A WWE transmitiu esta sexta-feira mais uma edição do SmackDown no canal FOX, a partir do ThunderDome no Tropicana Field em São Petersburgo, na Flórida, a pouco mais de duas semanas do Royal Rumble.

Resultados

– Shinsuke Nakamura venceu Jey Uso
– Natalya venceu Liv Morgan
– King Corbin venceu Rey Mysterio
Cesaro venceu Daniel Bryan
– Apollo Crews venceu Sami Zayn

Report

O SmackDown abriu com imagens da semana passada desde o segmento inicial até ao Gauntlet Match, em que Jey Uso e Roman Reigns fizeram com que Adam Pearce vencesse o combate que definia o candidato principal ao WWE Universal Championship no Royal Rumble.

Nos bastidores tivemos o WWE Universal Champion Roman Reigns e Paul Heyman a falar do contrato para o combate entre o “Tribal Chief” e Adam Pearce, onde vimos o conselheiro especial do campeão a dizer que ele precisa de um combate em que mostre a Adam Pearce o que é respeito.

Ainda antes do primeiro combate desta noite tivemos Jey Uso a pegar no microfone e a dizer que quando os lutadores têm toalhas lavadas e roupa quente no catering, todos deveriam agradecer ao seu primo Roman Reigns. Jey Uso também declarou que irá entrar no Men’s Royal Rumble Match, e que irá vencer o combate para depois ir ao Raw tirar o WWE Championship a Drew McIntyre ou Goldberg, ou seja lá quem for o WWE Champion.

Jey Uso também tentou insultar Shinsuke Nakamura, mas o “King of Strong Style” fartou-se da conversa e interrompeu o seu adversário, e depois de gozar com a Bloodline deu um pontapé na cabeça de Jey Uso.

– Shinsuke Nakamura venceu Jey Uso: Jey Uso entrou melhor neste opener, mas Shinsuke Nakamura manteve a boa forma da semana anterior e dominou o adversário durante algum tempo, isto sobre o olhar atento do seu parceiro Cesaro, que decidiu vir ver o combate de perto na mesa de comentadores.

Jey Uso tentou controlar o “King of Strong Style”, mas Shinsuke Nakamura estava com tudo mais uma vez esta semana e nunca deixou “Main Event Uso” ganhar muito ímpeto.

No final e depois de várias quase vitórias por parte dos dois lutadores, Jey Uso fez um pin com os pés nas cordas, mas Charles Robinson viu a batota, para irritação do lutador. Esta distração abriu espaço para que Shinsuke Nakamura acertasse o seu Kinshasa e vencesse o combate.

Depois do combate, o “King of Strong Style” e Cesaro festejaram a vitória no ringue.

Nos bastidores, Sonya Deville e Adam Pearce estavam a conversar, mas foram interrompidos por Paul Heyman, que tentou vender a ideia de como um No Disqualification Match no Royal Rumble ia beneficiar o oficial da WWE. Este disse que não estava para ouvir Paul Heyman e sabia que esta estipulação era só para ele se lesionar, mas que assinava o contrato na mesma.

Noutra zona do backstage, Jey Uso continuava a discutir com Charles Robinson e ameaçou o árbitro sénior que é melhor começar a fazer o trabalho como deve ser, se não quer ser despedido.

Ainda no backstage, tivemos uma entrevista aos Street Profits, que explicaram que seria um desrespeito para tudo o que fizeram enquanto campeões não terem aceite o desafio dos Dirty Dawgs (Dolph Ziggler & Robert Roode), que agora podem estar em baixo, mas que eles voltarão a ser campeões.

No balneário de Roman Reigns, vimos o “Tribal Chief” a falar com Apollo Crews e quando Paul Heyman chegou, o campeão mandou Apollo Crews ficar para ouvir a conversa para aprender. Roman Reigns explicou então que não queria um No Disqualification Match contra Adam Pearce, mas sim um Last Man Standing Match.

Paul Heyman ainda tentou explicar que Adam Pearce nunca aceitaria essa estipulação, mas o “Tribal Chief”, qual Don Corleone, mandou o seu conselheiro especial fazer o que tinha a fazer e que queria assinar o contrato no ringue.

