A WWE transmitiu esta sexta-feira mais uma edição do SmackDown no canal FOX, a partir da Bridgestone Arena em Nashville, Tennessee, rumo ao Royal Rumble do próximo dia 29 de Janeiro.

Resultados

– Kofi Kingston venceu Madcap Moss
– Aliyah venceu Natalya (por desqualificação)
– Viking Raiders (Erik & Ivar) venceram Los Lotharios (Angel & Humberto)
– SmackDown Women’s Champion Charlotte Flair venceu Naomi (Contender’s Match)
– Sheamus venceu Ricochet
– Seth Rollins & Kevin Owens venceram SmackDown Tag Team Champions The Usos (Jey & Jimmy Uso) (por desqualificação) (Non-Title Match)

Report

O show abriu com os SmackDown Tag Team Champions The Usos (Jey & Jimmy Uso), que rapidamente apresentaram o WWE Universal Champion Roman Reigns para a celebração da Bloodline por causa do recorde do “Tribal Chief” enquanto campeão e vimos um video package com os melhores momentos deste reinado.

Quando Roman Reigns ia falar, tivemos a aparição de Seth Rollins. Este afirmou que mais uma vez os The Usos é que fizeram o trabalho sujo de Roman Reigns, sendo que deveríamos estar a celebrar o reinado histórico dos The Usos, que são os verdadeiros trabalhadores do reinado do “Tribal Chief”.

Roman Reigns disse que o combate entre eles iria ser um embate 1 vs 1, e o “Visionary” lançou um desafio: ele e um parceiro à sua escolha enfrentam os The Usos, e se ele vencer, estes ficarão banidos do Royal Rumble.

Já depois de Jey Uso ter aceite e de Kevin Owens ter aparecido, Roman Reigns mostrou-se irritado e explicou que este combate só acontece se Seth Rollins aceitar que se perder o combate de hoje, perde também a hipótese de lutar pelo WWE Universal Championship no Royal Rumble, estipulação essa que foi aceite.

– Kofi Kingston venceu Madcap Moss: Kofi Kingston entrou melhor neste rematch, sendo que Big E veio acompanhá-lo e acabou por atacar Happy Corbin. Apesar de tudo isso, Madcap Moss conseguiu colocar a sua força em jogo e assim dominar o ex-WWE Champion durante alguns minutos. Ainda assim, como sabemos Kofi Kingston nunca se deixa vencer e do nada tivemos o Trouble In Paradise que deu a vitória ao lutador dos New Day.

Depois do combate, Big E deixou uma mensagem a Happy Corbin e aplicou um Big Ending em Madcap Moss.

Ainda antes do próximo combate começar, Summer Rae estava na primeira fila e mostrou estar atenta a Natalya.

– Aliyah venceu Natalya (por desqualificação): Natalya conseguiu aguentar mais de três segundos e até acabou por usar a sua força para dominar Aliyah, mas perdeu a cabeça e atacou a jovem adversária de tal forma que acabou por ser desqualificada.

Assim que o combate terminou, Natalya continuou a atacar Aliyah, mas tivemos Xia Li a aparecer. Depois da sua entrada elaborada, a chinesa despachou a “Queen of Harts” com um pontapé.

– Viking Raiders (Erik & Ivar) venceram Los Lotharios (Angel & Humberto): Os Viking Raiders tentaram usar a sua força para dominar, mas Los Lotharios conseguiram isolar Erik e assim dominaram durante alguns momentos. Este rapidamente fez o tag a Ivar, que virou o combate do avesso. No final, os candidatos principais acertaram o Viking Experience em Humberto e arrecadaram mais uma vitória.

Ainda antes do próximo combate começar, Sonya Deville obrigou Charles Robinson a tirar a sua t-shirt de árbitro e a dar-lha, acabando por ser a árbitra do Contender’s Match.

– SmackDown Women’s Champion Charlotte Flair venceu Naomi (Contender’s Match): Charlotte Flair aproveitou tudo isto para dominar desde o primeiro momento, mas Naomi até conseguiu atirar a “Queen” contra Sonya Deville, que foi parar fora do ringue. Isto fez com que a árbitra “não conseguisse” contar um pin, e isto distraiu Naomi, que acabou por ser apanhada no Figure Four Leg Lock, tendo o combate terminado sem que tivesse desistido.

Nos bastidores, Kevin Owens e Seth Rollins foram entrevistados e o “Prizefighter” explicou que ele seria o WWE Universal Champion mais longo de sempre e que vai ajudar o seu amigo a ter uma oportunidade justa. Já Seth Rollins explicou que se os The Usos tiverem ao lado de Roman Reigns, se calhar não consegue vencer, mas num combate justo, a sua vitória é inevitável.

A seguir tivemos mais uma edição do In-Zayn, onde este quis experimentar armas de auto-defesa para provar que consegue fazer tudo o que Johnny Knoxville faz. O “Great Liberator” começou por dar um choque a ele próprio, isto até aparecer Johnny Knoxville, que afirmou que já lidou com várias armas e que algo não está bem. Foi então que o ator pegou no taser e deu um choque a Sami Zayn, antes de o atirar para fora do ringue.

Nos bastidores, Eric Bischoff estava a dar conselhos a Adam Pearce, e quando Sonya Deville apareceu, o oficial da WWE afirmou que esta não pode continuar a fazer o que quer contra Naomi e que vai sugerir que haja um combate entre as duas no SmackDown da próxima semana.

– Sheamus venceu Ricochet: Sheamus entrou de forma bastante agressiva e dominou Ricochet durante vários minutos, e este nunca conseguiu colocar a sua velocidade em jogo. No final, o “Celtic Warrior” acertou o seu Brogue Kick e garantiu a vitória.

