Faz login e remove a publicidade
Frank casino

As audiências dos programas televisivos da WWE têm sido notícia quase diariamente e muito raramente estas são notícias positivas, pois em geral as audiências têm vindo a cair neste período de pandemia.

O WWE Raw desta semana bateu mais um mínimo histórico, tendo registado o pior número de telespectadores na 3ª hora do programa. A 3ª hora do Raw registou somente 1.46 milhões de telespectadores, o que é o pior valor dos cerca de 27 anos de história do programa televisivo da brand vermelha da WWE.

Já na semana anterior a 3ª hora do Raw tinha sido a menos visto da história do programa e foi agora ultrapassada, pela 3ª hora desta semana, que teve o Raw Women’s Championship Match entre Asuka e Sasha Banks, o combate entre Murphy e Humberto Carrillo e o combate entre o WWE Champion Drew McIntyre e Dolph Ziggler.

O resultado das três horas do WWE Raw desta semana foram os seguintes:

1ª hora: 1.70 milhões de telespectadores
2ª hora: 1.69 milhões de telespectadores
3ª hora: 1.46 milhões de telespectadores

Já sobre a demo dos 18 aos 49 anos, este foi o 3º pior Raw de sempre, registando um resultado de 0.48. Outros resultados bastante negativos foram nas demográficas dos adolescentes, com o Raw a registar uma queda de 88% entre a demo das raparigas da 1ª para a 3ª hora, enquanto a demo dos rapazes a ter uma queda de 52%, sendo que estas duas descidas, são recorde.

Estes números mostram o problema que as audiências da WWE tem vivido nos últimos meses e é de acreditar que enquanto a pandemia do COVID-19 continuar não haja forma destes números subirem.


Esperavas esta notícia de mais este recorde negativo a ser batido pelo WWE Raw?

21 Comentários

  1. Emanuel2 semanas

    Wwe tem que enventir no smandow

  2. Daniel2 semanas

    Caralho, que novidade os shows não acrescentam nada tão muito fracos

  3. Um dos problemas principais é a falta de grandes estrelas na WWE, mas isso é um problema que não se pode resolver no imediato, tem de ter um processo de construção de cada lutador, pelo que uma das coisas que têm de fazer no imediato é tirar aquela terceira hora do RAW e remover um pouco dos anúncios e fazerem o que fizeram no NXT no Great American Bash e melhorar muito o produto se não fizeram isso as audiências só vão voltar a subir para os 2 milhões quando o público voltar, porque querendo ou não Wrestling Without Crowds Sucks.

    • A terceira hora é muito lucrativa para a WWE, mesmo que tenha sempre um número abaixo comparado com as primeiras duas horas. Por isso é que tenho imensa duvida que alguma vez removam a terceira hora, mesmo que prejudique o Raw em termos da qualidade do produto – mas, por exemplo, o Smackdown tem apenas 2 horas e é transmitido em bem mais televisões (não é preciso cable para ver a FOX) e mesmo assim nem consegue chegar aos 2 milhões neste momento. E quanto aos intervalos, isso sempre foi assim e nunca vai mudar. É assim com a NBA, com a NFL, com todos os programas Americanos. Eu pessoalmente também odeio e se vivesse nos Estados Unidos acho que não tinha paciência para ver o Raw em direto com tantos intervalos, mas é assim que a televisão funciona. Por vezes há shows especiais onde temos uma menor quantidade de intervalos, mas no geral, isso não acontece.

      E sim, concordo contigo, o pro-wrestling é um negócio impulsionado por super estrelas. Sem estrelas, os fãs casuais deixam de ver o programa e os unicos que ficam são os hardcore fãs, aqueles 1.4 milhões que vêm Wrestling à quarta-feira. A WWE neste momento tem 0 estrelas, 0 lutadores que consigam ser um draw e trazer mais olhos ao produto. Mas também não se parecem muito interessados em criarem novas estrelas porque sabem que podem trazer o Brock Lesnar de volta, ou o The Rock para um show ou outro, ou o Stone Cold ou qualquer das outras grandes estrelas do passado que ainda possam aparecer para conseguirem um rating melhorzinho, mas não é de todo sustentável.

