A Anthem Sports & Entertainment transmitiu este sábado, a partir da Skyway Studios em Nashville, Tennessee, mais um especial do Impact Wrestling, o Hardcore Justice, rumo ao Rebellion de 25 de Abril.

O Hardcore Justice é transmitido na FITE TV. Subscreve!

Resultados

– Josh Alexander & Petey Williams venceram X-Division Champion Ace Austin & Madman Fulton e TJP & Fallah Bahh
– Shera venceu Hernandez (Chairly Legal Match)
– Doc Gallows venceu Black Taurus
– Matt Cardona venceu Johnny Swinger (Mystery Crate Match)
– Sami Callihan venceu Sam Beale
– Jake Something venceu Brian Myers (Hardcore Blindfold Match)
– Tenille Dashwood venceu Rosemary, Alisha, Jordynne Grace, Havok e Su Yung (Knockout’s Championship Nº1 Contender’s Weapon Match)
– Knockout’s Champion Deonna Purrazzo venceu Jazz (Title vs Career Match)
– Violent By Design (Eric Young, Joe Doering, Deaner & Rhino) venceram Impact World Champion Rich Swann, Willie Mack, Eddie Edwards & Trey Miguel (Hardcore War)

Report

O Hardcore Justice começou com um video package da rivalidade de Eric Young e Tommy Dreamer, que culminará num Hardcore War no main event da noite, entre os Violent By Design e a equipa da lenda da ECW, do Impact World Champion Rich Swann, Willie Mack e Eddie Edwards.

Depois disso tivemos logo a primeira surpresa deste especial, com Petey Williams a fazer o seu regresso, mais de um ano depois, para se aliar a Josh Alexander num Triple Threat Tag Team Match.

– Josh Alexander & Petey Williams venceram X-Division Champion Ace Austin & Madman Fulton e TJP & Fallah Bahh: O combate foi naturalmente caótico, com o domínio e as oportunidades de vitória a serem divididas entre os três equipas. No final, Josh Alexander & Petey Williams venceram com um Canadian Destroyer em TJP e uma Grapevine Ankle Lock em Fallah Bahh.

– Shera venceu Hernandez (Chairly Legal Match): Num combate que teve muitas cadeiras à mistura, no final vimos Rohit Raju a aparecer e a despachar Hernandez, permitindo assim a Shera fazer o pin e arrecadar a vitória.

Durante um segmento no Swinger’s Palace ficámos a saber que Johnny Swinger vai enfrentar Matt Cardona num Mystery Crate Match, mais tarde neste Hardcore Justice.

Doc Gallows venceu Black Taurus: O membro dos Decay até teve alguns momentos de destaque contra o lutador dos Good Brothers, mas Doc Gallows queria sair do Hardcore Justice com uma vitória. Black Taurus ficou perto de vencer com um 619 e Missile Dropkick, mas Doc Gallows contou com a distração de Karl Anderson. Crazzy Steve despachou-o, mas Doc Gallows aproveitou para aplicar uma Powerbomb no adversário e assim vencer o combate.

Os Violent By Design e em especial Eric Young deixaram uma mensagem clara para o Hardcore War de mais tarde. O combate contra Tommy Dreamer, Rich Swann, Willie Mack e Eddie Edwards vai ser violento.

– Matt Cardona venceu Johnny Swinger (Mystery Crate Match): Num combate com muita comédia à mistura, uma das caixas tinha uma fotografia de Scott Hall lá dentro, outra tinha uma ratoeira na qual Johnny Swinger ficou com os dedos entalados e outra tinha uma soqueira. Matt Cardona venceu o combate com o Famouser e depois atacou Johnny Swinger com a soqueira, levando para casa uma última caixa por abrir.

Chris Sabin e James Storm apareceram a divertirem-se no Swinger’s Palace.

Sami Callihan veio até ao ringue fazer uma promo lançando um open challenge e quem apareceu foi Sam Beale, e tivemos então um combate entre os dois.

Sami Callihan venceu Sam Beale: Este foi um combate quase de sentido único. No final, Sam Beale quase conseguiu um pin rápido sobre Sami Callihan, mas este respondeu com um Package Piledriver e arrecadou a vitória.

 Jake Something venceu Brian Myers (Hardcore Blindfold Match): Os dois lutadores passaram o combate de cabeça tapada e foi por isso muito complicado terem o domínio do mesmo. Mesmo quando o tiveram, era isto que depois tínhamos…

No final, Brian Myers fez batota e ia encaminhar-se para a vitória, mas Matt Cardona apareceu e começou a fazer barulhos. Jake Something aproveitou para atacar o adversário com a caixa de Matt Cardona e vencer o combate. Dentro da caixa estavam várias action figures.