Nos bastidores, Rick Boogs e o WWE Intercontinental Champion Shinsuke Nakamura deram de caras com Jeff Jarrett e os três ficaram à conversa.

– Seth Rollins & Kevin Owens venceram SmackDown Tag Team Champions The Usos (Jey & Jimmy Uso) (por desqualificação) (Non-Title Match): O duo de Seth Rollins & Kevin Owens entrou melhor neste main event e dominou durante alguns minutos, mas os The Usos usaram a sua maior química enquanto equipa pra isolar o “Prizefighter”. Os SmackDown Tag Team Champions dominaram o lutador do Raw durante algum tempo, mas Kevin Owens foi aguentando e quando conseguiu fazer o tag a Seth Rollins, este entrou com tudo e virou o combate do avesso.

As quase vitórias foram começando a aparecer por parte das duas equipas, com os quatro lutadores a dar tudo para saírem vencedores deste main event. No final, depois de uma sequência de golpes por parte de todos os lutadores, Seth Rollins acertou o Stomp em Jimmy Uso, mas acabou por ser atacado por Roman Reigns e assim o combate terminou com uma desqualificação.

Assim, os The Usos estão banidos da zona do ringue durante o WWE Universal Championship Match do Royal Rumble.


O que achaste deste WWE SmackDown?

18 Comentários

  1. Facebook Profile photo

    Gostei quando o Seth referiu o Mox para atacar o Roman!

  2. Rui Jesus Messias4 meses

    SD 80% igual ao da semana passada

  3. Best4 meses

    Ss já pode aparecer na brand que não pertence, antes não ter draft

  4. Joelson Souza Ribeiro4 meses

    SETH não vai ganhar do Roman Regins, pra mim ele ta fazendo o papel do dréw!
    Talvez Seth vai chegar na wrestlemenia brigando PELO título das duplas ainda mais esse personagem atual, do Seth não venceria o chefe da tribo que esta em uma fase boa. ROMAN perder hj, so na wrestlemenia só 4 nomes, venciam Brock lesnar/Drew é Bobby lashey e Edge na minha opinião muito provável que seria esses nomes foram outros muito difícil..

  5. Mamal4 meses

    Todo main event da WWE precisa acabar em desqualificação. Mas enfim, SD continua a decair

  6. BigMando4 meses

    O Roman não precisava de causar a desqualificação sinceramente. Se os Usos estavam prestes a perder, porquê é que o Roman interferiu sabendo que os Usos perderiam e possibilitaria assim que o Seth lutasse contra ele. Não fez muito sentido, já que ele disse que se os Usos vencessem, ele iria de férias até à

  7. Gostei:
    – Segmento inicial com a Bloodline, Seth Rollins e Kevin Owens. Tudo aqui foi bem feito. A parte da Bloodline saiu muito bem, o Seth a referir o passado entre ele e Roman (e aquela referência marota a Jon Moxley) e o Kevin Owens foi uma surpresa bem agradável. Ótima forma de começar o show.
    – Kofi Kingston vs Madcap Moss. Muito melhor que o da semana passada. O Big E foi uma adição bem-vinda e Moss tem vindo a melhorar no ring. Era só preciso uma gimmick melhor.
    – Aliyah vs Natalya. O combate não foi lá grande coisa, salvo uma ou 2 boas manobras da Aliyah. Natalya continua o ataque depois do combate e Xia Li salva. A entrada da Xia Li continua a ser brutal, mas será que devia mesmo ficar aquele tempo todo ali no palco enquanto a Aliyah leva uma sova no ring? Em geral, foi decente mas podia ter sido bem melhor.
    – Charlotte Flair vs Naomi. O combate até foi bom. Agora, aquele screwjob… Entendo que faça sentido para a feud entre Naomi e Sonya, mas parece um bocado inútil.
    – Segmento com Sami Zayn. Os efeitos sonoros foram… algo. De resto, o segmento até foi bom. O Johnny Knoxville até fez um bom trabalho no microfone, e estava bem over com o público.
    – Rollins & Owens vs The Usos. Destaco mais a 2ª metade do combate, em que os 4 arrasaram completamente. O final é um bocado meh, mas pronto. Em geral, bom main event.

    Não Gostei:
    – Los Lotharios vs Viking Raiders. Cumpriu o seu objetivo. Só gostava que tivesse durado um bocadinho de mais tempo.
    – Sheamus vs Ricochet. A única coisa que aponto neste combate é aquele dive para fora do ring. De resto… o Sheamus continuar o seu momentum é bom, mas à custa do Ricochet, que tanto precisa de uma vitória…

    Overall: 6/10. Destaco o segmento de abertura, o segmento do Sami Zayn e o main event. O resto… vários combates mas aproveita-se muito pouco neles.

  8. ??4 meses

    Nota 8/10.

  9. Facebook Profile photo

    Foi engraçado o Seth e depois o Pat, referirem o Moxley (em vez de Ambrose).

  10. Alyson4 meses

    Sou assinante Sky, qual canal vocês estão assistindo o WWE???

    • Huellisson Camargo4 meses

      Fox Sports 2, ainda continua pra min na grade, más está sendo transmitido tanto na FS2 quanto na ESPN Extra.

    • Alyson4 meses

      Qual o número dos canais ??

    • Huellisson Camargo4 meses

      FS2 195 ou 595 em HD, ESPN Extra 600!

    • Alyson4 meses

      Certo, muito obrigado. Narração somente em inglês mesmo ?

  11. Anónimo4 meses

    Bom início de show entre a Bloodline, Seth Rollins e Kevin Owens, e destaco também o main event, foi bom.