A WWE transmitiu esta sexta-feira mais uma edição do SmackDown no canal FOX, a partir da Vivint Smart Home Arena em Salt Lake City, Utah, rumo ao Extreme Rules do próximo dia 8 de Outubro.

Resultados

– SmackDown Women’s Champion Liv Morgan venceu Lacey Evans
– New Day (Kofi Kingston & Xavier Woods) venceram Maximum Male Models (Mace & Mansoor)
– Braun Strowman venceu Otis
– Raquel Rodriguez venceu WWE Women’s Tag Team Champion Dakota Kai
– Undisputed WWE Tag Team Champions The Usos (Jey & Jimmy Uso) venceram Brawling Brutes (Butch & Ridge Holland)

Report

O SmackDown abriu com a Bloodline em ringue, com Paul Heyman a não perder tempo a insultar os fãs na arena, antes de ter explicado que Solo Sikoa foi enviado para ajudar o campeão e que este é o “enforcer” da Bloodline e isso abre espaço para que os Usos continuem a fazer história.

Os próprios Usos falaram a seguir sobre o seu combate contra os Brawling Brutes e como irão manter os seus títulos, tendo Roman Reigns interrompido os seus primos para mandar Solo Sikoa reconhecê-lo, algo que o jovem fez.

Quando a Bloodline estava de saída, Sami Zayn interrompeu-os, algo que irritou Jey Uso e até Roman Reigns. O “Great Liberator” afirmou que sabe que ele não é família de sangue, mas que a Bloodline o acolheu e ele quer mostrar a sua apreciação pelo “Tribal Chief”. Roman Reigns perguntou então porque é que Sami Zayn tinha uma t-shirt da Bloodline e quando este não lhe conseguiu dar uma resposta, mandou o “Great Liberator” tirar a t-shirt.

As coisas pareciam que iam correr mal, mas Roman Reigns entregou uma t-shirt a Sami Zayn, em que dizia que este era um “Honorary Uce”. Sami Zayn vestiu a t-shirt e abraçou Jimmy Uso e Solo Sikoa, tendo logo a seguir reconhecido Roman Reigns e abraçado o campeão, algo que este não apreciou propriamente.

– SmackDown Women’s Champion Liv Morgan venceu Lacey Evans: Lacey Evans usou a sua força para dominar os minutos iniciais, mas a campeã nunca se deixou ficar e foi dando luta neste opener. Ainda assim, o maior domínio pertenceu a Lacey Evans, que foi fazendo de tudo para controlar Liv Morgan, mas a resistência da campeã irritou Lacey Evans.

Já depois desta ir buscar um kendo stick, Liv Morgan conseguiu desviar-se desse ataque e acertou um Codebreaker antes de acertar o ObLIVion que lhe deu a vitória.

Assim que o combate terminou, Liv Morgan pegou no kendo stick e atacou Lacey Evans, tendo feito a sua adversária atravessar a mesa de comentadores com um Senton da terceira corda.

Nos bastidores, os Hit Row, Street Profits e Shinsuke Nakamura falaram do que irá acontecer neste SmackDown.

Ainda no backstage vimos Sami Zayn irritado por o catering não ter refeições vegetarianas, tendo Madcap Moss e Ricochet afirmado que o “Honorary Uce” está ainda mais chato do que é normal. Sami Zayn afirmou então que insultarem-no, era como insultarem a Bloodline, mas os dois lutadores não o ouviram e acabaram por ser atacados por Solo Sikoa.

A seguir, tivemos um video package a falar do reinado histórico dos Usos enquanto Undisputed WWE Tag Team Champions.

– New Day (Kofi Kingston & Xavier Woods) venceram Maximum Male Models (Mace & Mansoor): A dupla da Maximum Male Models entrou de forma dominante, tendo isolado Xavier Woods durante alguns minutos, mas este conseguiu aguentar a ofensiva dos seus oponentes.

Quando Mace & Mansoor estavam no controlo, Maxxine Dupri quis pousar com eles para tirar uma foto, algo que Max Dupri não gostou e com razão, pois abriu espaço para os New Day virarem o combate a seu favor e Xavier Woods com o seu Backwoods conquistou a vitória.

Após o combate, tivemos Max Dupri a perder a cabeça e a sair de cena.

A seguir, vimos um video package sobre Braun Strowman e o seu combate de regresso.

Nos bastidores, Top Dolla & Ashante “Thee” Adonis atacaram os Los Lotharios por estes estarem a meter-se com B-Fab.

– Braun Strowman venceu Otis: Os dois lutadores quiseram fazer uso da sua força para dominar e acabou por ser Braun Strowman que levou a melhor, isto até que fora do ringue uma distração de Chad Gable permitiu a Otis virar o combate a seu favor.

