O Impact Wrestling transmitiu esta quinta-feira mais uma edição do seu show semanal na AXS TV, a partir do Sam’s Town em Las Vegas, a última antes do Turning Point deste sábado, dia 20 de Novembro.

O Impact Wrestling é transmitido na AXS TV e Impact Plus

Resultados

– Brian Myers venceu Sam Beale (Before The Impact)
– Steve Maclin venceu Laredo
– Knockout’s World Tag Team Champions The IInspiration (Cassie Lee & Jessie McKay) venceram Undead Bridesmaids (Kimber Lee & Brandi Lauren) (Non-Title Match)
– Impact World Tag Team Champion Doc Gallows venceu Hikuleo
– The Demon & Decay (Black Taurus & Crazzy Steve) venceram Johnny Swinger, Hernandez & Fallah Bahh
– Josh Alexander venceu Minoru Suzuki

Vídeos

Watch Wrestling

Report

O Before The Impact começou com Josh Mathews e Gia Miller a rever o que de mais importante aconteceu na semana passada e a fazer a antevisão do que poderá acontecer esta noite, rumo ao Turning Point.

Em mais uma edição do Iceman Intel, George Iceman falou dos vários free agents que existem neste momento no mundo do Wrestling e deixou no ar a possibilidade de termos uma surpresa e estreia no Turning Point deste sábado.

– Brian Myers venceu Sam Beale (Before The Impact): Nesta batalha de professor vs estudante, foi este último que entrou melhor no combate, mas Brian Myers conseguiu inverter o rumo do combate fora do ringue e assumir o controlo do mesmo. Sam Beale foi dando luta e até equilibrou, com as oportunidades de vitória a começarem a surgir. Ainda assim, no final, Brian Myers levou a melhor com o Roster Cut.

Depois do combate, Brian Myers atacou Sam Beale à cadeirada, mas Rich Swann e Willie Mack apareceram em seu auxílio.

– Steve Maclin venceu Laredo: Neste combate estava em jogo a possibilidade de Steve Maclin também lutar pelo X-Division Championship no Turning Point, pelo que o lutador foi sendo bastante agressivo. Ainda assim, Laredo Kid teve os seus momentos graças à sua velocidade e agilidade, e as oportunidades de vitória surgiram para ambos. No final, Steve Maclin aplicou um Spear no canto, seguido de um Mayhem For All para a vitória.

Assim sendo, no Turning Point deste sábado teremos um Triple Threat Match pelo X-Division Championship, entre o campeão Trey Miguel, Laredo Kid e Steve Maclin.

 

No backstage e depois do Con-Chair-To aplicado por Brian Myers a Sam Beale no Before The Impact, Rich Swann desafiou-o para um combate no Turning Point.

Ainda no backstage, Trey Miguel mostrou-se preparado para também enfrentar Steve Maclin no Triple Threat Match pelo X-Division Championship no Turning Point, e quer acabar com a sua streak.

Ainda no backstage, Gia Miller entrevistou Ace Austin, mas este foi interrompido por Chris Sabin, que o veio desafiar para um rematch no Turning Point. Depois de ter recusado o desafio, Ace Austin mudou de ideias e tornou o combate oficial. Tivemos depois uma brawl, com Chris Sabin a levar a melhor e a prender Madman Fulton num frigorífico.

– Knockout’s World Tag Team Champions The IInspiration (Cassie Lee & Jessie McKay) venceram Undead Bridesmaids (Kimber Lee & Brandi Lauren) (Non-Title Match): As IInspiration estrearam-se nos ringues do programa semanal do Impact Wrestling, mas primeiro tiveram de “fugir” das adversárias. Ainda assim, a dupla de campeãs mostrou maior experiência enquanto equipa e no final arrecadaram a vitória com uma Powerbomb.

Depois do combate, as luzes apagaram-se e os Decay apareceram para cercar Cassie Lee & Jessie McKay e deixar uma mensagem rumo ao Knockout’s World Tag Team Championship Match do Turning Point.

Em entrevista a Gia Miller, Chelsea Green mostrou-se preparada para enfrentar Jordynne Grace pelo Digital Media Championship no Countdown To Turning Point. Também no especial deste sábado, Matt Cardona e W. Morrissey vão disputar uma oportunidade pelo Impact World Championship.

A seguir tivemos uma entrevista de Gia Miller a Eddie Edwards, mas o Impact World Champion Moose atacou-o e tivemos uma brawl entre os dois que foi até ao ringue. Moose aplicou Powerbombs a Eddie Edwards no apron, mas este respondeu à cadeirada. O candidato ao título colocou o campeão sobre uma mesa e subiu um escadote, mas Moose fugiu a tempo.

Já no backstage, Scott D’Amore informou Moose que o Impact World Championship Match contra Eddie Edwards no Turning Point passou a ser um Full Metal Mayhem!

