A AEW transmitiu esta sexta-feira mais uma edição do Rampage no canal TNT, a partir da UW-Milwaukee Panther Arena em Milwaukee, Wisconsin, rumo ao Forbidden Door do próximo domingo, dia 26 de Junho.

Resultados

Andrade El Idolo venceu Rey Fenix
ROH Women’s World Champion Mercedes Martinez & Serena Deeb venceram Sierra & Laynie Luck
– HOOK venceu The DKC
– IWGP World Tag Team Champion Jeff Cobb venceu ROH & AAA World Tag Team Champion Cash Wheeler

Vídeos

Watch Wrestling

Report

– Andrade El Idolo venceu Rey Fenix: Os dois lutadores mostraram desde cedo que se conhecem muito bem e tivemos vários contra-ataques desde os primeiros momentos, tendo a Rey Fenix dado-lhe alguma vantagem, isto até o seu adversário ter feito batota.

Andrade El Idolo dominou então durante vários minutos, mas o luchador começou a dar luta e com isso as quase vitórias foram começando a surgir.

Isso fez com que Jose tentasse interferir, tendo sido parado por Alexa Abrahantes, toda esta confusão distraiu a árbitra e abriu espaço para Rush aparecer nas costas de Rey Fenix e acertar-lhe um low blow que abriu espaço a Andrade El Idolo de acertar o seu Hammerlock DDT e vencer este opener.

Assim que o combate terminou, Andrade El Idolo e Rush festejaram a vitória, tendo este último tirado a máscara a Rey Fenix, o que fez com que Penta Oscuro viesse com uma pá, para ajudar o seu irmão.

Nos bastidores, Eddie Kingston afirmou que até está excitado com o Forbidden Door, mas a sua cabeça só está no Blood & Guts e que só irá parar quando provar o sangue de Chris Jericho.

– ROH Women’s World Champion Mercedes Martinez & Serena Deeb venceram Sierra & Laynie Luck: As veteranas dominaram desde o primeiro segundo e não deram hipótese às suas adversárias, tendo vencido quando aplicaram duas submissões às suas adversárias que tiveram de desistir.

Depois do combate terminar Mercedes Martinez e Serena Deeb discutiram um pouco, mas sem chegar a vias de facto.

A seguir tivemos um video package da Tully Blanchard Enterprise, tendo o patrão desta equipa afirmado que eles estão na AEW para vencer e que todos no balneário estão avisados.

Continuando no backstage, o ROH World Champion Jonathan Gresham e Lee Moriarty foram entrevistados, mas foram interrompidos por Tully Blanchard, tendo os dois lutadores desafiado a Tully Blanchard Enterprise para um combate.

– HOOK venceu The DKC: HOOK destruiu mais um adversário e no final venceu com o seu Red Rum.

Nos bastidores antes do main event, tanto Cash Wheeler como Jeff Cobb mostraram respeito um pelo outro, mas ambos se mostraram focados em vencer tanto neste Rampage como no Forbidden Door.

– IWGP World Tag Team Champion Jeff Cobb venceu ROH & AAA World Tag Team Champion Cash Wheeler: O main event começou de forma agressiva e com os dois lutadores a tentarem vencer o mais rapidamente possível.

Como a agressividade nunca baixou o nível, as quase vitórias foram começando a aparecer por parte dos dois lutadores, mas no final, Jeff Cobb acertou o seu Tour fo The Islands e conquistou a vitória.

Assim que o main event terminou, Great-O-Khan e Dax Harwood vieram para o ringue e tivemos uma brawl, sendo que WIll Ospreay e Aussie Open, tal como Orange Cassidy, Eddie Kingston e os Roppongi Vice se juntaram à confusão, isto até o “Mad King” decidir atacar Chris Jericho que teve de fugir pelo meio do público.


O que achaste deste AEW Rampage?

4 Comentários

  1. Dark Nash2 meses

    Rey Fenix virou um jobber de luxo na AEW agora

  2. Gostei:
    – Andrade El Idolo vs Rey Fenix. Ótimo combate, mas o final foi medíocre. Preferia que o Rush tivesse atacado o Rey Fenix no ring em vez de ser aquela treta no ring entre os managers.
    – Cash Wheeler vs Jeff Cobb. Um bom combate. O Jeff Cobb merecia ter, pelo menos, 1 combate no main event da AEW a caminho do Forbidden Door e teve aqui uma boa química com o Cash Wheeler. Todo o caos pós-combate é mais do mesmo.

    Não Gostei:
    – Deeb & Martinez vs Luck & Sierra. Uma squash misturada com “Será que conseguem coexistir?” Por amor da Santa!
    – Hook vs The DKC. Mais uma squash para Hook. Nada de substância.

    Overall: 6/10. Um go-home show satisfatório, nada de especial. O grande destaque vai para o combate de abertura entre Andrade e Fenix.

  3. DaniFixe2 meses

    Bom primeiro e último combate. E as picardias entre Jericho e Eddie, nunca cansam. Os comentários do Jericho é de rir e chorar por mais.

  4. Anónimo2 meses

    Bom main event.