Britt Baker é a atual AEW Women’s World Champion, tendo redito o título no main event do especial Battle Of The Belts deste sábado, e também uma das mais populares lutadoras da empresa de Tony Khan.

Em entrevista ao podcast In The Kliq, Britt Baker revelou as lutadoras fora da AEW que quer enfrentar, tendo também mandado uma farpa à WWE, dizendo que com tantos despedimentos já nem é preciso a forbidden door.

Uma das minhas melhores amigas e penso que é uma das melhores lutadoras do mundo é a Deonna Purrazzo. Ela luta no Impact Wrestling. Adoraria um dia lutar contra ela.

Sem querer mudar de tema, mas infelizmente a WWE tem despedido tantos lutadores que neste momento nem sequer é preciso atravessar nenhuma forbidden door. Há tantas lutadoras talentosas que estão livres neste momento. Há tantas lutadoras que eu adoraria enfrentar e que nunca enfrentei antes.

Por exemplo, Toni Storm, ela é absolutamente fenomenal. Ela tem lutado em todo o mundo. Eu nunca lutei com ela. Adoraria de alguma forma lutar contra ela um dia.


Gostarias de ver Britt Baker a enfrentar estas duas lutadoras?

8 Comentários

  1. El Cuebro1 semana

    A Britt está certa em minha opinião e essa semana vimos um exemplo disso no anúncio da Royal Rumble feminina, onde a WWE teve que recorrer às suas lendas, assim como foi na primeira edição que a Asuka venceu, muita gente criticou a WWE por isso, demitiu ótimas lutadoras e hoje em dia está com uma divisão feminina ativa entre Raw e SD muito pequena, digo em número de lutadoras, sim tivemos o anúncio da Mickie e uma possível parceria com o Impact, mas acho que a curto prazo nem isso resolve essa falta!

    • MC1 semana

      Bah. Respeitosamente, vou discordar da opinião. A WWE sempre recorreu às lendas, especialmente no Rumble feminino. 2020, 2019……. nunca foi preciso haverem 100 despedimentos para aparecerem as lendas femininas na Rumble.

    • Ricky11691 semana

      O problema é ja ter chamado 7/8 lendas no rumble mas mesmo assim só tem 19 lutadoras confirmadas.
      Ou seja, tem 1 grande falta de opções. Nao me espantava que mais lutadores da impact sejam escolhidas para o rumble.

    • Luis1 semana

      Mas a wwe sempre chamou as suas lendas pra lutar no royal rumble novida nenhuma .

    • The Name1 semana

      MC, o problema é que eles agora não têm mulheres suficientes no main roster para fazer por exemplo as 30 participantes, isto a conta sem as lendas, uma ou outra não são nem se quer lendas, mas chamar tantas como este ano? E até chamar de outras empresas? Despediram tantas que nem há mulheres suficientes para o Royal rumble…

  2. Victor Silva1 semana

    Possivelmente a Toni Storm dará as caras na AEW. É uma lutadora jovem e promissora que acrescenta a qualquer divisão feminina se lhe derem a oportunidade.

  3. Era grandes combates sem dúvidas!

  4. Facebook Profile photo

    Deu a sua opinião sem ofender. Nothing wrong with that