Nas últimas semanas, a WWE avançou com uma série de despedimentos, pelo que foram vários os lutadores do NXT que abandonaram a empresa.

A 3 de Maio, ocorreram mais despedimentos por parte da WWE, entre eles: Drew Gulak, Gable Steveson, Julian Baldi, Trey Bearhill, Keyshawn Leflore, Valentina Feroz, Emma Diaz, Kiyah Saint, Ezekiel Balogun, Vlad Pavlenko e Darrell Mason.

A saída de Drew Gulak terá sido a mais polémica, já que o lutador foi acusar de praticar bullying nos bastidores e ainda foi acusado de assédio por parte de Ronda Rousey.

Segundo está a ser noticiado por Sean Ross Sapp do Fightful, esta onda de despedimentos tem sido um tópico de conversa nos bastidores da WWE, o que gerou alguma tensão e frustração a nível interno.

Várias fontes indicaram ao jornalista que as Superstars do NXT que foram despedidos eram talentos que a empresa considerava não estarem a progredir o suficiente na sua formação.


O que pensas desta frustração nos bastidores da WWE após vários despedimentos?

6 Comentários

  1. J1 mês

    E ainda tem varios talentos,
    Não progredindo

  2. Arn1 mês

    Tudo para a TNA

  3. El Cuebro1 mês

    Se eles não progrediram em treinos imagino que fosse natural um despedimento e imagino que iremos ver mais, até porque os nomes que vem do NIL estão e são bem mal preparados, em vários aspectos, acho um grande erro a WWE ter desistido dos novos talentos, ou talentos em geral, das indies, como era no black and gold, ok que tem-se que ver pela formação de novos talentos, mas para isso eles precisam de muito mais preparo e tem que começar de bem cedo, não jogá-los à própria sorte por lá, aliás o HBK é um tanto culpado disso também!

  4. TakerVanDerVaart231 mês

    Honestamente não vi nada de mal nestes despedimentos, nada de muito chocante!
    Tudo pessoal que não estava a aparecer regularmente e que não estavam a progredir como a WWE esperava aparentemente. Tirando o caso Gulak, que é algo particular, tudo o resto enquadra-se no que mencionei anteriormente.
    Faz parte da vida das empresas, por isso esta conversa do descontentamento parece-me um bocado daquelas tangas habituais como há no futebol.

  5. Achei despedimentos normais..