– Natalya venceu Liv Morgan: Liv Morgan veio acompanhada ao ringue por Ruby Riott e Billie Kay, que veio com um novo visual para se enquadrar nas Riott Squad.

No que toca ao combate, a mais experiente Natalya dominou desde cedo. Liv Morgan lá conseguiu reverter o ímpeto e quase venceu por várias vezes.

Billie Kay começou a discutir com o árbitro e com Tamina, e teve de entrar em ringue para fugir da veterana. Toda esta confusão causada por Billie Kay fez com que Liv Morgan tirasse os olhos do jogo e Natalya aproveitou isso e com um pin rápido venceu o combate, para tristeza das Riott Squad e da “Punk” Billie Kay.

– King Corbin venceu Rey Mysterio: King Corbin entrou dominante neste combate contra Rey Mysterio, sendo que o “Rei” passou mais tempo a provocar Dominik do que preocupado com o lendário luchador. King Corbin decidiu então que estava na hora de atacar Dominik Mysterio e o “Mestre do 619” acertou o seu golpe predilecto, mas não teve hipótese de capitalizar, pois o jovem lutador estava decidido em atacar o “Rei”. Esta confusão toda deu espaço para que King Corbin acertasse o End of Days e assim vencesse o combate.

Nos bastidores, Adam Pearce foi interrompido por Paul Heyman, que tentou vender a ideia ao oficial da WWE de que Roman Reigns concordava com ele. O oficial mostrou que não tinha paciência para Paul Heyman e mandou-o despachar-se e foi então que o conselheiro especial disse que afinal seria um Last Man Standing Match e que ele poderia pensar, pois só ia assinar o contrato no ringue, mais tarde no SmackDown.

Noutra zona do ThunderDome, Rey Mysterio tentava acalmar o seu filho, mas Dominik estava completamente desfocado e só queria enfrentar King Corbin. O segmento terminou com o “Mestre do 619” a dizer que se o seu filho quer lutar contra King Corbin, ele sabe com quem vai ter de falar.

De regresso ao ringue tivemos a estreia do talk show de Bayley, o Ding Dong Hello, que teve Bianca Belair como a primeira convidada. A “Role Model” começou por falar do WWE Chronicle que haverá sobre Bianca Belair e quando mandou mostrar um pequeno trailer, o que se viu foram imagens do combate em que a “Role Model” venceu a “EST da WWE”.

As duas continuaram a trocar bocas e foi então que Bayley teve a “brilhante” ideia de desafiar Bianca Belair para uma corrida de obstáculos no próximo episódio do SmackDown.

Nos bastidores vimos imagens de algo que nos trouxe até ao próximo combate, de Daniel Bryan a treinar com Otis e Chad Gable, até que Kayla Braxton veio entrevistar o “American Dragon” sobre se o treino na Alpha Academy está a funcionar. A entrevista foi interrompida por Cesaro e foi assim que ficou marcado o combate entre os dois.

– Cesaro venceu Daniel Bryan: Como seria de esperar destes dois lutadores, a agressividade foi logo bem patente desde o primeiro segundo. Daniel Bryan acabou por ser o lutador que entrou mais forte neste embate, mas já fora do ringue cometeu um erro, pois ao tentar dar um pontapé a Cesaro, acabou por acertar no poste do ringue.

Depois de alguns minutos de domínio, Daniel Bryan voltou a equilibrar o combate e foi então que vimos alguns minutos de “xadrez táctico”, com os dois lutadores a tentarem fazer o outro desistir, sendo que a guerra continuou na terceira corda.

No final tivemos os dois lutadores a quase vencer, mas o “Swiss Superman” acertou o seu incrível Uppercut antes de aplicar o Neutralizer e assim vencer o combate.

Já no backstage, Carmella foi entrevistada e começou logo a provocar Sasha Banks, mas a “The Boss” empurrou a sua rival e o segmento terminou com a campeã a dizer que dá um novo combate pelo SmackDown Women’s Championship a Carmella caso possa primeiro enfrentar Reginald.