Otis dominou durante alguns minutos, mas Braun Strowman voltou a virar o combate do avesso, tendo também aproveitado para atacar Chad Gable. Nos minutos finais, os dois lutadores tiveram várias hipóteses de falhar, mas o “Monster Among Men” conseguiu evitar um Splash da segunda corda, o que lhe deu espaço para acertar uma Powerbomb que lhe deu a vitória.

Nos bastidores, Kayla Braxton entrevistou os Brawling Brutes, tendo Sheamus anunciado que no SmackDown do dia 7 de Outubro ele irá voltar a enfrentar Gunther pelo Intercontinental Championship, e hoje iremos ver os Brawling Brutes a conquistar os títulos de equipas.

De regresso ao ringue, tivemos Drew McIntyre a desafiar Karrion Kross para um Strap Match, pois Karrion Kross parece que gosta de jogar jogos, mas este combate não o irá deixar fugir e ele irá fazer questão de inflingir o máximo de dor em Karrion Kross.

Scarlett apareceu então na entrada, tendo Karrion Kross tentado atacar o “Scottish Warrior” pelas costas, mas foi o escocês que foi levando a melhor ao ponto de prender o seu rival na strap. Scarlett envolveu-se e tentou acertar com uma bola de fogo em Drew McIntyre, mas falhou por completo.

Os dois lutadores continuaram numa brawl que continuava a ser ganha pelo “Scottish Warrior” isto até Scarlett acertar um low blow, que abriu espaço a Karrion Kross de aplicar o seu Krossjacket enquanto insultava o seu rival.

– Raquel Rodriguez venceu WWE Women’s Tag Team Champion Dakota Kai: Raquel Rodriguez usou a sua força para se colocar imediatamente no domínio, mas uma distração de Bayley e IYO SKY quase deu a vitória a Dakota Kai.

Porém, Shotzi apareceu e atacou as duas lutadoras, o que abriu espaço para que Raquel Rodriguez, com um pin rápido vencesse o combate.

Após o combate terminar, as Damage CTRL tentaram atacar Raquel Rodriguez e Shotzi, mas as duas lutadoras conseguiram ver-se livres do trio.

De novo, no lounge dos Hit Row, estes foram atacados pelos Los Lotharios, que fugiram antes da retaliação.

– Undisputed WWE Tag Team Champions The Usos (Jey & Jimmy Uso) venceram Brawling Brutes (Butch & Ridge Holland): Os Brawling Brutes entraram de forma agressiva e dominaram os minutos iniciais deste main event e só depois de alguma confusão é que fora do ringue os Usos conseguiram ficar no domínio.

Os campeões mantiveram Butch isolado durante alguns minutos, sendo que Sheamus veio para perto do ringue para parar uma possível interferência de Sami Zayn, e tudo isto abriu espaço para Butch fazer o tag a Ridge Holland que entrou com tudo e quase venceu este combate sozinho.

Nos minutos seguintes as quase vitórias foram aparecendo por parte das duas equipas, sendo que quase tivemos novos campeões por várias vezes.

No final, Sami Zayn tentou interferir mas foi parado por Sheamus que por sua vez foi atacado pelos Imperium, já dentro do ringue os Usos viraram o combate definitivamente a seu favor e com o 1D em Butch conquistaram a vitória.


O que achaste deste WWE SmackDown?

22 Comentários

  1. iglesias BRING BACK LARS SULLIVAN1 semana

    Aguardo um bom show da brand azul

  2. Tito Miguel1 semana

    Eu quero que a Sasha volte 😭😭😭😭

  3. Natan1 semana

    La Knight retornando ? Que seja uma grande maravilha se isso acontecer e quanto os outros três que retornem pra Nxt

  4. Willow1 semana

    Show nota 8 de 0 a 10. Só não gosto muito atualmente da divisão feminina, me parece um pouco perdida.

    • The Name1 semana

      Exato, foi o ponto mais fraco do show, de resto foi um bom show.

    • Ricky1 semana

      Não sei porque é que dizes isso, os títulos estão onde deviam estar e o único que não tem match de momento para o PPV é o de tags e ou muito me engano ou vai ser as Damage CTRL vs Shotzi & Raquel vs Asuka e Alexa no ER, e mais para a frente no Survivor Series vai ser Damage CTRL vs Alexa Asuka & Bianca vs Raquel Shotzi e uma terceira mulher que vai aparecer para salvar as duas últimas no War Games feminino. Portanto acho que está bem encaminhado, uma divisão não se reconstrói em 2 dias.

