Pelo menos da minha parte, haviam grandes expectativas para o Battleground do domingo passado, muito porque parecia que a WWE vai ter um possível parceria com a TNA.

No final, será que entregou? Não, lamento mas este premium live event foi uma desilusão, pois tudo o que podia ter corrido mal acabou por acontecer. Não estou a dizer que foi um desastre completo, mas foi muito fraco, é o que se espera do NXT hoje em dia.

Se calhar a culpa foi minha, e eu não deveria ter criado altas expectativas para um premium live event da developmental brand. Quando é que foi a última vez que entregaram algo espetacular? Só no tempo dos TakeOvers.

Eu não estou a dizer que foi tudo mau, há coisas que valeram a pena, e claro que deve-se falar disso, portanto vamos olhar para as cinco coisas que gostei de ver no Battleground.

6 Comentários

  1. Está mais do que na altura de o Shawn Michaels sair do comando da NXT e passar para alguém que saiba fazer bookings, que ouça os fãs e os lutadores e veja quem está realmente se esforçar! O que o Shawn Michaels está a fazer é um desperdício Meu Deus! Tirem de lá o HBK!!

  2. reptilz247 dias

    Faltou o combate pelo NXT TT. Eu gostei.
    Sobre o Underground é obvio que vc provavelmente n gostou e vai estar em 3 ou 2 na sua lista de coisas que n gostou. Eu tbm n gostei, a Shayna meio que se joga na hora de acertar a cabeça na escada

  3. Manuel7 dias

    Inacreditável como só se vê a wwe como meta para bons lutadores. Vi um bocado do Battleground por causa da TNA Knockouts Champion Jordynne Grace e porra pá… A nxt é mau demais. Qualquer episódio do Impact é muito melhr que aquele especisal da wwe… Apenas só se for pelo dinheiro, porque de resto…

  4. Axiom7 dias

    Gostei principalmente do Obafemi o MONSTRO já pode tirar o título do trick

  5. Jdfl5 dias

    Não concordo com muita coisa mas uma coisa é certa, Oba e Trick devem manter os títulos até ao próximo stand se possível, o Oba perdia por algum motivo caricato, e seria ele a destronar um Trick para ir para o main Rooster, é mais que justo se progredirem os dois como devem, faz mais que sentido