Depois da separação em 2020, a carreira das IIconics na WWE foi sempre a descer e o duo de Billie Kay & Peyton Royce acabou por ser despedido já neste ano de 2021, sendo agora conhecido como The IInspiration.

Em conversa com o Fightful, Cassie Lee & Jessica McKay, como agora são conhecidas, revelaram que propuseram uma “grande ideia” à WWE muito antes de serem despedidas pela empresa, mas esta disse-lhes que “não”.

A dupla feminina sugeriu à WWE criar um podcast de ambas, à semelhança do que possuem outras Superstars como os New Day, mas a empresa recusou a ideia. Já fora da WWE, as duas lutadoras australianas acabariam por elas próprias dar início ao podcast Off Her Chops, em Maio de 2021.

Ainda na entrevista, Jessica McKay afirmou que precisava de algum tempo para pensar sobre o futuro após terem sido despedidas pela WWE, mas que acabaram por decidir continuar como equipa no mundo do Wrestling.

Felizmente, Cassie Lee & Jessica McKay têm conseguido retomar as suas carreiras, ganhando desde longo grande destaque no Impact Wrestling ao conquistar os Knockout’s Tag Team Championships no Bound For Glory.


Gostarias de ter visto Billie Kay e Peyton Royce a continuar as carreiras na WWE?

8 Comentários

  1. Catcus1 mês

    Elas quando andavam na WWE pra mim eram indiferentes por tanto é me igual

  2. TribalChiefBestEver1 mês

    Se tiver sido depois da afamada reunião que a Peyton teve com o Vince da massa, em que basicamente não lhe conseguiu dizer um hobby de jeito que tivesse, não admira que tenham recusado.

  3. Okami1 mês

    A divisão feminina nos últimos 10 anos se resume as 4 Bayley Flair Becky Sasha e uma menção a Paige.

    • L26MC1 mês

      A Paige e a Aj Lee deram início à revolução, acho que a menção tinha que ser para as outras 4 que referiste.

  4. El Cuebro1 mês

    As duas estão muito melhor fora da WWE, impressionante como foram desvalorizadas depois que perderam os títulos de duplas e ainda fizeram a besteira de separá-las, mas agora vai ser diferente!

  5. Vitor Oliveira1 mês

    Nosaaaaaaaaaaaaa grandeeeeeeeeeeeee ideiaaaaaaaaaaaaaaa

  6. Claro que sim!

  7. Victor Silva1 mês

    Gostava delas na WWE, mas não entendo em que um Podcast ajudaria elas em ringue. Afinal elas queriam ter sucesso como lutadoras? ou ser uma espécie de “Celebridade” dentro da empresa? Não faz sentido, nessa a WWE acertou em não aceitar essa idéia. Sei que é tendência atualmente mas, a WWE não necessita ter “trocentos” Podcasts na programação