A WWE transmitiu esta sexta-feira mais uma edição do SmackDown no canal FOX, a partir do Footprint Center em Phoenix, Arizona, rumo ao Money in the Bank deste sábado, dia 2 de Julho.

Resultados

– Happy Corbin venceu Good Old Fashioned Battle Royal
– Alexa Bliss, Liv Morgan & Asuka venceram Raquel Rodriguez, Lacey Evans & Shotzi
– Madcap Moss venceu Happy Corbin, The Miz e Ezekiel (Men’s Money in the Bank Qualifying Fatal 4-Way Match)

Report

O SmackDown abriu com os lutadores que vão participar no Men’s Money In The Bank, em cima de alguns escadotes, à exceção de Omos. Seth Rollins começou por dizer que quem ganhar este combate, se for inteligente fará o cash-in, após o Last Man Standing Match que acontecerá no SummerSlam entre Roman Reigns e Brock Lesnar.

Os seis ficaram a discutir por vários minutos sobre quem irá ganhar, mas acabaram por ser interrompidos por The Miz, Ezekiel, Happy Corbin e Madcap Moss que começaram a discutir entre eles, até que Adam Pearce também apareceu e anunciou uma Battle Royal entre os lutadores.

– Happy Corbin venceu Good Old Fashioned Battle Royal: O combate começou de forma caótica, mas Omos começou a “limpar a casa” e fez várias eliminações muito rápidas, sendo que Seth Rollins preferiu auto-eliminar-se e assim poupar-se para o Money In The Bank, mas ainda assim e já fora do ringue sofreu um RKO de Riddle.

O gigante Omos, foi eliminado quando o “Original Bro” o meteu num Triangle Choke, o que abriu espaço para que Sheamus e Drew McIntyre eliminassem o “Gigante da Nigéria”.

A agressividade foi aumentando, sendo que os últimos quatro lutadores foram Drew McIntyre, Sheamus, Sami Zayn e Happy Corbin, tendo o “Honorary Uce”, sido o primeiro dos quatro a ser eliminado. No final, Drew McIntyre e Sheamus focaram-se demasiado um no outro e isso abriu espaço para que Happy Corbin os eliminasse aos dois e vencesse esta Battle Royal.

Nos bastidores, Happy Corbin estava muito feliz com a sua vitória e afirmou que iria vencer o Men’s Money In The Bank, mas Kayla Braxton afirmou que ele não iria estar nesse combate, tendo relembrado ao lutador o desafio que Pat McAfee lhe fez para o SummerSlam, algo que Happy Corbin não respondeu.

Continuando no backstage, Natalya foi entrevistada e afirmou que Ronda Rousey não está a 100% e está com medo dela e no Money In The Bank, ela fará a campeã desistir.

De regresso ao ringue tivemos os New Day e estes relembraram o ataque que sofreram às mãos dos Viking Raiders, tendo a seguir gozado com a dupla de Erik & Ivar, que acabaram por vir ao ringue e destruíram Xavier Woods e Kofi Kingston. O ataque terminou com uma Double Powerbomb no ex-WWE Champion.

Nos bastidores, Happy Corbin, The Miz, Madcap Moss e Ezekiel estavam todos a discutir sobre quem merecia lutar no Men’s Money In The Bank, tendo Adam Pearce marcado um Fatal 4 Way Match entre os quatro, em que o vencedor terá hipótese de lutar no Ladder Match deste Sábado.

Antes do combate feminino, Becky Lynch apareceu e afirmou que não dará hipótese a nenhuma das suas rivais de a lesionar antes do Money In The Bank e que por isso ficará pela mesa de comentadores.

– Alexa Bliss, Liv Morgan & Asuka venceram Raquel Rodriguez, Lacey Evans & Shotzi: O trio de lutadoras do Raw entrou melhor neste embate, tendo aproveitado a pouca química que as suas adversárias tinham, para controlar este Six-Woman Tag Team Match.

Raquel Rodriguez lá conseguiu impor a sua força durante alguns momentos e ajudou a sua equipa a ter o ímpeto do seu lado, mas quando Alexa Bliss fez o tag a Asuka, esta virou o combate do avesso. Nos minutos finais, as duas equipas foram tendo várias hipóteses para vencer e depois de vários golpes, Liv Morgan acertou o ObLIVion em Shotzi e deu a vitória à sua equipa.

Assim que o combate terminou, Becky Lynch de forma matreira acertou um Manhandle Slam em Asuka antes de sair de cena.

Nos bastidores, Sonya Deville foi queixar-se a Adam Pearce pela forma como tem sido tratada, tendo dado um estalo ao oficial da WWE.

Nos ringue tivemos os Undisputed WWE Tag Team Champions The Usos e os Street Profits numa sessão de perguntas e respostas. Os Usos começaram por responder que não têm medo de perder os títulos e que a Bloodline manda na WWE, tendo Montez Ford dito que Roman Reigns pode mandar, mas os Usos não. Os Street Profits em seguida negaram ter perdido o instinto matador e que irão voltar a ser campeões no Money In The Bank. As duas equipas continuaram a insultar-se, mas o segmento terminou sem que se envolvessem fisicamente.

Finalmente tivemos Max Dupri a apresentar os lutadores da Maximum Male Models, tendo Mace e Mansoor desfilado por uma passerelle improvisada.

Nos bastidores, a SmackDown Women’s Champion Ronda Rousey foi entrevistada e riu-se das palavras de Natalya, tendo dito que irá fazer a sua rival desistir no Money In The Bank.

