Faz login e remove a publicidade
Frank casino

De acordo com o Pro Wrestling Sheet, o AEW Dynamite desta quarta-feira, que foi a primeira noite do especial Fyter Fest, contou com algumas dezenas de fãs presentes no Daily’s Place. Só que Ryan Satin avança que a All Elite Wrestling não testou nenhum dos cerca de 60 fãs que tiveram presentes.

O jornalista apurou que estas cerca de 60 pessoas são trabalhadores do Daily’s Place ou dos Jacksonville Jaguars e que tiveram a possibilidade de trazer alguns familiares e amigos para ver o AEW Dynamite.

Estas pessoas foram todas sentadas no topo do Daily’s Place, o mais afastado possível dos lutadores da AEW, para que não houvesse a possibilidade de contágio, e também bastante separadas umas das outras.

Ryan Satin também informou que todos os convidados foram obrigados a trazer máscara e assinar um termo de responsabilidade, dizendo que não estiveram em contacto com ninguém que tenha o coronavírus, e foi-lhes medida a temperatura corporal à entrada.

Como sempre, todos os lutadores e empregados da AEW foram testados ao COVID-19 antes de poderem participar nas gravações do Dynamite, que já esta quinta-fira procedeu às gravações da segunda noite do Fyter Fest.


Pensas que a AEW fez bem em não testar os fãs que estiveram na arena? Ou pensas que mesmo tendo estado afastados dos lutadores, as cerca de 60 pessoas convidadas deveriam ter sido testadas?

18 Comentários

  1. SAY WHAT? Apesar de ser uma decisão arriscada, acho que deveriam ter testado na mesma.

  2. Fatima1 mês

    Eu acho correcto os convidados usarem máscaras e de terem medido a temperatura isto para qur não contaminem as pessoas da WWE !

  3. Apesar de achar que deviam testar este caso é diferente, pois as pessoas que foram ver o show foram de livre vontade, logo se apanharem ou transmitirem Coronavirus foi total responsabilidade delas. Já na WWE a WWE obriga os atletas do NXT a irem logo têm de testar. É como no caso de já haver público no SummerSlam e por aí em diante. As pessoas que comprarem bilhete são responsáveis caso transmitam ao sejam infetados pelo vírus.

    • L26MC1 mês

      Subscrevo.
      Não sei quanto a vocês que trabalham e sei que nada têm haver com as empresas de wrestling.
      Eu trabalho em frente loja e já estou lá a ter contacto com todas as pessoas desde que começou a pandemia e antes até não usávamos máscaras e nunca até hoje fizemos nenhum teste. Digo isto porque o que a AEW fez, é o que toda a gente têm feito, usar máscara, distanciamento social e ainda acrescentou um termo de responsabilidade. Logo não acho que tenha sido mau a atitude, os testes devem custar bastante dinheiro.

  4. Ederzito1 mês

    Não estando lá, é complicado afirmar se a presença deles lá foi segura ou não.

    Eles provavelmente não podem obrigar estas pessoas a ser testadas, porque não trabalham para a AEW, e se eles estiveram completamente afastados dos wrestlers (entram por uma entrada diferente, não estão nos mesmos espaços, etc.) e se estiveram sempre com máscara, e com distância entre eles, não acho mal.
    No entanto, se alguma coisa corre mal, a situação pode tornar-se critica

  5. Não acho mal a ser verdade o procedimento que foi descrito.
    Desde que haja distanciamento,uso de máscaras e medição de temperatura podem operad com público reduzido

  6. mahal deus1 mês

    isso pode dar merda, mas os fãs estão ali porque querem, mas sla, é meio zuado

  7. João da Cena1 mês

    “O jornalista apurou que…” O Ryan Satin/PWS não apurou nada. A fonte do Pro Wrestling Sheet é um user do reddit

    • João da Cena1 mês

      Se de facto a fonte for verdadeira, o que para mim é uma grande incógnita, acho que fizeram mal. Deve-se arriscar o menos possível

  8. A minha opinião é que o pessoal é muita coninhas… Qualquer dia não se pode sair de casa sem fazer testes… Tenham juízo

  9. Facts1 mês

    Por estas e por outras é que quem tem telhados de vidro não deve atirar pedras ao ar… “Sloppy shop”, right?

    • Ederzito1 mês

      É diferente.
      Segundo o que foi aqui descrito não houve sequer possibilidades de contacto entre os wrestlers e estes fãs, além disso os fãs não são empregados da AEW, logo não podem ser obrigados a ser testados, e a responsabilidade é desses fãs e não dá AEW caso apanhem covid.

      Na WWE há pessoas que trabalham na WWE e não foram testados, logo a responsabilidade é da WWE

    • Anónimo1 mês

      Acalme esse ódio com a AEW rapaz.

    • Facts1 mês

      Certo, compreendo o que dizes, mas não deixa de ser irresponsável. O meu ponto é, esta é uma situação que pode atingir qualquer um de surpresa e para quem criticou a WWE, deveria ter uma postura 100% exemplar e sem falhas.

    • Ederzito1 mês

      Certíssimo!

      Eu também estou reticente quanto a isto, mas de qualquer maneira acho que é “menos mau”

    • Facts1 mês

      Sim, no meio disto tudo ainda acaba por ser menos mau.

  10. Anónimo1 mês

    Não deixa de ser uma decisão arriscada, mas pronto. Ao menos estavam a usar máscara e com distanciamento.