A AEW transmitiu esta quarta-feira mais uma edição do Dynamite no canal TNT, a partir da Gas South Arena em Atlanta, Geórgia, rumo ao Winter Is Coming do dia 15 de Dezembro.

O AEW Dynamite é transmitido na FITE TV. Subscreve aqui!

Resultados

– Bryan Danielson venceu Alan “5” Angels
CM Punk venceu Lee Moriarty
– Wardlow venceu AC Adams
Sting & Darby Allin venceram Gunn Club (Billy & Colten Gunn)
– Ruby Soho venceu Kris Statlander (Quartos-de-Final do TBS Women’s Championship Tournament)
– Cody Rhodes venceu Andrade El Idolo (Atlanta Street Fight)

Vídeos

Watch Wrestling

Report

O AEW Dynamite começou com a entrada do AEW World Champion “Hangman” Page, para se sentar no lugar de Jim Ross na mesa de comentários.

– Bryan Danielson venceu Alan “5” Angels: O “American Dragon” entrou com tudo e dominou durante vários minutos, mas Alan Angels foi dando luta. No final, a agressividade de Bryan Danielson foi determinante, sendo que o candidato principal ao título mundial quis deixar uma mensagem a “Hangman” Page, tendo vencido depois de vários pontapés e uma forte Knee Bar.

Assim que o combate terminou, Bryan Danielson explicou que destruiu Alan Angels tal como tem feito com os outros elementos da Dark Order, e que daqui a duas semanas, no Winter Is Coming, vai provar que “Hangman” Page é um cobarde e irá conquistar o AEW World Championship.

John Silver ainda veio ao ringue para atacar o “American Dragon”, mas este foi-se embora e ficou cara a cara com o campeão, tendo dito que adorava dar-lhe um estalo, mas que os fãs não merecem ver isso.

Em seguida tivemos Miro a explicar que a sua fraqueza já lhe custou demasiado e que ele vai habituar-se a ela e vai destruir os seus adversários no futuro.

– CM Punk venceu Lee Moriarty: Lee Moriarty ganhou a batalha técnica contra CM Punk, sendo que o veterano só quando aumentou o ritmo e a agressividade começou a controlar o jovem lutador. Depois de alguns minutos no controlo, Lee Moriarty começou a equilibrar e por várias vezes parecia que íamos ter uma grande surpresa.

Porém e depois de várias quase vitórias de Lee Moriarty, CM Punk conseguiu acertar o GTS e vencer o combate.

Assim que o combate terminou, MJF explicou que é preciso coragem para alguém dizer que é o “Best In The World” quando se vê aflito para vencer Lee Moriarty ou QT Marshall, e a seguir decidiu fazer vários insultos. CM Punk respondeu que qualquer um desses lutadores é melhor que MJF, mas que está farto de conversar e por isso ele que venha para o ringue.

Como é óbvio, MJF ficou na zona de entrada e depois de mais algumas farpas avisou CM Punk para nunca mais trazer o seu cão para os bastidores, pois ele vai abatê-lo… CM Punk dirigiu-se a MJF para lhe dar uma tareia, mas este escondeu-se nas costas de Wardlow e de vários árbitros.

Nos bastidores, a AEW Women’s World Champion Britt Baker mostrou-se bastante irritada com toda a situação que envolve Riho. A campeã e Jamie Hayter ainda trocaram algumas palavras, mas tudo vai bem na equipa e a britânica vai enfrentar a japonesa no próximo Dynamite, de forma a que esta nem chegue a Britt Baker.

Orange Cassidy fez a sua entrada, mas acabou por discutir com Adam Cole que estava na mesa de comentadores. Os Young Bucks apareceram e o “Freshly Squeezed” distraiu-se, e Adam Cole aplicou-lhe um low blow. A SuperKliq atacou o popular lutador, até que Chuck Taylor e Wheeler Yuta vieram em auxílio do seu amigo.

Em seguida tivemos Tony Nese a explicar que Sammy Guevara não merece ser TNT Champion e que lhe vai tirar o título no próximo Rampage.

– Wardlow venceu AC Adams: AC Adams tentou dar luta, mas tentar é o termo correcto. A força de Wardlow foi um problema e, depois de quatro Powerbombs, o poderoso lutador venceu o combate.