      Muitas pessoas acreditam que os ratings vão voltar à normalidade quando o público voltar, mas qual é a normalidade? Antes da pandemia, o Raw fazia entre 2 a 2.5 milhões de espetadores. Em 2018, eram entre 2.8 e 3 milhões. Em 2016, era entre 3.1 e 3.5 milhões. Em 2014, era entre 3.8 e 4.2 milhões de espetadores. A WWE perde espetadores todos os anos. Neste momento estamos entre 1.5 e 1.7. Quando o público voltar pela primeira vez, acredito que tenhamos 2.1 ou 2.3 milhões de espetadores. E depois esses fãs vão continuar a ver a programação no futuro? Provavelmente não. O novo normal vai ser 2 milhões, mais coisa menos coisa, se não for bem abaixo disso.

      Sem duvida que Wrestling sem fãs é muito aborrecido de se ver e acredito que alguns milhares de fãs voltem a ver o Raw e o Smackdown quando os fãs voltarem, mas não acredito que seja significativo. Muito provavelmente muito dos que deixaram de ver o Raw e o Smackdown durante a pandemia não voltarão a ver de novo. A tendência é mesmo essa, para a WWE perder um número considerável de fãs todos os anos. Os que deixaram de ver durante a pandemia podem ter arranjado novos hobbies, novos interesses e não sentir qualquer falta de ver Wrestling todas as segundas-feiras. E esses fãs são os mais dificeis de trazerem de volta.

    • Faço minhas as palavras do Pedro,infelizmente a tendência é perder fas ano após ano.
      Dificilmente o wrestling voltara a ser mainstream e ter a atençao que teve em tempos ja distantes.

    • A terceira hora maioria das vezes estraga o produto do RAW e isto só com contas e com auditorias é que saberíamos se está correto o meu raciocínio ou não, se tirassem a terceira hora do RAW e isso contribui-se para uma melhoria do produto e fizesse com que mais pessoas vissem os programas em direto chegando dos 1.7M até 2.5 até ao final do ano de 2021 daria em perspectiva um lucro maior do que vem dando hoje.

      Quanto ao SmackDown só conseguir 2 milhões na Fox, não sei se um dos fatores é pelo facto de no início do SmackDown na Fox os primeiros meses serem mesmo maus, com rivalidades longas e chatas (ainda há um pouco disso hoje, mas está a melhorar) ou por ainda verem o SmackDown como um show secundário depois do período de 2015 (não faço ideia).

      Mas concordo contigo, se nada mudar o novo normal vão ser os 2M. Não sei se a WWE não queira mudar muito isso pelo facto da USA network não ser uma emissora tão grande e não exigir grandes públicos.

    • João da Cena2 semanas

      Concordo com o que o Pedro Santos disse mas acho que te esqueceste de frisar que hoje em dia, os ratings não mostram o verdadeiro número de fans de wrestling. Hoje em dia há dezenas de maneiras diferentes de ver o Raw, Smackdown, NXT, Dynamite ou IMPACT. Os fãs estão lá, talvez não estejam é interessados em ver wrestling em direto e através da televisão

    • Concordo João, quem vê em links não é contabilizado (não sei se é costume nos EUA verem por links), o canal da WWE no YouTube tem milhares de views por dia, por exemplo, a WWE publicou um video com os top 10 momentos do RAW de segunda e teve quase 700 mil visualizações. Ao longo que os shows ocorrem a WWE pública videos curtos do que acontece e têm em média 300 mil visualizações. Os fãs continuam lá, e como o produto não é o desejado não vêm em direto e ou vêm no dia seguinte ou vão ao YouTube e vêm os melhores momentos de cada show.