– Apollo Crews venceu Sami Zayn: Apollo Crews veio ao ringue para mostrar que ouviu os conselhos do “Tribal Chief” e durante os minutos iniciais dominou Sami Zayn. Todavia, o “Great Liberator” também mostrou o seu talento e teve o ímpeto do seu lado durante alguns minutos.

No final, o combate acabou por ser equilibrado e Sami Zayn tentou agarrar as cuecas do adversário para vencer, mas Jessica Carr viu a tentativa de batota, para irritação do antigo WWE Intercontinental Champion. O “Great Liberator” ainda ficou mais irritado, pois Apollo Crews usou a mesma tática para vencer o combate, mas a árbitra não viu. Sami Zayn ainda pediu a assistência do VAR, mas nada feito.

Já fora do ringue, Apollo Crews dirigiu-se a Big E e pegou no WWE Intercontinental Championship, mostrando que a rivalidade entre os dois ainda não terminou e que poderá muito em breve voltar a lutar pelo título.

No segmento final do SmackDown tivemos então a assinatura de contrato para o WWE Universal Championship Match entre o campeão Roman Reigns e Adam Pearce, que acontecerá no Royal Rumble.

O oficial da WWE veio algo assustado para o ringue como seria de esperar e depois de muita insistência de Paul Heyman, Jey Uso e de Roman Reigns, lá assinou o contrato.

Já depois do “Tribal Chief” assinar também ele o contrato, Adam Pearce sorriu e afirmou que esperou a noite toda para que o campeão assinasse o contrato, tendo saído de ringue. No topo da entrada, o oficial começou a coxear e foi então que disse que o seu joelho tinha problemas com lesões antigas e que não sabe se irá estar apto para o Royal Rumble, pelo que escolheu um substituto para si.

Foi então que tivemos a música de Kevin Owens a tocar e este assinou o contrato. Assim, no Royal Rumble teremos o Last Man Standing Match pelo WWE Universal Championship entre o campeão Roman Reigns e Kevin Owens.


O que achaste do WWE SmackDown desta semana?

26 Comentários

  1. ShinSlayer2 meses

    Ótimas lutas e uns segmentos legais. Já imaginava que seria KO a enfrentar o Roman no RR. Nakamura face foi a melhor coisa que a WWE poderia fazer, mesmo que tenha sido dum perdedor fácil do Otis para um possível main eventer. Fiquei com medo dele poder ser o substituto do KO no RR, mas acho que com isso tudo, ele deve ganhar um push. Theme antiga de volta, chances reais de ganhar o RR match. Estou a me iludir com um Shinsuke Nakamura x Roman Reigns na WM. É pedir demais, WWE?

    • Facebook Profile photo

      Será Roman Reigns × Nakamura × Cesaro??

    • ShinSlayer, me desculpe, mas acho que está só a se iludir mesmo 😂😂😂
      Não que o Nakamura não seja bom o suficiente, mas acho que ele não está nos planos para agora…

    • Doughc2 meses

      Acho que o Nakamura vai lutar com o Reigns antes da mania.

    • ShinSlayer2 meses

      Hugo, minha opinião, mas acredito que Cesaro venha a rivalizar com o Naka na EC, visto que ele continua heel e o Nakamura turnou face, vide a luta do Cesaro x Bryan ontem.

      Flavio, acredito que Nakamura esteja sim nos planos pra Universal Championship, mas acho que virá a rivalizar antes da WM, uma pena, mas aquela pontinha de esperança ainda está tentando gritar pra ter um espaço, sabe? kkkkkk

      Doughc, infelizmente, tenha a mesma sensação, mas não dá pra não sonhar, certo?

  2. fpragao2 meses

    Dominick deveria já está lutando na divisão de duplas do lado do Rey Misterio ou do Murphy.

  3. Victor WWE2 meses

    Então Roman Reigns vs Nakamura pode ser na WM 37? Vai ser um grande combate.

  4. Victor Márcio2 meses

    Que bosta!