Nos bastidores, PAC e Penta El Zero Miedo foram entrevistados e o luchador explicou que Rey Fenix não pôde viajar, mas que ele e PAC vão enfrentar os FTR. Tony Schiavone questionou se o “Bastard” estava em condições de lutar e o britânico explicou que pode tar lesionado, mas não está inválido.

– Sting & Darby Allin venceram Gunn Club (Billy & Colten Gunn): O duo de Sting & Darby Allin entrou melhor neste embate, mas a veterania e força de Billy Gunn virou o combate do avesso, e assim o Gunn Club isolou Darby Allin durante vários minutos.

Porém, Darby Allin conseguiu aguentar a ofensiva do Gunn Club e fez o tag a Sting, que entrou com tudo. A equipa liderada por Billy Gunn ainda tentou fazer batota, mas no final o ex-TNT Champion acertou o seu Stunner, tendo o “Icon” acertado o seu Scorpion Death Drop e garantido assim a vitória.

Nos bastidores, Chris Jericho explicou que no Rampage não foi ajudar Eddie Kingston, foi sim dar uma tareia aos 2Point0. Estes e Daniel Garcia atacaram “Le Champion”, tendo-lhe deixado um aviso bem claro.

A seguir, Lio Rush apareceu e interrompeu a Team Taz, explicando que ele nunca vai desistir mesmo que só tenha 1% de hipótese. O segmento terminou com Lio Rush a olhar para Dante Martin e os restantes lutadores da Team Taz.

Nos bastidores tivemos “Smart” Mark Sterling com Jade Cargill, e o manager explicou que a sua lutadora vai enfrentar uma das alunas de Thunder Rosa no Rampage. A “La Mera Mera” apareceu e começou a discutir com a sua rival, que preferiu ir-se embora.

– Ruby Soho venceu Kris Statlander (Quartos-de-Final do TBS Women’s Championship Tournament): O último combate dos quartos-de-final do torneio que irá definir a primeira TBS Women’s Champion começou de forma bastante equilibrada, com as duas lutadoras a terem uma batalha técnica durante vários minutos.

Com o passar do tempo, a força de Kris Statlander começou a ser um factor de desequilíbrio, mas Ruby Soho foi aguentando a ofensiva e até quase venceu depois de alguns grandes golpes. No final, parecia que vitória ia sorrir à alien residente da AEW, mas Ruby Soho com um pin rápido seguiu em frente no torneio.

Assim que o combate terminou, as duas lutadoras cumprimentaram-se, mas Vickie Guerrero começou a discutir com Kris Statlander e dentro do ringue tivemos Nyla Rose a atacar Ruby Soho, isto até Kris Statlander vir em seu auxílio.

– Cody Rhodes venceu Andrade El Idolo (Atlanta Street Fight): Andrade El Idolo atacou Cody Rhodes ainda antes deste fazer a sua entrada e os dois começaram a lutar por toda a arena.

Como era de esperar, a agressividade esteve sempre a um nível muito alto, com algumas armas a entrar em ação desde cedo. Andrade El Idolo foi o lutador que mais dominou esta Street Fight, mas o “American Nightmare” continuou em combate e foi dando tudo para equilibrar esta “guerra”.

Ainda assim, fora do ringue e com uma cadeira, o lutador mexicano fez Cody Rhodes sangrar, mas este manteve-se no domínio, ao ponto de ter pegado na sua pá de ouro para atacar o assistente de Andrade El Idolo. Só que este virou o combate fazendo o seu adversário atravessar uma mesa.

No final, o mexicano foi buscar outra mesa e os dois lutaram durante vários minutos para ver quem a atravessaria, sendo que Cody Rhodes estava por cima. Foi então que a sua esposa Brandi Rhodes apareceu e pegou fogo à mesa, tendo seguir o “American Nightmare” acertado um Inverted Suplex para vencer o combate.


O que achaste do AEW Dynamite desta semana?

38 Comentários

  1. Zickelous2 meses

    Final super botchado, o Cody se deu mais mal que o Andrade e msm assim levou a vitória

    • K92 meses

      Acho que foi proposital o Cody receber maior parte do impacto, a ideia da mesa em chamas muitoo provavelmente foi dele, e ele fez assim justamente para proteger o Andrade, ele gosta de fazer esse momentos mais extremos nos combates relevantes dele, o salto que ele deu do alto da cela contra Wardlow, e a cadeirada na cabeça que ele tomou contra Shawn spears foram ideias dele também.

