aplicar o Banzai Drop em Liv Morgan e tornar-se a próxima candidata principal ao Raw Women’s Championship.

O Raw terminou com “Big Time Becks” a dar um estalo a Doudrop, mas esta empurrou a Raw Women’s Champion para fora do ringue, que ficou surpreendida com a força da sua nova adversária.


O que achaste do WWE Raw desta semana?

27 Comentários

  1. MC3 semanas

    Este é o quê, o quarto ou quinto show seguido do Lesnar? Que rico part timer me saiu. Era engraçado manterem-no a aparecer umas semanas no RAW só para tirar uma dúvida… julgo que sendo presença constante a brand vermelha poderá aproximar-se ou bater os 2M e aí… só vai mostrar a gritante falta de superestrelas no roster, porque sem Lesnar = 1.3, 1.4… A semana passada atingiu os 1.7.. vamos ver esta.

  2. Ronaldo3 semanas

    Sem Nikki Ash e Rhea Ripley, significa q vao tirar msm os titulos de tag? Wwe separou algumas duplas e demitiu algumas duplas…

    • Não. As Bella Twins vêm aí para os conquistar na WrestleMania…

    • Ronaldo3 semanas

      Eu precisava ver a Liv Morgan com o personagem da Lilly, fazendo tag com a Alexa Bliss… Alem disso, teria uma possivel tag da Doudrop com a Tamina, mas como ela venceu a luta pelo titulo, esqueceram dessa possivel tag

  3. Rocky Marciano3 semanas

    Praticamente só heels ganharam as lutas , agora será que a nikki vai virar um super vilã ou vai voltar a ser a nikki cross ?

    • Factos73 semanas

      Espero que ela volte como nikko cross mas em heel mas duvido muito deve continuar com esta personagem

    • Uma super-vilã faria mais sentido do que regressar a uma “personagem” de lutadora escocesa que só se encaixava nos Sanity…

  4. Jukinha3 semanas

    Muito bom combate entre Bianca, Doudrop e Liv morgan, tenho que admitir que está última melhorou muito em ringue, gostaria muito de vê-la como campeã um dia. Becky vs Doudroup tem tudo pra ser bom. Não esperava aquele heel turn de Nikki Ash, pensei que Rhea o faria, porém sigo curioso para ver o que vai acontecer, espero muito que Nikki volte com o seu personagem antigo.

  5. BigMando3 semanas

    O que é que a Doudrop fez para merecer a oportunidade pelo titulo? Desde que veio para o main roster perdeu sempre e tem logo oportunidade pelo titulo,ok

    • JP3 semanas

      nos últimos 4 meses (+-) ganhou UM combate… contra a Eva Marie…

  6. Gostei:
    – Segmento entre Bobby Lashley e Brock Lesnar. Os 2 tiveram uma ótima batalha de promos e, quando Lesnar se vai embora, Lashley consegue revirar um ataque de Alexander & Benjamin, efetivamente separando os Hurt Business. Foi um ótimo segmento para iniciar o show que aumenta ainda mais o hype para este combate de sonho. Vejam este segmento!
    – Segmento entre Riddle e Randy Orton. Um bom segmento, com Randy a querer corrigir os erros da semana passada. Segue-se RK-Bro vs Alpha Academy pelos títulos. Um combate sólido com uma boa história. Quando parecia que Randy ia conseguir a vitória, Otis do nada consegue a vitória limpo e temos novos campeões! Um resultado surpreendente e algum reconhecimento aos Alpha Academy que já há um bom tempo que tem desenvolvido um bom trabalho.
    – Promo de Bianca Belair. Apesar de ter durado pouquíssimo tempo, fez um bom trabalho com a sua promo.
    – Segmento entre Seth Rollins e Big E. São 2 boas promos, em especial a de Seth Rollins. Segue-se um combate entre os 2 e é um ótimo combate, que mais se esperava? Rollins consegue a vitória limpo, o que lhe faz imensos favores.
    – Segmento entre Rhea Ripley e Nikki A.S.H.. Estava a ser um segmento bem medíocre, mas depois a WWE surpreende-nos a todos e Nikki A.S.H. vira heel, quando se pensava que seria o contrário. Um final bom para um segmento medíocre.
    – Omos vs Jobber. Uma ótima squash para Omos.
    – Cutting Edge com Beth Phoenix. Miz e Maryse interrompem. Ainda acaba por ser um bom segmento, mas sinto que começa a ficar algo repetitivo estes segmentos entre os 4.
    – Promo de Liv Morgan. Tal como Bianca, faz um bom trabalho com o pouco que lhe foi dado.
    – Liv Morgan vs Doudrop vs Bianca Belair. Um main event bem sólido, com todas as 3 a terem uma boa exibição, especialmente Liv Morgan. Becky lixa a Bianca Belair e Doudrop consegue a vitória. O meu interesse no combate entre Doudrop e Becky vem puramente do talento das 2, porque em storyline, a WWE tem muito trabalho a fazer.

    Não Gostei:
    – Segmento entre os Profits e Damian Priest. Pouco a dizer, nada de mal aqui. Pouco depois, Priest & Profits vs Dawgs & Crews. O combate até foi decente mas não concordo com os heels a vencerem, ainda por cima com um Priest ainda campeão.
    – Segmento do 24/7. Vamos ter Omos vs Reggie na próxima semana. Continuando.
    – Promo de Doudrop. Uma promo com pouco a dizer.
    – Entrevista a Austin Theory. Nada demais. Austin Theory vs AJ Styles até foi um bom combate arruinado pelo fim, com Grayson Waller a causar uma DQ. Depois disso, Waller dá uma entrevista para encher chouriços.
    – Segmento de regresso da Alexa Bliss. Espero que esta ”terapia” realmente funcione, não sei quanto mais tempo vou conseguir aguentar esta gimmick. Teve piada no início, agora já estamos a exagerar. Imenso.

    Overall: 7/10. Foi desfrutável. A 1ª hora e meia foi bem divertida. A 2ª hora e meia já foi um bocado para o medíocre mas ainda aproveitas algumas coisas. Destaca-se Lashley, Lesnar, Alpha Academy, Rollins vs Big E e o main event.

  7. Manguitos3 semanas

    Sinto que k shelton podia ser melhor aproveitado na feud . Visto ser um grande amigo do brock e um ex companheiro do laslhey

  8. Anônimo3 semanas

    Gostei, muito bom show. Entendo se falar em “dar chances a novos nomes”, mas acho prudente a WWE proteger a Bianca, faz tempo em que todos os combates dela (com o mínimo de tempo) são bons. Tem tudo pra ser uma top na empresa. Merece a valorização.

  9. Lesnar: “Hey, Paul. Knock knock”
    Heyman: “Who’s there?”
    Lesnar: “Bobby”
    Heyman: “Bobby who?”
    Lesnar: “Exactly”

    Foi o único segmento que vi em directo, além dos RK-Bro antes de entrarem (estava sem sono e lembrei-me que era 2ªfeira) e deu para me rir bastante. Excelente esta persona do Lesnar. Ele parece estar a divertir-se.

  10. O Lesnar “queimou” tanto o Lashley com a piada ” Knock Knock”. Já nem precisamos de combate. 😂😂

  11. Anónimo3 semanas

    Bom combate entre o Seth Rollis e Big E. Destaco também o main event, foi um bom combate.

  12. ??2 semanas

    Nota 8/10.