A WWE transmitiu esta sexta-feira mais uma edição do SmackDown no canal FOX, a partir do Schottenstein Center em Columbus, Ohio, a última antes do Hell in a Cell deste domingo, dia 5 de Junho.

Resultados

– Brawling Brutes (Sheamus, Ridge Holland & Butch) venceram Drew McIntyre & New Day (Kofi Kingston & Xavier Woods)
– Jinder Mahal venceu Humberto
– Natalya venceu Shotzi, Aliyah, Raquel Rodriguez, Shayna Baszler e Xia Li (SmackDown Women’s Championship Nº1 Contender’s Six-Pack Challenge Match)
– Happy Corbin venceu Madcap Moss (por desqualificação)
– Undisputed WWE Tag Team Champions The Usos venceram Riddle & Shinsuke Nakamura

Report

O Smackdown abriu com os New Day a falarem da sua vitória na semana passada, tendo o duo chamado Drew McIntyre ao ringue, tendo este falado de Big E, dizendo que ele sabe o que é estar em casa a pensar se os fãs se esqueceram de si, mas ninguém se esqueceu de Big E, com o escocês a criar um cântico para o lutador.

O “Scottish Warrior” a seguir apontou baterias ao Undisputed WWE Universal Champion Roman Reigns, tendo dito que quer conquistar o título no Clash at the Castle. Os New Day a seguir ofereceram umas cuecas a dizer “Big D”.

O trio foi interrompido pelos Brawling Brutes, com Sheamus a dizer que desta vez tiveram tempo para se preparar e que o resultado hoje será diferente, o que fez com Butch saísse disparado para o ringue, mas rapidamente foi enviado para fora deste.

– Brawling Brutes (Sheamus, Ridge Holland & Butch) venceram Drew McIntyre e New Day (Kofi Kingston & Xavier Woods): O trio liderado por Sheamus entrou melhor e conseguiram isolar Xavier Woods e assim dominaram durante vários minutos, até que este fez o tag a Kofi Kingston, ainda assim apesar dos New Day terem conseguido algum ímpeto, os Brawling Brutes voltaram ao controlo.

Kofi Kingston foi aguentando a ofensiva dos seus adversários e quando conseguiu fazer o tag a Drew McIntyre, este virou o opener do avesso e quase o venceu sozinho. Os minutos finais foram algo caóticos, com os seis lutadores a enfrentarem-se tanto dentro como fora do ringue e por fim Butch acertou o Bitter End em Xavier Woods e conquistou a vitória.

Riddle & Shinsuke Nakamura foram entrevistados nos bastidores, estes admitiram que sabem que ainda estão a começar enquanto equipa, sendo que depois de terem sido mostradas imagens da vitória dos Usos contra o “Original Bro” no combate que unificou os títulos de equipa, esta afirmou que o combate de hoje é por Randy Orton.

No escritório de Adam Pearce, este foi mais uma vez interrompido por Max Dupri que anunciou que na próxima semana ele irá mostrar o primeiro lutador da Maximum Male Models.

– Jinder Mahal venceu Humberto: Humberto entrou melhor e dominou o ex-WWE Champion durante alguns minutos, porém Jinder Mahal conseguiu equilibrar este embate.

No final, Shanky quis dançar e isso quase custou a vitória ao seu mentor, mas o árbitro também ficou distraído com a dança, o que abriu espaço para Jinder Mahal com um pin rápido vencer.

Assim que o combate terminou, Shanky voltou a dançar com a ring announcer Samantha Irvine que desta vez se juntou a ele.

Depois de termos visto imagens de Aliyah a trancar Shotzi no balneário feminino, desta vez foi Shotzi a fechar Aliyah, mas mesmo assim esta chegou a tempo ao ringue

– Natalya venceu Shotzi, Aliyah, Raquel Rodriguez, Shayna Baszler e Xia Li (SmackDown Women’s Championship Nº1 Contender’s Six-Pack Challenge Match): Aliyah atacou Shotzi imediatamente, mas quem dominou estes minutos iniciais foi Raquel Rodriguez que usou a sua força para tentar vencer este embate o mais rapidamente possível, algo que não conseguiu fazer.