    • Pormenor muito bem realçado por parte do João,hoje estamos num tempo onde se pode ver wrestling de várias maneiras que não a TV.
      Network,gravar o programa para passar publicidades a frente assim como o que não interessa ao consumidor,ou até pela net nos sites ditos “pirata”.
      Lá está,os fãs continuam lá mas de outra forma.

  4. Hugo2 semanas

    Bom…..
    Claro que esperava…..Wwe sempre a quebrar recordes. A Wwe está estagnada,amorfa e completamente robotizada.
    O Wrestling não é family frendly como o Vince quer que agora seja,o Wrestling é In your face .É assim que o Wrestling foi,era e terá de voltar a ser.
    É certo que há quem não concorde com a minha avaliação do estado da Wwe,mas a verdade é esta e enquanto não houver uma mudança as coisas só iram piorar,pode demorar algum tempo mas é o que acontecerá. Enquanto houve publico o problema estava camuflado e não se notava muito. Mas com a pandemia ,e a falta de publico as vendas de merchandising desceram para um minimo histórico e as despesas com os programas nas novas plataformas,levaram a despedimentos em massa tudo em nome do lucro.
    E a careca está a começar a ver-se.
    Mas já chega o comentário já vai longo e a maior parte do pessoal só costuma ler as primeiras 2 linhas.

  5. Nao admira este números.
    A qualidade do RAW apesar de nao estar ma tem o problema de nao ter publico,falta de grandes estrelas que façam as pessoas ligar a TV para ver o programa e a terceira hora que é desgastante ver um programa semanal tao grande em direto.
    Claro que nem tudo se resolve de um momento para o outro,principalmente a falta de publico derivado ao COVID-19 e a criação de estrelas e storylines apelativas.

    • Anónimo2 semanas

      Concordo, o Raw tem apresentado bons combates, mas a falta de público presente e de lutadores de topo não ajuda em nada. O Vince tem de trabalhar com o que tem e melhorar.

  6. PedrKo2 semanas

    Rumo ao milhão…
    Pode ser que isto sirva como abre olhos e a WWE decida finalmente mudar o seu produto, de outra maneira acho que vai ter cada vez menos audiência, alguém está curioso com o próximo Raw? Pois…

  7. Anónimo2 semanas

    O Raw tem apresentado bons combates, mas a falta de público não ajuda, assim como também é preciso melhorar certas coisas. O Vince tem de fazer mudanças não pode deixar as coisas continuar assim.

  8. JOAOPEDROOOOOOOOOOOOOOOOO2 semanas

    Em 1993, teve outras condicionantes, mas teve um Vince McMahon que percebeu o que o público queria e 4 anos depois, deu-nos o melhor período de wrestling da história. Hoje, pandemia, politicamente correcto, bolsa, marca global e estratégia de marketing depois, é bom que consiga perceber também.

  9. Emanuel2 semanas

    Bem feito. Raw está destruindo personagens com grande potencial como o Aleister Black e Ricochet.

  10. Facebook Profile photo
    Vando Tiago Pedrosa do Pinhal2 semanas

    Cobra ataca rebanho de ovelhas, bom muito bom, finalmente vai calar o drew, não gosto do drew

    • Marcela2 semanas

      👏👏👏👏saudades de ver voc fazer melhor forever my king ele m

    • Anônimo1 semana

      só porque ele não gosta do Drew. não significa que ele não reconheça seu talento,
      não é porque um lutador é talentoso. que todos são obrigados a gostar dele, entenda!

    • Facebook Profile photo
      vando tiago pedrosa do pinhal1 semana

      não e caso gostar do drew, ya eu detesto o gajo, mas não e por isso, tudo começou quando ele virou costas ou dolth

  11. Junior1 semana

    Não é só por causa da pandemia as history line ja estão bem ruins desde ano passado e eles insistem demais em alguns superstar que nunca trazem nada de novo por exemplo brock lesnar e Charlotte
    Enquanto eles quiserem manter essa programação pra lá de chata a tendencia é so cair cada vez mais