  2. Surf2 meses

    Para ser sincero estes spots já estão um pouco ultrapassados para os dias de hoje e so põe o pessoal em risco, nada mais

    • Fernando Nogueira2 meses

      Era legal o Johnny DripDrip

    • JOAOPEDROOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO2 meses

      Ultrapassados? Porque dizes isso? Estes momentos que nos dão boas recordações, é só um cheirinho dos melhores anos do wrestling…

  3. Kick_Ass2 meses

    Bom Dynamite!
    O main event foi digno de PPV.

    • Kick_Ass2 meses

      Já agora o pormenor da golden shovel foi muito bom ahahah

  4. Facebook Profile photo

    Para além de ser completamente botchado e estupido, qual era a necessidade daquele final? A feud é assim tão pessoal para o cody querer queimar o andrade? Se fazem isto num show semanal no ppv vao fazer o que, explodir uma bomba? São estas coisas tão desnecessárias que estragam o produto

    • Cebola2 meses

      são essas coisas que fazem a AEW especial e os show semanais relevantes

    • L26MC2 meses

      Acham uma mesa com fogo perigoso, imagino a vossa reação a ver algum combate Hardcore da ECW. 🙃

    • Márcio2 meses

      A minha ideia, será para talvez voltar a trazer a personagem da sombra negra, que fazia parte do Andrade

    • Facebook Profile photo

      Eu nem sequer falei na segurança daquilo, mas se os combates hardcores da ecw eram tao bons porque e que ja nao existem? Secalhar porque andar a fazer spots “hardcore” por fazer depois de um certo tempo deixa de ter interesse. Alguem me consegue dizer para que e que serviu este spot? No fundo deu uma cheap reaction, que infelizmente era apenas o que eles queriam, e deu mais um tweet para a conta dos aew botches no twitter.

    • joao (diferenciado)2 meses

      Olha aí, David, não podes criticar a empresa que só tem 2 anos, só podes falar bem.

      Agora fora de merdas, nem fez sentido o inverted suplex ali e concordo contigo, o Cody anda a tentar meter-se over sendo que isso é impossível com esta personagem, o 3º combate com o Malakai Black foi um enterro completo e este combate só serve para travar o ímpeto, mesmo que não fosse muito, do Andrade. O Cody criticava o HHH por usar a sua posição para se colocar over mas faz a mesma coisa agora.

    • Pro wrestling not sports entertainment2 meses

      Engraçado David Machado que 90 por cento dos teus comentários sobre AEW são sobre o negativo, o únicos comentários positivos que apanhou foi sobre a feud MJF Punk

    • Cebola2 meses

      fanboy de empresa é complicado…

    • L26MC2 meses

      David, como é que não existe combates hardcore? Tens uma empresa americana que basicamente só se foca nisso. Para além disso, a AEW mistura basicamente tudo o que muitas empresas tiveram de bom e tenta trazer para os seus shows, para agradar os fãs e trazer de volta antigos fãs.

      O Cody não devia ter saltado daquele jeito… devia ter usado 10 camisolas encharcadas com água e o árbitro devia ter um extintor para apagar logo o fogo, mal eles caíssem 🤭

    • Facebook Profile photo

      L26MC, estava a referir me aos combates do ecw, que ja nao existe. Os combates hardcore sao tao bons que so fazem sucesso para as 50 pessoas que perdem o seu tempo a ve-los. Mas o meu ponto nem sequer foi a segurança do spot, mas ja vi que insistes nisso. Quanto aos meus comentarios, se a maior parte sao negativos e porque nao gosto da maior das coisas que vejo😂 nao vou andar aqui a mentir, punk x mjf foi de facto a melhor coisa que fizeram ate agora, o resto para mim e fraco ou estupido, opah e a minha opiniao.

    • Surf2 meses

      David partilho da tua opinião e não acrescento nada, já quanto a ti pro wrestling, tem piada afirmares que o David só vem comentar negativamente quanto à AEW quando fazes o mesmo quanto à WWE, melhor olhares para ti primeiro e dps calares-te ficas melhor assim

    • Percebo a opinião, mas o final foi espetacular. Mas uma coisa destas devia estar guardado para uma rivalidade mais pessoal, achei um pouco anticlimático e apenas uma forma do Cody tentar ficar over

    • joao (diferenciado)2 meses

      como é que uma coisa é espetacular e anticlimática?

    • L26MC2 meses

      Leio com cada coisa…
      Agora as empresas têm de guardar certos momentos para usarem nos seus PPV’s 😂 coitada da AEW então.