Ainda no backstage, Mercedes Martinez mostrou-se determinada para conquistar o Knockout’s Championship no combate que terá contra a campeã Mickie James no Turning Point.

– Impact World Tag Team Champion Doc Gallows venceu Hikuleo: Neste choque de titãs, foi Doc Gallows que entrou melhor e mais agressivo, levando a ação para fora do ringue. No entanto, o Bullet Club distraiu o árbitro, permitindo a Hikuleo aplicar um low blow e controlar o combate por algum tempo. Ainda assim, Doc Gallows recuperou e equilibrou a contenda, e com isso as oportunidades de vitória começaram a surgir para ambos. No final, Doc Gallows aplicou uma Sitdown Powerbomb para a vitória, ganhando ímpeto para o combate do Turning Point.

A seguir, Gia Miller entrevistou Deonna Purrazzo, que apareceu e falou pela primeira vez desde que perdeu o Knockout’s Championship para Mickie James no Bound For Glory. A “Virtuosa” não se mostrou receptiva às questões da entrevistadora e afirmou que só ali estava porque era contratualmente obrigada. No fim, a ex-campeã afirmou que o mundo terá de esperar para ficar a conhecer o seu “próximo passo”.

A seguir, Scott D’Amore deu aos FinJuice (David Finlay & Juice Robinson) uma oportunidade de recuperarem da derrota contra o Bullet Club, enfrentando os Decay (Crazzy Steve & Black Taurus) no Countdown To Turning Point.

Noutra zona do backstage, Eric Young prometeu acabar de vez os seus problemas com Rhino, quando os Violent By Design enfrentarem Rhino & Heath no Turning Point.

– The Demon & Decay (Black Taurus & Crazzy Steve) venceram Johnny Swinger, Hernandez & Fallah Bahh: Johnny Swinger procurava vingança neste combate, mas foram os Decay a entrar melhor. Ainda assim, Hernandez entrou para virar o combate, com uma Powerbomb em Crazzy Steve. No entanto, este foi resistindo e conseguiu fazer o tag a The Demon, que virou o combate do avesso com o apoio dos Decay. Depois de alguma confusão e oportunidades, The Demon arrecadou a vitória por submissão, fazendo Johnny Swinger desistir.

No backstage, as Decay ofereceram ajuda a John E Bravo para este fazer Johnny Swinger feliz, em troca de sangue…

Depois foi a vez da Digital Media Champion Jordynne Grace afirmar que Chelsea Green não a conseguirá vencer no Countdown To Turning Point, pois ela vai reter o título.

Noutra zona do backstage, a Knockout’s Champion Mickie James disse que já deveria estar à espera do ataque de Mercedes Martinez, mas prometeu vingar-se e reter o título no Turning Point.

A seguir foram promovidos os vários combates que irão acontecer no Turning Point deste sábado.

– Josh Alexander venceu Minoru Suzuki: Este dream match começou de forma bastante técnica e dividida, mas o lutador japonês passou-se com os seguranças fora do ringue e a agressividade aumentou. Os dois lutadores envolveram-se numa brawl na stage e nenhum dos dois conseguiu controlar por muito tempo. De volta ao ringue, Josh Alexander e Minoru Suzuki foram recorrendo a grandes golpes de impacto para tentar vencer. No final, o antigo Impact World Champion inverteu o Gotch Piledriver num Back Bodydrop e aplicou o C4 Spike para a vitória.

Depois do combate, Josh Alexander celebrou a sua monumental vitória com a mulher, Jade.

 

O Impact Wrestling terminou com a confirmação de que na próxima semana teremos um Wrestle House 2 especial de Thanksgiving.


O que achaste desta edição do Impact Wrestling?

1 Comentário

  1. El Cuebro2 semanas

    Um show bem sólido do Impact, uma boa prévia para o Turning Point, acho que a pior parte foi a dupla das Undead Bridemaids, sinceramente duas boas lutadoras como a Brandi Lauren e a Kimber Lee utilizadas como capangas da Su Yung não dá, elas são melhores que isso, outra coisa que devo citar é que o Bullet Club atual é de dar risada, ficou uma stable aleatória demais, seria bom ver o “clássico” de volta! No mais bom show, gostei muito do main event com Minoru e Alexander, uma luta de muita técnica e força, gostei do momento entre Moose e Eddie, Chelsea Green vs Jordy Grace promete demais, assim como Cardona vs Morrissey, a luta de trios com os Decay foi um tanto doida, ainda mais com o Demon lá, mas foi boa de ver, a luta dos gigantes foi boa também e além do main event a luta entre Maclin e Laredo foi outra muito boa de se ver e das melhores do episódio, o Turning Point promete, assim como o futuro do Impact!!