Com o passar dos minutos, o caos foi aumentando e com isso as lutadoras foram tendo várias hipóteses para vencer, mas estava complicado ter espaço suficiente para conquistar a vitória. No final, parecia que a “Big Mami Cool” ia ter mais uma hipótese contra Ronda Rousey, mas Natalya nas suas costas conseguiu fazer o pin vencedor em Shotzi.

Assim que o combate terminou, a SmackDown Women’s Champion Ronda Rousey e Natalya tiveram um cara a cara em ringue.

Nos bastidores, tivemos uma ambulância a chegar, tendo Madcap Moss saído lá de dentro.

A seguir tivemos o anúncio que Lacey Evans irá regressar ao SmackDown na próxima semana.

De regresso ao ringue tivemos Madcap Moss a fazer uma entrada diferente da habitual, com este a dizer que foi apenas há 3 semanas que Happy Corbin tentou acabar com Madcap Moss, e a verdade é que o conseguiu, pois ele agora é um homem diferente e o seu sonho é destruir o seu antigo amigo. Happy Corbin interrompeu o seu rival e explicou que eles hoje não vão lutar, porém este foi interrompido por Adam Pearce que marcou um combate entre os dois.

– Happy Corbin venceu Madcap Moss (por desqualificação): Happy Corbin tentou fugir, mas Madcap Moss veio com tudo para este combate e foi dando uma tareia ao seu rival, até que este foi buscar uma cadeira, porém o antigo comediante pegou nesta e começou a atacar Happy Corbin, causando assim a desqualificação.

Porém, mesmo depois do combate ter terminado, Madcap Moss continuou o ataque e queria vingar-se da sua lesão no pescoço e lesionar Happy Corbin da mesma forma, mas foi parado pelos oficiais da WWE.

Nos bastidores, os Undisputed WWE Tag Team Champions The Usos (Jey & Jimmy Uso) foram entrevistados e estes prometeram enviar os seus adversários para o hospital, tendo dedicado este combate ao “Tribal Chief” Roman Reigns.

Continuando no backstage, Adam Pearce foi falar com Happy Corbin e anunciou que no Hell In a Cell, ele terá de enfrentar Madcap Moss num No Holds Barred Match.

Depois de ter sido anunciado que na próxima semana, Ricochet irá defender o Intercontinental Championship no próximo SmackDown contra Gunther, tivemos o “One and Only” nos bastidores a dizer que na próxima semana o “Der Ringgeneral” irá respeitá-lo, já este afirmou que na próxima semana irá conquistar o Intercontinental Championship.

– Undisputed WWE Tag Team Champions The Usos (Jey & Jimmy Uso) venceram Riddle & Shinsuke Nakamura: A dupla de Riddle & Shinsuke Nakamura dominou os minutos iniciais deste main event, mas os Usos fora do ringue fizeram da perna esquerda do “King of Strong Style” o seu alvo e este teve de ser assistido e foi tirado do combate.

Os campeões de equipas foram dominando o “Original Bro”, mas este nunca se deu por vencido e apesar da desvantagem numérica conseguiu ter alguma ofensiva e chegou mesmo a ter o ímpeto a seu favor. Nos minutos finais, parecia mesmo que Riddle ia vencer os títulos sozinho, e quando se preparava para acertar o Super RKO, a música de Roman Reigns tocou, o que distraiu o “Original Bro”, que ainda assim acertou o golpe, mas acabou por ser apanhado por um Splash de Jey Uso, que assim reteve os títulos para a sua equipa.

Já depois do main event terminar e se ter percebido que foi Sami Zayn que tocou a música do “Tribal Chief”, o “Honorary Uce” veio festejar a vitória com os campeões de equipas, mas este SmackDown terminou com Riddle a tentar atacar os três lutadores, enquanto vários árbitros os separavam.


O que achaste deste WWE SmackDown?

21 Comentários

  1. Facebook Profile photo

    Doi os olhos ver riddle e nakamura
    Nakamura e ate bom em ringue mas n tem personagem se tem eu não entendo ate hoje
    Ate aqui nada de interessante e nem parece q terá

    • Surf2 meses

      Mas ha gente que afirma que o Nakamura merece um push, gajo parece que tem sindrome de down e nem ingles sabe como é que ira carregar a empresa? So a lutar? Nao é suficiente

    • Mr. Nobody2 meses

      Sua mãe deve ter vergonha de você.