      Para quem vê AEW semanalmente, sabe que todos os show têm algum grande destaque ou uma luta aleatória que os lutadores nem em rivalidade estão e acabam por dar um combate ao nível de PPV. Qmd a mim, que todos os shows semanais fossem ao nível de PPV e os PPV ao nível dos shows semanais, já ficava feliz.

      David, para reclamares do spot, também viste o combate “à moda da ECW”. 🤭

    • O spot foi espetacular, fez-me lembrar um primeiros combates de wrestling que vi e um dos meus favoritos até hoje, do Edge vs Mick Foley. Mas como disse acho que foi anticlimático porque ao contrário da feud Edge vs Foley, esta não era tão pessoal e tão intensa para ter um spot destes, se tivesse sido por exemplo na feud com o Malakai acho que faria bem mais sentido

    • Facebook Profile photo

      Por acaso nao vi o combate, apenas vi o resumo aqui no site e cliquei no video. Quanto ao resto, se todos os combates tiverem grandes momentos esses “grandes” passam a ser o normal 😉

    • JOAOPEDROOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO2 meses

      Nota-se mesmo que não viste os melhores anos do wrestling. Porque é que os Dudley Boys usavam mesas quase todas as semanas se tinham saído da ECW e já não havia interesse? Porque é o Chris Benoit fazia diving headbut todos os combates? Porque é que o Mick Foley deu alguns dos melhores combates de sempre da história do wrestling sendo que o seu HIAC contra o Undertaker é, por muitos, considerado o melhor combate de wrestling de sempre?

      Porque é que a WWF quando tinha os Monday Night Wars tinha combates pelos títulos todas as semanas? Porque é que o Big Show, no seu primeiro reinado como campeão, defendeu o título em todos os combates que teve?

      A resposta é simples: entregar o melhor show possível. Pensar como se fosse o último e deixar os fãs a quererem pagar o bilhete na próxima semana para verem ainda mais e melhor. É uma guerra e as guerras são para se ganhar.

      Estás no teu direito a ter a tua opinião, mas o pessoal pode discordar dela.

      Quanto ao teu último comentário, se isto for o normal é óptimo. Porque era quando isto era o normal que tiveste ainda melhores combates, ainda melhores feuds e criar estrelas ainda maiores.

    • Kick_Ass2 meses

      David, primeiro não existe nenhum botch na manobra porque foi bem executada e protege a queda do Andrade, se seguisses o produto sabias que a personagem do Cody Rhodes consiste em dar o corpo às balas para conseguir a vitória, ou seja, o herói sacrificou-se para vencer o vilão, é a moral da história deste combate.
      Sei que não estás habituado a saber o que é contar uma história em ringue porque só assistes WWE, muito possivelmente desde que virou PG. Falando disso, se ficas tão “abalado” com um spot destes, caso tivesses assistido a RA Era ou Attitude Era ficavas traumatizado com o que vias nos shows semanais… e sim não em enganei, era mesmo durante os shows semanais porque havia concorrência direta entre empresas como há atualmente.

    • Facebook Profile photo

      Tas me a dizer que o objetivo do cody era cair ele mesmo sobre uma mesa com fogo enquanto que o andrade nem lhe toca? Das duas uma, ou é botch ou ainda e mais estupido do que parece. Eu muito gosto quando falam da attitude era como se a tivessem visto ao vivo. Pelo nivel de resposta que deste arrisco me a dizer que nem nascido eras. Mas ignorando isso, quando e que eu disse que fiquei traumatizado😂? Nao e por nao ter gostado deste spot estupido e forçado para obter uma reação barata da crowd que sou anti violencia no wrestling. Estes spots devem ser feitos tendo em conta a historia ou personagens envolvidas, e este esta longe de ser o caso. E estar a comparar o mick foley x undertaker com o o cody rhodes x andrade…ignoremos. Este estilo indie de wrestling ja conseguiu banalizar o superkick, os suicide dives, o PILEDRIVER, ja se usam mesas com fogo em combates a toa… daqui bocado têm de matar alguem para obter uma reação.