    • Willow1 semana

      Concordo que os títulos estão em boas mãos, mais acho que as story lines estão fracas e sem push

  5. Zickelous1 semana

    O segmento de abertura foi impecável, um feel good enorme pelo Sami, e um bom show no geral

  6. Que Kick Off ouro, até eu achei que o Sami seria expulso/humilhado!

  7. André Santos1 semana

    Este juntamento do Sami a bloodline penso que ainda vai custar o titulo a alguem nem que seja ao Roman digo eu
    i

  8. wrestling is wwe and nothing else1 semana

    Gostei só do main event fantastico e do segmento da continuação da feud entre o Drew e Kross/scarlett pra mim os pontos altos do show , gostei daquele salto que a Morgan fez à Lacey que atravessou a mesa de resto nada a dizer
    Que o LA Knight regresse !

  9. O show não foi bom, além da promo inícial, o combate final e o Kross com o Drew McIntyre que nem um combate foi achei um dos smackdowns mais fracos.
    A Smackdown está a mostrar que o a RAW tem um melhor plantel e que já merecia uma troca de wrestlers nas brands.
    Eu acho também que alguns wrestlers não vêm adicionar nada, especialmente os Hit Row, parece as histórias com o 24/7 title.

  10. Gostei:
    – Segmento com a Bloodline. Foi um bom segmento para começar o show, com o destaque óbvio a ser tudo que aconteceu com o Sami, com ele supostamente a ser expulso da Bloodline, mas depois a receber uma camisola a dizer “Honorary Uce”. As reações do Jey Uso ao longo disto também foram ouro.
    – Braun Strowman vs Otis. Uma luta bem decente entre estes 2, com Braun Strowman a ter uma boa exibição.
    – Promo do Drew McIntyre, atacado por Scarlett e Karrion Kross. Uma strap match entre estes 2 no Extreme Rules pode ser interessante, vamos ver. Este segmento em si foi sólido, apesar daquela bola de fogo ter falhado a cara do Drew McIntyre.
    – The Brawling Brutes vs The Usos (c). Um ótimo combate, com qualidade para estar num PPV. O final com a interferência foi porcaria, mas o que se há de fazer.

    Não Gostei:
    – Liv Morgan vs Lacey Evans. Se avaliarmos o combate em si, foi bem medíocre, com a Liv a levar coça ao longo do combate mas a recuperar no final. O que aconteceu pós-combate foi muito bom e gostei imenso, aquele spot na mesa vai ser lembrado durante algum tempo. Mas o combate esteve aquém.
    – The New Day vs Maximum Male Models. Combate curto, com os New Day a vencerem com a manobra mais mortífera da história do wrestling: o roll-up. Entusiasma-me o Max Dupri a passar-se após o combate. LA Knight está quase!
    – Raquel Rodriguez vs Dakota Kai. Um combate feito essencialmente para devolver algum destaque à Raquel. Foi muito curto. No entanto, curto de ver a Shotzi face e vamos ver o que o futuro lhe traz.

    Overall: 5.5/10. Um show ok. Tivemos 5 combates, mas só 2 foram positivos. O regresso do LA Knight é bom, bem como o que a Liv fez à Lacey após o combate delas, mas os combates em que tiveram envolvidos não foram bons. Por hoje, só destaco o main event pelos Tag Titles.

    • Facebook Profile photo
      Fábio Peres1 semana

      Knight vai ressurgir na carcaça do Max Dupri? A ver.

    • Mais uma boa análise, Soares. Em relação ao final do ME, confesso que nem me incomodou muito. A vitória dos usos era evidente, e serviu para criar mais tensão e envolvência entre as várias stables, e fiquei com esperança de termos um rematch com estipulação no Extreme rules! Vê se voltas também às reviews do RAW 😉

  11. Liv Morgan vs. Lacey Evans – ⭐️⭐️

    The New Day vs. MMM – ⭐️

    Braun Strowman vs. Otis – ⭐️⭐️⭐️

    Dakota Kai vs. Raquel Rodriguez – ⭐️

    WWE Undisputed Tag Team Championship – ⭐️⭐️⭐️⭐️

  12. Anónimo1 semana

    Excelente segmento com a Bloodline, destaco também o ótimo main event.

  13. Compreendo quando dizem que este reinado do Roman já vai longo e chato, mas a verdade é que o homem (e esta stable) sabem dominar um show e uma arena. E esta envolvência com o Sami… Está a tornar-se o meu wrestler preferido no momento, é puro entertainer. Aguardo pelo seu face turn, e conquistar os títulos aos usos juntamente com o KO, e com intervenção do Solo! Teremos aí início ao fim da bloodline, pelo menos durante uns tempos.