Numa promo de backstage, a equipa de Tommy Dreamer, Impact World Champion Rich Swann, Willie Mack e Eddie Edwards mostrou-se confiante para o Hardcore War contra os Violent By Design.

Depois do que já tínhamos visto no Impact Wrestling da passada quinta-feira, durante as entradas para o combate seguinte, Su Yung apareceu, atacou e “substituiu” Susan. A “Undead Bride” está de volta!

Tenille Dashwood venceu Rosemary, Alisha, Jordynne Grace, Havok e Su Yung (Knockout’s Championship Nº1 Contender’s Weapons Match): Este combate foi completamente caótico do início ao fim e ainda mais ficou conforme algumas armas começaram a ser usadas, como agrafadores, tabuleiros de metal, pioneses, kendo sticks, entre outras.

No final, Jordynne Grace quase conseguiu a vitória sobre Havok com uma Vader Bomb, mas Kaleb interferiu tirando-a do ringue e aplicando-lhe um Superkick. Naturalmente, quem aproveitou foi Tenille Dashwood, que fez o pin em Havok e tornou-se a nova candidata principal ao Knockout’s Championship.

Novamente no Swinger’s Palace, Chris Sabin, James Storm e os XXXL beberam que se fartaram e depois começaram um desafio de beer pong que acabou em brawl.

Knockout’s Champion Deonna Purrazzo venceu Jazz (Title vs Career Match): A veterana Jazz colocou a sua carreira em jogo neste combate pelo Knockout’s Championship. Apesar de ter tido alguns momentos de destaque e quase ter vencido após uma cadeirada e um DDT na cadeira, a vitória acabou por sorrir a Deonna Purrazzo. A campeã aplicou o Queen’s Gambit para a vitória, retendo assim o seu título.

A carreira de Jazz chega assim aparentemente ao fim, tendo Jordynne Grace ido ao ringue abraçá-la.

Tommy Dreamer foi atacado no backstage antes do main event da noite.

Violent By Design (Eric Young, Joe Doering, Deaner & Rhino) venceram Impact World Champion Rich Swann, Willie Mack, Eddie Edwards & Trey Miguel (Hardcore War): Deaner e Eddie Edwards começaram o combate, mas Rhino foi o lutador seguinte a entrar e a vantagem numérico deu o domínio aos Violent By Design. O equilíbrio foi reposto com a entrada de Willie Mack, mas Joe Doering voltou a dar o domínio à sua equipa. Também o Impact World Champion Rich Swann equilibrou o combate, mas Eric Young repôs o domínio para a sua stable com um taco de hockey.

O combate começou a ficar completamente caótico com tantos lutadores em ringue e várias armas a serem usadas. A superioridade dos Violent By Design só cedeu com a entrada surpresa de Trey Miguel, que assumiu o lugar de Tommy Dreamer no combate, e nem o tamanho de Joe Doering o intimidou.

A ação continuou sempre a todo o gás até ao fim, com golpes incríveis a acontecerem dando dentro como fora do ringue, e ambas as equipas ficaram próximas da vitória por várias vezes. Um exemplo disso foi este Meteora de Trey Miguel, da terceira corda para fora do ringue e através de uma mesa.

No entanto, acabariam por ser os Violent By Design a arrecadar a vitória, depois de Eric Young aplicar um Piledriver em Willie Mack e fazer o pin da vitória. O Hardcore Justice terminou assim com os festejos dos Violent By Design.


O que achaste deste Impact Wrestling Hardcore Justice?

2 Comentários

  1. El Cuebro6 meses

    Gostei do Justice, Petey Williams de volta, como deixam um cara desses longe, grande parceria com o Alexander, me surpreendi também com a Tenille vencendo a luta pelo nº1 contender e vai enfrentar a ainda campeã Deonna que aposentou a Jazz num bom combate! Gostei também da vitória do Something, acho que sai bem elevado da luta, o mesmo do Shera que possivelmente passou por uma face turn agora! No mais não entendi a luta do Cardona e ficou faltando o resultado da luta dos Violent by Design vs o Team Dreamer, com vitória dos Violent, numa grande luta!

  2. Facebook Profile photo
    sandro castanho miguel bragado6 meses

    ta muito dificil arranjar sites para ver os shows completos .