    • JOAOPEDROOOOOOO2 meses

      Mas quem é que comparou o Foley e o Taker? 😂😂😂

    • JokerLeadger2 meses

      David, se vires o combate completo ves que tanto o Cody como o Andrade têm uma pelicula sobre a pele, nas costas do Cody então nota se mal ele entra no ringue, precisamente para proteger o corpo quando cai sobre as chamas. Desde o inicio que eles sabiam que era o cody que caia de costas, dai ter maior proteccao do que o Andrade que, penso eu, so tinha essa “capa” protetora no peito

    • joao (diferenciado)2 meses

      então não comparem aos anos 90 porque se dissessem ao Mick Foley ou ao Sabu para meterem películas na pele, eles mandavam-vos para o c@%%%%%. foi um spot desnecessário, apenas feito para obter uma cheap reaction (como disse o edge) e mal executado. mesmo que digam que não era desnecessário, se fizessem uma powerbomb ou um superplex em vez de um inverted suplex, secalhar nao era preciso proteger a cara do Andrade… e o combate contou uma historia em ringue? foi um combate mau, algo que nao está falado só porque houve fogo. como disse o David, já conseguiram banalizar tantas moves e transformá-las em moves de transição e pelos vistos querem banalizar estipulações. se todos os momentos e todos os combates forem especiais, nenhum é especial e é isso que vocês não entendem.

  5. ??2 meses

    8/10.

    • Pro wrestling not sports entertainment2 meses

      Omega vs hangman toda a história e fraca, e estúpida, o segmento de eddie é punk foi fraco e estúpido (e mesmo o combate), Bucks vs Lucha fraquissimo, ui então o bryan vs omega? Ftr vs luchas foi fraco, os pacs vs andrade,tudo o inner circle vs pinaccle(tirando a parte final depois dos labour’s pra mim foi fraco) Thunder rosa vs Britt foi fraco, o Malakai que está mais over na AEW do que alguma vez esteve no main roster e fraco, a personagem do. Miro actual, e só falo de algumas coisas destes ano, nem falo dos outros! Bom são as storylines dos ovos, ou zombies, ou os Goldbergs, ou os 50 rematchs por ano, e 71 em dqs! Isso é que é bom!

    • Surf2 meses

      E mesmo assim golberg e as supostas rematches atraem audiencia, é muita bom msm

  6. Facebook Profile photo
    Rafael Pereira2 meses

    Foi preciso o homem(Cody) cair numa mesa cheia de fogo para deixar de ser vaiado

  7. Victor Silva2 meses

    Foi um bom Dynamite! O combate do Darby Allin foi sensacional, cada vez mais me impressiona. O Dante Martin deu uma de traíra para cima do Lio Rush, achei a Promo do Rush fraca demais, muito cliché sobre no fundo do coração ser um lutador e tal… o combate da Stantlander com a Soho foi muito bom, ambas talentosas, com a semifinal do TBS Tournament definidos de forma imprevisível, não da pra saber quem será a primeira TBS Champion, Jade Cargill, Thunder Rosa, Nyla Rose & Ruby Soho…. apesar de alguns botches, o combate do Main Event até foi interessante. Sim, aquele final foi muito botchado mas para mim só o fato de ser uma Street Fight com uma mesa pegando fogo, já manteve o brilho da coisa

  8. O MJF é ouro semana após semana é atualmente um dos melhores do roster.

  9. Mais um programa consistente, na minha opinião. Os pontos principais foram os combates para os quais já tinha boas expetativas na antevisão: CM Punk vs Lee Moriarty (este jovem tem muito Wrestling em tão tenra idade), Ruby Soho vs Kris Statlander (combate equilibrado e em que a mais experiente safou-se por pouco) e o main event (valeu a pena pelo spot final — uma raridade nos dias de hoje — e pelo regresso de Brandi Rhodes numa aparente versão “sombria” — talvez mais um sinal simbólico do heel turn de Cody Rhodes para breve).

  10. Anonimo2 meses

    Gostei, mas, continuo com a impressão que não é a coisa “do outro mundo” como alguns pontuam. A luta do CM Punk, por exemplo, foi decepcionante (ao meu ver), de longe Daniel Bryan foi a grande contratação da empresa e já é obviamente um dos principais nomes. Também acho que precisam melhorar bastante o plantel feminino.

    Sobre o main event. Vi algo bem legal, uma boa luta e um final no mínimo interessante, apesar de exagerado pra feud. Mas sinceramente, se algum astro da WWE se livrasse do pin como o Cody se livrou iriam falar que era exagerado. Enfim…

  11. Anónimo2 meses

    Bom segmento entre o MJF e CM Punk. O main event foi um bom combate, mas achei o final botchado.