  5. Apollo e Roman???…….Heel do Apollo? Ele é da bloodline agora? Fiquei curioso….

  6. Balhote2 meses

    Mais um bom smackdown, a manter o bom nível habitual. Como sempre o Roman foi o destaque e gostei muito do desenvolvimento da história com o Pearce ao longo do programa. Na semana passada, já tinha falado da possibilidade de ele ser substituído e verificou-se. Gostei bastante das vitórias do Nakamura e Cesaro, finalmente estão a ter o destaque que merecem. Quem sabe não teremos um Reigns vs Nakamura na Mania. Gostei também do ” Ding Dong Hello” acho que foi engraçado e serviu para continuar a feud entre a Bayley e Bianca. Por último do lado positivo, destaco uma possível inclusão do Apollo com a stabe do Reigns, acho é inteligente por parte da WWE e gostei que tivessem passado imagens do Talking Smack com aquele discurso impressioante do Heyman. Do lado negativo, acho que o Rey vs Corbin foi decente mas a storyline é extremamente desinteressante. Não gostei também, que quase todos os combate não tenham acabado de forma limpa, acho que a WWE abusa neste tipo de finais.

  7. MC2 meses

    Nakamura e Cesaro a terem umas vitórias minimamente relevantes, algum destaque… parece mentira, mas que é satisfatório ver, é. Aproveitar enquanto assim é…

  8. Grande Apollo. Gostava de ver o Apollo associado com o Roman e con o Jey.

  9. Bom episódio do SmackDown! Gostei da promo inicial de “Main Event” Jey Uso, sendo que o combate dele contra Shinsuke Nakamura também foi bacano e serviu para continuar este recente push do japonês via mais uma vitória.
    Cesaro vs Daniel Bryan foi ótimo como seria de esperar dada a qualidade destes dois excelentes atletas e surpreendeu-me que o suíço tenha ganho (com estas duas últimas derrotas, não sei se o Bryan irá ganhar o Royal Rumble Match – ainda para mais vejo a possibilidade de Big E perder o título Intercontinental na próxima semana para este “novo” Apollo Crews e depois ir atrás do título Universal de Roman Reigns rumo à WrestleMania 37).
    O main event fechou o show com um “plot twist” muito bem feito por parte de Adam Pearce e realmente o tal plano de Kevin Owens lutar contra o Roman por uma última vez no Royal Rumble manteve-se e ainda bem já que foi tramado nas outras duas vezes (ah, e os críticos do programa da semana passada que falem agora do rumo desta storyline). Realmente a brand azul tem, de longe, o melhor programa semanal dentro da esfera da WWE.

  10. The Phenomenal One2 meses

    Gostei bastante desse episódio do SmackDown, aqui estão meus destaques:
    • Boa promo inicial do Jey Uso e bom combate entre ele e o Shinsuke Nakamura.
    • Ótimo combate entre Cesaro e Daniel Bryan, tomara que o Cesaro retome sua carreira a solo e tenha seu merecido destaque, e apesar da derrota, continuo achando que o “American Dragon” vencerá o Men’s Royal Rumble Match, e não acho mais que desafiará Roman Reigns pelo Universal Championship na WrestleMania 37, e sim o vencedor do combate entre Drew McIntyre e Goldberg pelo WWE Championship, visto que é muito cedo para o “Tribal Chief” perder o seu título, e também porquê se Goldberg vencer o Drew, o que provavelmente acontecerá, quem seria o seu desafiante? Poderia ser o Keith Lee, mas mesmo assim acho que o Daniel Bryan irá desafiá-lo para um combate no principal evento da WWE.
    • Boa continuação da storyline entre Big E e Apollo Crews, com certeza teremos um bom combate na semana que vem pelo Intercontinental Championship, mas não vejo o título mudando de mãos tão cedo.
    • E agora foi a vez de Adam Pearce mostrar quem é que manda no SmackDown, enganando o Roman Reigns e introduzindo o Kevin Owens no Last Man Standing Match pelo Universal Championship no Royal Rumble, devido à estipulação, deverá ser o último combate entre os dois, e acho que o Roman Reigns reterá o título frente ao “Prizefighter”.