    • Mais respeito Surf!

  2. Luiz2 meses

    Open match inédita

  3. CalouroBR2 meses

    mais um show semanal horrível, nem vou ver essa porra

  4. Luiz2 meses

    Campeão nao aparece mais no show semanal, nao defende seu titulo no PPV, melhor pegar esse titulo principal e aposentar ele de vez, enquadra ele na parece do quarto, deve estar cheio de poeira.

    • ANTONIO CORDINHA2 meses

      Fds alguém q pensa como eu finalmente

    • Stable2 meses

      Antes tivessem dado essa porcaria de título para o Lesnar, ia dar no mesmo ou ser menos pior. Sabe que a WWE tem tesão em campeões part-timers

  5. Willow2 meses

    Difícil achar um SmackDown pior que este em 2022.

  6. Lucas Vaz ferreira2 meses

    Nada de combates do SmackDown no card do hell in a Cell ridículo isso

  7. BigMando2 meses

    A divisão feminina do SmackDown está uma lástima. Basta ver 6-pack match e tira-se logo esta conclusão. Não há star power naquela divisão. Pelo menos o Raw tem Becky, Bianca, Asuka, Bliss, Liv e Rhea, que são lutadoras que têm um bom star power, agora o SmackDown tem a Ronda e não tem ninguém capaz de enfrenta-la pelo title. O SmackDown precisa urgentemente de uma revolução do seu roster da divisão feminina

    • Tiago2 meses

      E mesmo a sasha quando tava no smackdown atraia mais e era mais fácil para a divisão feminina agora não há ninguém de jeito não há bayley toni storm até mesmo a nia jax (por acaso to com saudades dela) tbm não há as icons o melhor ano foi 2019/2020 agora ta cada vez pior

  8. ANTONIO CORDINHA2 meses

    E mais uma vez Roman nem aparece … Continuem que assim vão longe n sei pq e q ainda vejo está merda sequer

  9. Gostei:
    – McIntyre & The New Day vs The Brawling Brutes. Foi um bom combate, mas esta feud está mais que gasta. São bons combates? São. Agora não precisamos de ver estes gajos a lutar contra si todas as santas semanas!
    – Segmento entre Madcap Moss e Happy Corbin. Honestamente só estou feliz por não ter que ver o Moss a fazer piadas estúpidas. Não foi preciso muito para o combate ter um final de treta mas o que aconteceu pós-combate até foi decente.
    – Riddle & Nakamura vs The Usos (c). Como seria de esperar, um ótimo combate dado o talento de todos os 4. Riddle está cada vez melhor.

    Não Gostei:
    – Humberto vs Jinder Mahal. Mais uma vez, quando pedi frescura, não foi isto que pedi. Combate fraco e final pior.
    – Six-Pack Challenge. Atiraram todas as mulheres do roster para isto e a única adversária credível para a Ronda (Raquel Rodriguez) não pode vencer porque acabou de a enfrentar pelo título… (Quer dizer, a Shayna também é credível mas não com o seu booking atual) Ronda Rousey vs Natalya é um combate que anseio em ver (sarcasmo óbvio). Este combate em si… medíocre na melhor das hipóteses.

    Overall: 6/10. Um show decente. O main event é o único destaque do show. Os pontos negativos do show não foram assim muito maus, mas os pontos positivos também não foram grande coisa.

  10. A qualidade desses programas está por um canudo! Porra!

    • Willow2 meses

      Concordo. Realmente está ruim demais. Isso é um reflexo de várias cosias que aconteceram nos últimos anos. Vale ressaltar que os grandes da wwe já não estão mais a lutar ou estão em outras empresas, com 2 ou 3 exceções. A qualidade atual do roast é péssima.

  11. El Cuebro2 meses

    Raw e Smackdown horríveis hein, pouco se salva, o SD deve ter só uma rivalidade no HIAC, ridículo isso, Roman já virou part-timer, lucros à parte, a WWE está uma decadência!

  12. Anónimo2 meses

    Ótimo main event entre os Usos, Nakamura e Riddle.