– Madcap Moss venceu Happy Corbin, The Miz e Ezekiel (Men’s Money in the Bank Qualifying Fatal 4-Way Match): Os quatro lutadores entraram dispostos a tentar vencer rapidamente, o que fez com que os minutos iniciais fossem caóticos, tendo Happy Corbin tido algum domínio fora do ringue quando atirou Madcap Moss contra os degraus, The Miz contra o apron e acertou um Chokeslam em Ezekiel contra a mesa de comentadores.

Como é habitual neste tipo de combate, ter o domínio por muito tempo é complicado, o que fez com que o cansaço e o caos fossem cada vez mais evidentes.

Nos minutos finais, os quatro lutadores foram tendo as suas hipóteses de vitória e no final, Happy Corbin estava no controlo tendo acertado um End of Days em Ezekiel, mas Madcap Moss atirou o seu antigo rival para fora do ringue e conquistou a vitória e um lugar no Men’s Money In The Bank.

O SmackDown terminou com Pat McAfee a gozar com a derrota de Happy Corbin.


O que achaste deste WWE SmackDown?

15 Comentários

  1. Foi um SmackDown razoável…

  2. Nuno Ramos2 meses

    Deixem me perguntar uma coisa? Se no MITB o Omos nao precisar de um escadote para chegar a maleta, como raio vai la chegar se ainda e mais alto que ele? Ele foi claro nao precisa de um escadote para chegar a maleta e ganhar o MITB, mas pelos vistos no inicio do show está provado que ele proprio nem chega lá.

  3. Até a pacoantas é melhor que isto…

  4. El Cuebro2 meses

    Foi um SD até bom, mas aquele momento da MMM foi vergonhoso e completamente desnecessário hein, a WWE vai enterrar o LA Knight, Mace e Mansoor, imagino que a Arábia Saudita não vai gostar do que estão fazendo com o seu recruta!

    • Facebook Profile photo

      Discordo da tua visão sobre o momento da MMM. Para mim parece-me ser uma boa forma de começar, e trás expetativa quanto ao futuro e onde se poderão encaixar no SmackDown. Apenas resta acreditar que a WWE vai continuar com os planos, e que os planos sejam bons. Sinceramente vejo com bons olhos esta stable, que deverá ter mais reforços.

    • Willow2 meses

      Melhor forma de acabar uma carreira na WWE é o MMM. Com certeza teriam sido os Breezango, se ainda aí estivessem.

    • El Cuebro2 meses

      A julgar pelo que foi feito ontem a MMM será uma grande perda de tempo para enterrar carreiras, a não ser que alguém (Paul Heyman) interfira para o bem!

  5. Episódio fraquito….

    A battle royal serviu mesmo para quê?! Visto ser o main event que deu acesso ao lugar no MITB.

    O Corbin na entrevista pós-battle royal dá a entender que tem medo do Pat, que é comentador e não um lutador full time…sendo que o Corbin um lutador que já foi campeão na WWE mais que uma vez, devia transmitir mais confiança e arrogância visto ter uma gimmick que define exatamente isso “arrogância”… não sei quanto a vocês mas eu achei que foi um segmento muito mal trabalhado.
    A única coisa positiva nisto foi que decidiram dar a chance ao Moss que tem estado com um bom hype.

    MAXIMUM MALE MODELS foi constrangedor… acho que até o público ficou sem resposta para o que estava a ser apresentado. O LA Knight merecia melhor! Enfim… veremos o desfecho desta stable.

    O combate feminino entre as participantes foi o típico combate antes do PPV. Nada mais a dizer.

    E gostei do segmento entre os Usos e os Street Profits e a brawl entre os Viking Raiders e os New Day, a ideia dos escudos não foi má mas espero que não abusem dos estereótipos.

  6. Gostei:
    – Battle Royale. Até foi bem divertida, com Riddle a ser o destaque, mas com uma decisão de vencedor bem questionável: então o tipo que não está qualificado (e nem conseguiu qualificar-se mais tarde), vence?
    – Segmento entre The Usos e The Street Profits. Este segmento só foi sólido devido às 2 tag teams presentes no ring e o carisma dos 4. Bom trabalho por parte deles.
    – Miz vs Ezekiel vs Moss vs Corbin. Não foi mau nem foi ótimo, mas foi bem sólido. Ação decente, mas nada de fantástico.

    Não Gostei:
    – Segmento inicial com demasiada gente. Olhem, o segmento onde todos os participantes estão no topo das escadas a discutir é um bom tipo de segmento. Sempre gostei muito dele. Mas este aqui foi fraco e só serviu para fazer uma battle royal inútil com todos os lutadores envolvidos como uma “previsão” do combate no sábado… sendo que 4 deles não estavam no combate MITB naquele momento.
    – Segmento entre os The New Day e The Viking Raiders. Foi, basicamente, o mesmo segmento da semana passada. Os Vikings aparecem, porrada e eles saem por cima.
    – Six Woman Tag Team Match. Teve tempo, mas não aconteceu grande coisa. Também foi marcado pelo final algo botchado com a Shotzi a cair mal e aquele botch no suicide dive da Liv Morgan.
    – O ex-LA Knight anuncia os seus novos models: Mace e Mansoor. Não quis saber minimamente, honestamente. Para além disso, a theme é horrível. A única coisa positiva aqui foi o Pat McAfee e o Michael Cole a rirem-se nos comentários.

    Overall: 5/10. Show estranho. Nada de destaque e o segmento do ex-LA Knight foi doloroso de ver.

  7. Anónimo2 meses

    Bom segmento entre os Usos e Street Profits, destaco também o main event. Aquele segmento dos MMM, achei um pouco ridículo, não acho que se vão beneficiar muito com essa stable, mas vamos lá ver o que se segue para eles.

  8. Foi um Smackdown só mesmo para o rumo do MITB, mais nada..