  11. Foi um bom SD!
    Shinsuke Nakamura venceu Jey Uso – foi um bom combate como era esperado! Que bom que voltaram com a velha personagem do Naka, só acho que poderiam ter guardado a antiga theme para o RR, com a entrada mística também, mas ok, queríamos a antiga personagem e ela está aí!

    Natalya venceu Liv Morgan – A primeira me dá sono e que história desinteressante 💤

    King Corbin venceu Rey Mysterio – O Rey enchendo a bola do Corbin foi engraçado, quem será que ele vai chamar? Não sei porque me passou pela cabeça o Cain Velasquez… Mas dependendo de quem seja, não acho necessário chamar ajuda, o Dominik poderia resolver isso, mas enfim, entendo que isso também fortifica a personagem do Corbin.

    Cesaro venceu Daniel Bryan – essas derrotas seguidas só Bryan só reforçam da probabilidade do mesmo dar a volta por cima e vencer o RR match, torço para isso também.

    Apollo Crews venceu Sami Zayn – O heel turn do Apollo vem aí, já aposto que será na semana que vem e a parceria com o Roman será muito vantajosa para ambas as parte e principalmente pro Apollo!

    No Main Event aconteceu o que já era imaginável, por isso que é bom que a gente aguarde o desenrolar da história antes de fazer pré julgamentos… Vem aí mais um clássico entre o K.O vs Roman, já nos deram vários espetáculos e como o resultado é um pouco previsível, espero que o nosso gordinho saia o mais protegido possível.

  12. Bom SmackDown.
    Destaco:
    – boa promo do Jey Uso e bom combate com o Nakamura (ainda bem que voltou com a Rising Sun)
    – bom combate entre o Cesaro e o Daniel Bryan, que surpreendeu com a vitória do suíço, o Daniel Bryan não estava para brincadeiras quando disse que queria ajudar muitos lutadores, vamos ver o que se segue para o Cesaro
    – bom main event, estiveram todos bem e gostei do desenrolar da história

  13. Jose Manguito2 meses

    QUERO CESARO A GANHAR O RR 😛

  14. Mais um bom episódio do Smackdown,tem estado a ser consistente,o que é ótimo.
    Destaques:
    -Boa promo do Jey Uso no inicio e bom combate com o Nakamura,que parece estar a receber algum destaque,o que é muito fixe de ver.
    -Bryan vs Cesaro foi ótimo,curto mas muito bom,entendem-se muito bem no ringue…esta vitória do Cesaro surpreendeu-me,espero é que signifique algo para ele daqui para a frente.
    -Interessante esta mudança de atitude por parte do Apollo.
    -E como esperava,o Pearce não vai lutar no Rumble mas sim o KO.

  15. Foi um bom Smackdown com um nível muito bom!
    Gostei da promo do Jey Uso e combate entre si e o Nakamura que parece que vai ter outras oportunidades que bem merece!
    Bom combate entre o Cesaro e Daniel Bryan!
    Bom segmento entre a Bianca Belair e Bayley, está a dar muitos frutos e as duas têm estado bem, consigo sentir que a Bayley está a ajudar a Bianca a dar o salto, pelo menos é minha impressão..
    Gostei da assinatura do contrato, já era óbvio que o Adam Pearce não ia lutar ficando para o KO, bom segmento como de costume!
    Por último destacar o Apollo ao lado de Roman, veremos que futuro iremos ter por aqui, melhor será!

  16. El Cuebro2 meses

    Smackdown interessante, bons segmentos, Adam Pearce passando a perna no Roman, KO de volta, Cesaro e Corbin vencendo, Apollo também, agora aliado ao Roman inclusive, mas umas dúvidas me apareceram, por exemplo trouxeram a música “antiga” do Nakamura de volta? E na dupla com o Cesaro um é heel e o outro é face? E o assistente da Carmella não se chamava Bob?

  17. Anónimo2 meses

    Mais um bom SmackDown. Bom início de show. Bom combate entre o Nakamura e Jey. Achei interessante terem feito um segmento do Apollo junto do Roman. E também bom combate entre o Daniel Bryan e o Cesaro.